Levante volta a abater Olympiacos

Olympiacos FC 0-1 Levante UD (total: 0-4)
O golo de cabeça de Obafemi Martin, no Pireu, confirmou o confronto do estreante europeu com o Rubin nos oitavos-de-final.

Obafemi Martins e Míchel festejam o golo da vitória do Levante no terreno do Olympiacos
Obafemi Martins e Míchel festejam o golo da vitória do Levante no terreno do Olympiacos ©AFP/Getty Images

Um golo de cabeça de Obafemi Martins confirmou a qualificação do estreante europeu Levante UD para os oitavos-de-final e o confronto com o FC Rubin Kazan.

Num final de tarde chuvoso no Piréu, o UD Levante cedo afastou as dúvidas quanto à sua qualificação para a fase seguinte da UEFA Europa League mercê de um golo apontado pelo avançado Obafemi Martins, aos 9 minutos, que colocou a diferença nuns inatingíveis 4-o para o Olympiacos FC, indo agora defrontar nos oitavos de final o FC Rubin Kazan.  

Com os homens de Juan Ignacio Martínez a não darem sinal da falta de experiência em competições europeias, foi José Barkero quem abriu as hostilidades com um remate à barra da baliza de Roy Carrol. Pouco depois, na sequência de um canto cobrado pelo mesmo jogador, Martins fez o único golo da partida.

O Levante tomou então conta do jogo, passando a actuar em contra-ataque e, num desses lances, aos 40 minutos, Martins teve nova ocasião para marcar mas, desta feita, Carrol ganhou o duelo particular ao avançado nigeriano.

O treinador do Olympiacos, Michel, no propósito de dar mais imaginação ao jogo dos gregos, fez entrar na segunda parte Giannis Fetfatzidis e o efeito foi quase imediato, com Rafik Djebbour e José Holebas, aos 60 minutos, a disporem de duas boas ocasiões para marcar. Mas, do outro lado, ninguém dava descanso com Michel e Martins, no ataque do Levante, muito activos na busca de espaços.

Keylor Nava, guarda-redes do Levante, foi o último a brilhar ao negar com uma excelente defesa a Dimitris Siovas, o que seria o golo consolação do Olympiacos.