Matić e Artur saboreiam triunfo e apuramento

Autor do golo da vitória ante o Leverkusen, Nemanja Matić disse que o Benfica eliminou uma excelente equipa, ao passo que Artur enalteceu a determinação dos "encarnados".

Nemanja Matić selou a vitória do Benfica
Nemanja Matić selou a vitória do Benfica ©AFP/Getty Images

Nemanja Matić, autor do golo da vitória do SL Benfica ante o Bayer 04 Leverkusen (2-1), garantiu que os "encarnados" deixaram pelo caminho uma excelente equipa, ao passo que Artur enalteceu a determinação da sua equipa. Daniel Carvajal e André Schürrle
lamentaram as oportunidades desperdiçadas pelos alemães.

Nemanja Matić, médio do Benfica
Foi uma vitória muito difícil, contra uma excelente equipa, recheada de bons jogadores. Agora vamos defrontar o [FC Girondins de] Bordeaux e tenho a certeza que vai ser muito difícil também. Nesta fase todas as equipas praticam bom futebol, mas temos algum tempo para preparar esse jogo. É verdade que vamos ter muitos jogos num curto espaço de tempo mas temos de estar preparados. Representamos o Benfica e temos de estar preparados para tudo. Estou muito feliz com o golo que marquei esta noite, mas o mais importante foi ter ajudado a equipa a vencer. Vou falhar a primeira mão [por castigo], mas temos outras soluções de enorme valia no plantel.

Artur, guarda-redes do Benfica
Fizemos um bom jogo, de acordo com o adversário que tínhamos pela frente. Sabíamos que eles vinham aqui a Lisboa tentar o "tudo ou nada" mas dentro das oportunidades que tivemos conseguimos fazer os golos que nos deram a vitória. Fico feliz quando posso ajudar a minha equipa e o meu trabalho é mesmo esse, procurando dar o meu melhor, por forma a dar alegrias aos nossos adeptos, que nos voltaram a apoiar de uma forma incrível. O Bordéus é mais um adversário muito difícil, que nos últimos
anos participou na UEFA Champions League. Tem muita qualidade mas nós sabemos a nossa força e tudo faremos para passar mais uma eliminatória.

Daniel Carvajal, defesa do Bayer Leverkusen
Foi um jogo equilibrado e na primeira parte tivemos duas ou três ocasiões soberanas para nos colocarmos em vantagem. Não aproveitámos e o Benfica fez exactamente o contrário, já que capitalizou as oportunidades de que dispôs. Faltou-nos um pouco de sorte, tanto no primeiro jogo, na BayArena, como hoje, em que Kiessling acertou no poste logo nos primeiros minutos. É certo que tínhamos perdido o primeiro jogo, mas vínhamos preparados para ganhar e penso que o resultado é um pouco injusto. Merecíamos mais mas o futebol é assim e temos de dar os parabéns ao Benfica.

André Schürrle, avançado do Leverkusen
É um resultado difícil de aceitar. Fizemos 90 minutos de excelente nível, com inúmeras oportunidades e podíamos ter marcado mais dois ou três golos. Contudo, temos de aceitar este desfecho. Ao intervalo o treinador disse-nos para continuarmos a jogar da mesma forma, até porque eramos a melhor equipa em campo. Sofremos um golo, que por sinal foi excelente, e foi difícil de responder. Contudo, ainda chegámos ao empate, mas o segundo golo deles, logo a seguir ao nosso, deixou tudo muito complicado. O guarda-redes do Benfica é muito bom e fez algumas defesas de
grande nível. Podia ter marcado dois ou três golos, mas temos de continuar de cabeça levantada para o que falta da época.