Tradição favorece Newcastle

O Olympiacos precisa de estrear-se a vencer em solo inglês para garantir o apuramento para os quartos-de-final.

O Olympiacos CFP esperava dar aos seus adeptos motivos para comemorar no dia do seu 80º aniversário, mas acabou por ser derrotado na primeira mão dos oitavos-de-final da Taça UEFA. Alan Shearer, Laurent Robert e Patrick Kluivert construíram o triunfo do Newcastle, por 3-1, sendo que a equipa grega viu a sua situação piorar ainda mais face às expulsões de Grigorios Georgatos e Athanasios Kostoulas. O duo vai, assim, falhar o encontro da segunda mão, que terá lugar em St James' Park.

O Newcastle encontrou pela primeira vez um clube grego nesta temporada, quando defrontou o Panionios NFC no primeiro jogo do grupo. Um golo de Alan Shearer, aos 86 minutos, de grande penalidade, decidiu o jogo. Este triunfo impulsionou os "magpies" para uma série de quatro vitórias fora consecutivas, incluindo o sucesso em Atenas. A equipa inglesa marcou 15 golos e sofreu apenas três nas suas deslocações referentes à Taça UEFA, tendo batido o Hapoel Bnei Sakhnin FC (5-1), Panionios, FC Sochaux-Montbéliard (4-1), SC Heerenveen (2-1) e o Olympiacos.

A equipa grega começou o ano de 2004/05 na UEFA Champions League e defrontou, na fase de grupos, o Liverpool FC. O Olympiacos venceu por 1-0 em Atenas, com Ieroklis Stoltidis a marcar o único golo da contenda. Depois, na deslocação a Anfield, na sexta jornada, os gregos precisavam apenas de um empate ou de uma derrota pela margem mínima para garantir o apuramento.

Apesar de se ter colocado em vantagem por intermédio de Rivaldo, o Olympiacos soçobrou perante a estrondosa reacção do Liverpool, que chegou ao 2-1 por Neil Mellor aos 80 minutos e alcançou o 3-1 seis minutos depois, graças a Steven Gerrard - o que levou o Olympiacos a apurar-se para a Taça UEFA.

No total, o Olympiacos venceu apenas dois dos 13 encontros até agora disputados com clubes ingleses, nunca tendo conseguido seguir em frente em eliminatórias sempre que defrontou emblemas britânicos. Ambas as vitórias aconteceram em casa - 1-0 frente ao Tottenham Hotspur FC em 1972/73, na segunda mão da segunda eliminatória da Taça UEFA (apesar do 4-1 final a favor dos ingleses), e diante do Liverpool já esta época. A formação grega precisa, assim, de estrear-se a vencer em solo inglês, isto se ainda tem pretensões de atingir a fase seguinte da competição.

Topo