SSI Err
 
O "site" oficial do futebol europeu

Antevisão: Itália - República da Irlanda

Publicado: Terça-feira, 21 de Junho de 2016, 18.00CET
A Itália já está apurada, mas Antonio Conte diz que o último jogo do Grupo E continua a ser importante; o seleccionador irlandês, Martin O'Neill, cuja equipa está obrigada a ganhar, concorda totalmente.
Antevisão: Itália - República da Irlanda
Martin O'Neill antes do jogo decisivo para a Irlanda ©Getty Images

Estatísticas da prova

ItáliaRepública da Irlanda

Golos marcados6
 
3
Posse de bola(%)45
 
55
Total de tentativas47
 
38
Remates à baliza19
 
12
Remates para fora15
 
18
Remates defendidos13
 
8
nos postes2
 
1
Cantos27
 
14
Foras-de-jogo3
 
4
Cartões amarelos18
 
8
Cartões Vermelhos0
1
Faltas cometidas81
 
52
Faltas sofridas70
 
49

Dossiers de Imprensa

  • Dossier de Imprensa (português)
SSI Err
Publicado: Terça-feira, 21 de Junho de 2016, 18.00CET

Antevisão: Itália - República da Irlanda

A Itália já está apurada, mas Antonio Conte diz que o último jogo do Grupo E continua a ser importante; o seleccionador irlandês, Martin O'Neill, cuja equipa está obrigada a ganhar, concorda totalmente.

  • A Itália deverá poupar Buffon, Chiellini e Bonucci
  • A Itália derrotou a Irlanda por 2-0 na fase de grupos do UEFA EURO 2012
  • Registo competitivo da Squadra Azzurra contra os Boys in Green: V4 E2 D1
  • A única derrota italiana foi por 1-0 no Mundial de 1994
  • Em 2014, a Irlanda empatou 0-0 com a Itália num jogo amigável em Londres


Equipas prováveis
Itália:
Sirigu; De Sciglio, Barzagli, Ogbonna, Darmian; Bernardeschi, Thiago Motta, Sturaro, El Shaarawy; Zaza, Immobile.
Em dúvida: Candreva (coxa)
Em risco de exclusãoBonucci, Buffon, Chiellini, De Rossi, Éder, Thiago Motta

República da Irlanda: Randolph; Coleman, O'Shea, Duffy, Brady; Hendrick, Whelan, Quinn, Hoolahan; Murphy, Long.
De fora: none
Em dúvida: Walters (aquiles)
Em risco de exclusão: Hendrick, McCarthy, Whelan

Declarações dos treinadores
Antonio Conte, Itália
Já estamos a abrir o champanhe! Estou a brincar, temos de ser humildes. Não vai ser um jogo fácil – a Irlanda é um adversário difícil. Já passámos, mas isso não quer dizer nada. O que peço aos meus homens é que joguem para ganhar, porque a vitória torna-se um hábito.

Depois do jogo com a Suécia e de ver a equipa a treinar, mudei de ideias e vou fazer algumas alterações. O jogo é importante – é útil para a equipa e para mim. Não há tal coisa como titulares e reservas. Temos 23 jogadores que ganham e perdem juntos, incluindo a equipa técnica.

Martin O'Neill, República da Irlanda
Há seis meses, se pensássemos que tínhamos de ganhar o último jogo para nos apurarmos, e que havia uma boa hipótese de isso acontecer... acho que teríamos corrido o risco. Temos de estar concentrados e ter a certeza de que, quando o apito final soar, estamos em vantagem.

A Itália vai fazer o seu jogo. Já ganharam o grupo ao fim de dois jogos. Agora, seja qual for o resultado, para eles é indiferente. É uma excelente posição para se estar, porque podem dar descanso aos jogadores que disputaram dois jogos em quatro dias. Também podem poupar os jogadores que viram cartões amarelos.

Porém, eles têm no banco jogadores de topo, que vão trazer frescura e dinamismo à equipa, que querem provar ao seleccionador que merecem ser titulares. Se calhar, preferia jogar contra uma equipa que estivesse a jogar o seu terceiro jogo em oito, nove ou dez dias.

Últimos resultados (todos os jogos, os mais recentes primeiro)

Itália: VVVVDEEDVV
República da Irlanda
: DEDEEVVEDV

Sabia que?
Este é o nono EURO da Itália e o sexto consecutivo desde que falhou a edição de 1992 na Suécia. Só por duas vezes os transalpinos ficaram pela fase de grupos: em 1996 e 2004.

Acompanhe o jogo nas redes sociais (#ITAIRL)
@UEFAEURO
UEFA EURO no Facebook
UEFA EURO no Instagram

Última actualização: 21-06-16 23.28CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2016/matches/round=2000448/match=2017958/prematch/preview/index.html#antevisao+italia+republica+irlanda