Oliynyk apura Metalist perto do fim

FC Metalist Kharkiv 2-1 Debreceni VSC
Um golo de Denys Oliynyk, aos 88 minutos, completou a reviravolta e confirmou o apuramento dos ucranianos para os 16 avos-de-final.

Oliynyk apura Metalist perto do fim
Oliynyk apura Metalist perto do fim ©Getty Images

O FC Metalist Kharkiv garantiu o apuramento para os 16 avos-de-final da UEFA Europa League, depois de Denys Oliynyk ter garantido, aos 88 minutos, a reviravolta (2-1) contra o Debreceni VSC.

Os visitantes húngaros - a equipa menos concretizadora da prova até à quarta jornada - adiantaram-se no marcador aos 48 minutos, por Péter Czvitkovics. A festa só durou quatro minutos, já que Ádám Bódi assinou um autogolo e o Debreceni parece encaminhar-se para acabar com a série de dez derrotas consecutivas em fases de grupos das provas europeias, mas Oliynyk acabaria por dar o triunfo ao Metalist.

A primeira parte não deixava adivinhar o que aconteceria na segunda metade, apesar de Marko Dević ter obrigado Mindaugas Malinauskas a defesa atenta. A resposta surgiu por Bódi que, com um remate forte de fora da área, proporcionou uma intervenção complicada a Maxym Startsev.

O Debrecen tinha sido goleado (5-0) no primeiro duelo entre as equipas, na jornada 1, e mostrou vontade de conseguir outro desfecho, surpreendendo a equipa de Myron Markevich logo no início da segunda parte. Péter Kabát encontrou espaço no flanco direito e cruzou para a conclusão fácil de Czvitkovics.

O empate do Metalist foi bafejado pela sorte já que o remate de Oliynyk foi devolvido pelo poste e bateu em Bódi antes de entrar na baliza - foi o 100º golo sofrido pelo Debrecen nas competições europeias. Com a UC Sampdoria a empatar, em casa, com o PSV Eindhoven por essa altura, o Metalist sabia que mais um golo seria suficiente para se juntar à equipa holandesa no lote de apurados.

Os ucranianos aumentaram a pressão, mas o acerto na finalização não era o melhor, com Edmar a rematar à figura de Malianauskas e Oliynyk a atirar por cima quando estava em excelente posição. Mas o golo do triunfo e do apuramento chegaria quando Oliynyk apareceu junto da linha de fundo e enganou Malianauskas com um remate ao primeiro poste. O Metalist fica, assim, a três pontos do PSV, mas ainda pode garantir o primeiro lugar do grupo na última jornada.