AZ perde terreno

Group D: O AZ Alkmaar não foi além de um empate, enquanto o Middlesbrough, seu adversário na terceira jornada, ganhou em casa depois de ter estado em desvantagem.

Nenhuma das equipas do Grupo D da Taça UEFA perdeu nos respectivos campeonatos no fim-de-semana. Middlesbrough FC, PFC Litex Lovech e FC Dnipro Dnipropetrovsk ganharam, enquanto AZ Alkmaar e Grasshopper-Club se ficaram por empates.

FC Groningen 0-0 AZ Alkmaar

O AZ não foi além de uma igualdade a zero em Groningen, resultado que deixou a equipa de Louis van Gaal no terceiro lugar do campeonato holandês, a três pontos do líder PSV Eindhoven e a dois do Feyenoord. Depois do jogo, o treinador do AZ afirmou: "O Groningen ganhou todas as segundas bolas na primeira parte. Foram melhores do que nós, a nível físico e psicológico. No segundo tempo, recuperámos bem. Não podemos fazer muito mais jogos como este, caso contrário não seremos campeões".

Van Gaal tem uma lista de lesionados que inclui Barry Opdam (joelho), Demy de Zeeuw (virilha), Pius Ikedia (coxa) and Juha Reini (tendão de Aquiles). Entretanto, vários jogadores do AZ estiveram ao serviço das selecções na semana passada. O guarda-redes Henk Timmer estreou-se pela Holanda na derrota por 3-1 com a Itália, num jogo particular em que também participaram Denny Landzaat e Joris Mathijsen. Ron Vlaar e Stijn Schaars representaram a selecção holandesa de Sub-21, que conseguiu apurar-se para a fase final do Campeonato da Europa da categoria, ao derrotar a Eslovénia por 2-0, no conjunto das duas mãos do "play-off" de qualificação.

Middlesbrough FC 3-2 Fulham FC

O Middlesbrough subiu ao 11º lugar da Premier League, tendo derrotado o Fulham no Estádio Riverside, numa partida em que esteve por duas vezes em desvantagem no marcador. Collins colocou os visitantes na frente logo no início da partida, através de um remate espectacular, mas James Morrison empatou aos 64 minutos, fazendo o seu primeiro golo da época. Pape Bouba Dioup voltou a dar vantagem ao Fulham, mas Yakubu Ayegbeni empatou novamente e Jimmy Floyd Hasselbaink definiu o resultado a seis minutos do fim, com um remate à boca da baliza. O defesa Gareth Southgate voltou à competição, depois de recuperar de uma pubalgia, e capitaneou uma equipa que não contou com Ugo Ehiogu. Morrison substituiu o lesionado Gaizka Mendieta (problema na perna) num esquema táctico de 3-5-2 em que Brad Jones ocupou a baliza devido à lesão num ombro de Mark Schwarzer, que juntamente com Mark Viduka, também ausente no sábado, ajudou a Austrália a derrotar o Uruguai na semana passada e a qualificar-se para a fase final de um Campeonato do Mundo pela primeira vez desde 1974.

"Foi preciso muito carácter para darmos duas vezes a volta ao marcador. Trabalhámos muito, mas merecemos a vitória porque fomos a melhor equipa", disse Hasselbaink. "Mudámos na segunda parte e começámos a criar-lhes problemas e oportunidades, pelo que penso que este resultado é justo. É importante subir na tabela. Este clube tem de estar entre o quinto e o sexto lugares, por isso precisamos de uma boa série de resultados. Não começámos bem, mas espero que esta vitória nos dê moral para o próximo jogo".

SC Tavriya Simferopol 0-1 FC Dnipro Dnipropetrovsk

O Dnipro ultrapassou a recente série de maus resultados, ganhando por 1-0 no terreno do Tavriya. O jogo foi decidido por um remate de longa distância do médio Konstyantyn Kravchenko, de apenas 19 anos, que permitiu à sua equipa subir ao nono lugar do campeonato da Ucrânia. O central Bohdan Shershun falhou o jogo devido a lesão, tendo sido substituído por Olexandr Grytsay. O avançado Olexandr Melashchenko continua a recuperar a sua condição física.

Depois da partida, o treinador interino do Dnipro, Vadim Tischenko, referiu: "Penso que foi um jogo equilibrado. Tivemos alguma sorte e o Tavriya podia ter empatado, mas o mais importante para nós é o resultado final. Tivemos bons e maus momentos hoje, mas não posso dizer que os jogadores não se empenharam. Agora temos de tentar bater o Litex".

PFC Lokomotiv Plovdiv 1-2 PFC Litex Lovech

O Litex subiu ao quarto lugar do campeonato búlgaro, ao conseguir a primeira vitória fora desta época no domingo, no terreno do PFC Lokomotiv Plovdiv 1936. A equipa de Ljupko Petrović chegou ao triunfo graças aos golos marcados na primeira parte por Borislav Hazurov, aos 25 minutos, e por Petar Zlatinov, 13 minutos depois. "Jogámos bem, apesar de termos cometido alguns erros na defesa", afirmou Petrović depois do encontro. "Se queremos conseguir alguma coisa no jogo de quinta-feira com o Dnipro, temos de estar totalmente concentrados a defender. Penso que hoje a sorte esteve do nosso lado".

Petrović já pode contar com o defesa Zhivko Zhelev, rapidamente recuperado de uma lesão nas costas. Zhelev, que antes de se lesionar, estava a ser utilizado no ataque, deverá estar em condições de jogar no estádio do AZ Alkmaar na terceira jornada da fase de grupos da Taça UEFA, na quinta-feira.

FC St. Gallen 1-1 Grasshopper-Club

O Grasshoppers ficou a oito pontos do FC Basel 1893, líder do campeonato suíço. ao empatar no terreno do St. Gallen. A equipa da casa teve várias oportunidades, mas acabou por ser o Grasshoppers a marcar, aos 25 minutos, por intermédio do avançado brasileiro Eduardo. Logo a seguir, Fabio Coltorti cometeu um erro e Alex restabeleceu a igualdade, mas o guarda-redes do Grasshoppers redimiu-se depois com uma série de excelentes defesas, negando o golo a Eric Hassli e Moreno Merenda de forma espectacular.

Os visitantes não puderam utilizar seis habituais titulares: Ricardo Cabanas e Rogerio, que estavam suspensos, Tariq Chihab, Gerardo Seoane, André Muff e Leandro, todos lesionados. "Foi uma luta árdua", afirmou o treinador Hanspeter Latour. "Tivemos oportunidades na primeira parte e eles responderam na segunda, pelo que o resultado foi justo".