Twente recebe antigo finalista

O clube holandês vai tentar impedir o Marselha, finalista derrotado em 1999 e 2004, de prosseguir em busca da glória na Taça UEFA, quando ambos se encontrarem na Holanda.

O Twente festeja um golo na Taça UEFA
O Twente festeja um golo na Taça UEFA ©Getty Images

O FC Twente vai tentar impedir o Olympique de Marseille, finalista derrotado nas temporadas 1998/99 e 2003/04, de prosseguir em busca da glória na Taça UEFA, quando as duas equipas se encontrarem na Holanda, na segunda mão dos 16 avos-de-final.

• A formação holandesa venceu o jogo da primeira mão, por 1-0, naquele que foi o primeiro embate entre ambas as equipas. O único golo do encontro disputado em França foi apontado por Marko Arnautovic. 

• O Twente disputou agora seis jogos frente a adversários franceses nas provas europeias, sofrendo quatros derrotas e somando duas vitórias. Os dois jogos em casa frente a clubes da Ligue 1 terminaram com uma vitória e uma derrota.

• O Marselha é o terceiro adversário da Liga francesa que o Twente enfrenta nesta temporada. Levou a melhor sobre o Stade Rennais FC na primeira eliminatória graças aos golos apontados fora, e perdeu, depois, por 4-0 no terreno do Paris Saint-Germain FC no Grupo A da fase de grupos. Essas foram as duas primeiras ocasiões em que o treinador principal do Twente, Steve McClaren, teve pela frente formações gaulesas.

• O Marselha já disputou dez jogos contra equipas holandesas, registando no conjunto desses encontros três vitórias, um empate e seis derrotas.

• O Marselha encontrou um dos antigos clubes do treinador Erik Gerets, o rival do Twente, PSV Eindhoven, na fase de grupos da presente edição da UEFA Champions League. A formação marselhesa perdeu por 2-0 na Holanda e venceu por 3-0 em casa.

• Antigo lateral-direito internacional belga, Gerets jogou na Holanda com a camisola do MVV Maastricht na temporada 1984/85, antes de se transferir para o PSV, onde alinhou durante sete anos, entre 1985 e 1992. Treinou, depois, o PSV entre 1999 e 2002.

• Gerets enfrentou agora por cinco vezes equipas holandesas nas provas da UEFA, registando uma vitória e quatro derrotas. Nos dois encontros em que as suas equipas jogaram em casa, somou um triunfo e um desaire.

• Gerets defrontou ainda a selecção da Holanda ao serviço da selecção da Bélgica em quatro ocasiões. ganhou por uma vez, empatou outra e perdeu duas. A sua única vitória contra a selecção "laranja" foi alcançada em solo belga.

• O médio holandês do Marselha, Boudewijn Zenden, é, naturalmente, um profundo conhecedor do futebol praticado pelas equipas do principal escalão do seu país natal, tendo representado o PSV entre 1994 e 1998.

• Zenden poderá, também, ter uma ideia sobre a abordagem táctica do Twente, uma vez que alinhou sob as ordens de McClaren durante duas temporadas no Middlesbrough FC, entre 2003 e 2005.

• De facto, Zenden realizou algumas excelentes exibições sob o comando de McClaren no Riverside Stadium. Marcou o segundo golo do "Boro" no triunfo sobre o Bolton Wanderers FC na final da Taça da Liga Inglesa de 2003/04, naquele que foi o primeiro grande troféu do clube, e foi eleito jogador do ano para os adeptos em 2004/05 - a sua segunda e última temporada no Middlesbrough.

• O encontro da segunda mão, na Holanda, será o 50º jogo do Marselha na Taça UEFA.

• O Twente ganhou os três jogos que já disputou em casa a contar para a Taça UEFA esta época, todos pela diferença de um golo.

• O Marselha ganhou apenas dois dos últimos 15 jogos disputados fora de casa nas competições europeias, contabilizando duas vitórias, quatro empates e nove derrotas.

• O Twente nunca esteve envolvido num desempate através da marcação de grandes penalidades nas competições europeias.

• O Marselha já participou em dois desempates através de grandes penalidades nas competições europeias. Perdeu por 5-3 frente ao FK Crvena Zvezda, na final da edição 1990/91 da Taça dos Clubes Campeões Europeus, depois de um empate a zero, mas bateu o KFC Germinal Beerschot Antwerpen por 4-1, em casa, depois de ter terminado a primeira eliminatória da edição 2005/06 da Taça UEFA sem golos.

• Terceiro na Liga francesa da última temporada, o Marselha chega aos 16 avos-de-final da Taça UEFA depois de terminar também no terceiro lugar do Grupo D da fase de grupos da presente edição da UEFA Champions League. O Twente, por seu lado, terminou no quarto lugar da Liga holandesa em 2007/08, e garantiu um lugar na terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League - na qual ficou pelo caminho - através dos "play-offs" de final de temporada. Qualificou-se para estes 16 avos-de-final da Taça UEFA ao ficar no segundo lugar do Grupo A da prova.

• Romeo Denneboom e Rob Wielaert, com dois golos cada um, são os melhores marcadores do Twente nas provas europeias. Ainda assim, o último deixou o clube em Janeiro, tendo rumado ao AFC Ajax.

• Mamadou Niang é o melhor marcador do Marselha nas competições europeias esta época, já que apontou dois tentos na fase de apuramento para a UEFA Champions League e três nos jogos do Grupo D. 

• Eljero Elia, do Twente, está suspenso para o jogo da segunda mão, ao passo que os colegas Wout Brama, Douglas e Kenneth Perez estão a um cartão amarelo da suspensão, à imagem do que sucede com Ronald Zubar, do Marselha. 

• O vencedor desta eliminatória vai encontrar nos oitavos-de-final, a 12 e 18/19 de Março, o vencedor do embate entre ACF Fiorentina e AFC Ajax, sendo que jogará a primeira mão em casa.

• Existe, pois, a possibilidade de se verificar um confronto 100 por cento holandês na próxima ronda da Taça UEFA, caso Ajax e Twente levem a melhor nas respectivas eliminatórias dos 16 avos-de-final.