Acreditar até ao fim

O adjunto do Nacional, José Augusto, não perde a esperança e quer ganhar frente ao Bremen, "a melhor equipa do Grupo L", para dedicar o triunfo ao treinador Manuel Machado.

Acreditar até ao fim
Acreditar até ao fim ©UEFA.com

O treinador adjunto do Nacional, José Augusto, não perde a esperança de seguir em frente na UEFA Europa League e quer ganhar a partida frente ao Werder Bremen, "a melhor equipa do Grupo L", para dedicá-la ao treinador Manuel Machado, a recuperar de uma intervenção cirúrgica.

José Augusto, adjunto do Nacional
É o encontro mais difícil do Nacional e frente à melhor equipa do Grupo L. Contudo, isso não nos inibe de jogar para tentarmos vencer. Demos boa resposta no Funchal e mostrámos ter qualidade para vencer, embora o Bremen seja um conjunto com elevada capacidade. A ideia é lutar com todas as forças, jogar para a vitória e dedicá-la ao treinador. Só podemos pensar nas possibilidades de qualificação até à última jornada caso ganhemos em Bremen e o Bilbau saia derrotado da Áustria. Acredito nessa hipótese e desejo que a equipa consiga responder ao desafio.