O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Manchester United 6-2 Roma: Bruno Fernandes e Cavani brilham

Bruno Fernandes e Edinson Cavani bisaram e fizeram duas assistências cada na goleada dos Red Devils.

Resumo: Man. United 6-2 Roma
Resumo: Man. United 6-2 Roma
United - Roma: como aconteceu, reacções


O jogo em poucas palavras

Paul Pogba após marcar de cabeça o quinto golo do United
Paul Pogba após marcar de cabeça o quinto golo do UnitedGetty Images

A Roma teve um começo terrível, pois perdeu Jordan Veretout por lesão e a seguir viu Bruno Fernandes marcar o primeiro golo, após um belo passe de Edinson Cavani. Os comandados de Paulo Fonseca reagruparam-se e rapidamente fizeram o empate, de penálti, por Lorenzo Pellegrini, a castigar mão de Paul Pogba.

Os romanos também perderam por lesão o guarda-redes Pau López e Leonardo Spinazzola antes do intervalo, mas, entre esses dois momentos, Pellegrini cruzou para Edin Džeko levar a equipa de Fonseca na frente para o intervalo.

Mas o United esteve irresistível na segunda parte e Cavani liderou a reviravolta. O avançado uruguaio bisou e fez o 3-2, com uma grande penalidade de Bruno Fernandes, um cabeceamento de Pogba e um remate cruzado de Mason Greenwood a darem aos homens de Ole Gunnar Solskjær uma vantagem quase decisiva antes da segunda mão.

Bruno Fernandes festeja depois de inaugurar o marcador
Bruno Fernandes festeja depois de inaugurar o marcador Getty Images

Reacções

Ole Gunnar Solskjaer, treinador do United: “Aproveitámos a maior parte das nossas oportunidades hoje, por isso estamos muito satisfeitos. O carácter veio ao de cima - voltámos na segunda parte, não perdemos a cabeça. Durante cinco, dez minutos no final da primeira parte não estivemos bem, mas conseguimos, juntos."

Paulo Fonseca, treinador da Roma: "É difícil explicar como a mesma equipa que se saiu tão bem na primeira parte fez uma segunda parte assim. É difícil jogar contra uma equipa como o United sem poder fazer substituições. É positivo chegar a esta fase da competição de qualquer maneira, e também jogar como fizemos na primeira parte. Mas na segunda fizemos tudo errado.”

Bruno Fernandes, médio do United: "Começamos bem na primeira parte, depois sofremos dois golos. Mas mantivemos o foco e a calma e depois, na segunda parte, fizemos o que fazemos de melhor."

Principais estatísticas

  • O United não perde em casa em meias-finais europeias desde Abril de 1997, vencendo cinco e empatando três jogos desde então.
  • Bruno Fernandes marcou 20 dos 21 penáltis batidos para o Manchester United em todas as competições.
  • A Roma é a primeira equipa a fazer três substituições na primeira parte de um jogo da UEFA Europa League.
  • Edin Džeko marcou seis golos nos últimos cinco jogos que disputou contra o United em Old Trafford.
Edin Džeko coloca a Roma em vantagem
Edin Džeko coloca a Roma em vantagemUEFA via Getty Images

Equipas

Manchester United: De Gea; Wan-Bissaka, Lindelöf, Maguire, Shaw; McTominay, Fred (Matić 83); Rashford (Greenwood 76), Bruno Fernandes (Mata 89), Pogba; Cavani

Roma: Pau López (Mirante 28); Smalling, Cristante, Ibañez; Karsdorp, Diawara, Veretout (Villar 5), Spinazzola (Bruno Peres 37); Pellegrini, Mkhitaryan; Džeko

O que se segue

A segunda mão terá lugar em Roma na próxima quinta-feira, mas antes disso haverá jogos do campeonato no domingo: o Manchester United recebe o Liverpool, enquanto a Roma viaja até Génova, para defrontar a Sampdoria na Série A.