Fase final - Fase de grupos (Grupo A) - 12-06-2012 - 18:00CET (18:00 Hora local) - Municipal Stadium Wroclaw - Wroclaw
1-2
 

Grécia - República Checa 1-2 - 12-06-2012 - Página do jogo - UEFA EURO 2012

 
O "site" oficial do futebol europeu

República Checa quer quebrar defesa da Grécia

Publicado: Quinta-feira, 5 de Janeiro de 2012, 19.00CET
Sem conseguir golos nos últimos três jogos com a Grécia, a República Checa procura contrariar a tendência e desforrar-se da eliminação das meias-finais do UEFA EURO 2004.

rate galleryrate photo
1/0
counter
  • loading...

Estatísticas da prova

GréciaRepública Checa

Golos marcados5
 
4
Total de tentativas28
 
37
Remates à baliza14
 
20
Remates para fora14
 
17
Remates interceptados5
 
7
Remates nos postes1
 
0
Cantos10
 
21
Foras-de-jogo12
 
8
Cartões amarelos11
 
7
Cartões Vermelhos1
 
0
Faltas cometidas48
 
74
Faltas sofridas64
 
54
Publicado: Quinta-feira, 5 de Janeiro de 2012, 19.00CET

República Checa quer quebrar defesa da Grécia

Sem conseguir golos nos últimos três jogos com a Grécia, a República Checa procura contrariar a tendência e desforrar-se da eliminação das meias-finais do UEFA EURO 2004.

A República Checa vai tentar conseguir, em Wroclaw, algo que não consegue há três jogos frente à Grécia – quebrar a linha defensiva do adversário.

Encontros anteriores
• As duas equipas encontraram-se em jogos particulares que acabaram sem golos, a 17 de Abril de 2002, em Ioannina, e a 18 de Agosto de 2004, em Praga, tendo pelo meio ficado o jogo mais importante, nas meias-finais do UEFA EURO 2004, em Portugal.

• Nos 90 minutos jogados no Porto também não houve tentos, mas um remate de cabeça de Traianos Dellas, no final da primeira parte do prolongamento, valeu aos gregos o acesso à final.

• A Checoslováquia defrontou a Grécia no Campeonato da Europa de 1980, em Roma, tendo vencido por 3-1, com golos de Antonín Panenka (5), Ladislav Vízek (25) e Zdeněk Nehoda, ao passo que Nikos Anastopoulos (13) marcou para os helénicos.

• Essa foi uma de cinco vitórias conseguidas pela Checoslováquia em cinco jogos ante a Grécia, que só marcou dois golos nesses cinco encontros e consentiu 11.

Jogos anteriores em destaque
18 de Agosto de 2004: República Checa 0-0 Grécia – Stadion Evžena Rošického, Praga, A
migável
República Checa: Čech, Grygera, Bolf, Rozehnal, Jankulovski (Mareš 52), Poborský (Sionko 43), Rosický, Galásek (Vachoušek 46), Týce (Hübschman 73), Koller (Lokvenc 46), Heinz (Baroš 46).
Grécia: Nikopolidis, Seitaridis, Katsouranis, Kapsis (Dabizas 46), Fysas, Zagorakis (Iorgiadis 46), Basinas (Tsiartas 37), Karagounis (Kafes 46), Giannakopulos, Vryzas (Venetidis 78), Charisteas.

• O mais recente encontro entre estas duas selecções foi o primeiro da Grécia na qualidade de campeã da Europa e realizou-se apenas um mês e meio depois de ter levado a melhor sobre o oponente na meia-final do Porto.

1 de Julho de 2004: Grécia 1-0 República Checa (Dellas 105+1) – Estádio do Dragão, Porto, meias-finais do UEFA EURO 2004
Grécia: Nikopolidis, Seitaridis, Dellas, Kapsis, Fyssas, Zagorakis, Basinas (Giannakopoulos 72), Katsouranis, Vryzas (Tsiartas 91), Karagounis, Charisteas.
República Checa: Čech, Grygera, Ujfaluši, Bolf, Jankulovski, Galásek, Poborský, Rosický, Nedvěd (Šmicer 40), Baroš, Koller.

• O outro jogo oficial entre as duas equipas foi decidido pelo primeiro golo de Traianos Dellas em 53 jogos internacionais e o último "golo de prata" alguma vez marcado.

Histórico
• A Grécia não estava presente num Campeonato da Europa desde 1980, mas apurou-se para o UEFA EURO 2004 e, desde então, participou em todas as edições.

• A República Checa esteve em todas as fases finais da competição desde que se separou da Eslováquia, em 1993, tendo alcançado a final em 1996 e as meias-finais em 2004.

Ligações entre as equipas
• Fanis Gekas jogou com Jaroslav Drobný no Hertha BSC Berlin entre Janeiro e Junho de 2010, bem como com Michal Kadlec no Bayer 04 Leverkusen em 2008/09.

• Vassilis Torossidis e David Lafata foram colegas de equipa no Xanthi FC em 2005/06.

• Drobný foi guarda-redes do Panionios GSS entre 2001 e 2005 e jogou ao lado de Grigoris Makos (2003-05) e Giannis Maniatis (2003-05).

• A 28 de Setembro de 2011, Tomáš Rosický e Torossidis foram os capitães do Arsenal FC e do Olympiacos FC, respectivamente, num jogo da UEFA Champions League, em Londres, ganho pelos "gunners" por 2-1.

• A 17 de Fevereiro de 2011, um golo apontado por Tomáš Necid a Kostas Chalkias valeu ao PFC CSKA Moskva a vitória, por 1-0, em casa do PAOK FC, na primeira mão dos 16 avos-de-final da UEFA Europa League. Dimitris Salpingidis também alinhou pelo PAOK.

• A 28 de Julho de 2009, o AC Sparta Praha derrotou o Panathinaikos FC, por 3-1, em Praga, na primeira mão da terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League. Salpingidis marcou para a equipa grega. Roman Hubník também alinhou pelo Sparta; a equipa do Panathinaikos incluía Giorgos Karagounis e o suplente Kostas Katsouranis.

• Uma semana depois, o Panathinaikos venceu o Sparta em Atenas, por 3-0, com Salpingidis e Katsouranis entre os marcadores, numa partida em que Karagounis capitaneou o Panathinaikos. Hubník estava no "onze" inicial do Sparta.

• Karagounis marcou o primeiro golo do Panathinaikos numa vitória por 2-0 no terreno do Sparta, a 19 de Fevereiro de 2002, na segunda fase de grupos da UEFA Champions League. Na baliza da equipa da casa esteve Petr Čech, enquanto Tomáš Hübschman foi expulso aos 86 minutos. Nikos Liberopoulos foi titular no Panathinaikos, tendo sido substituído por Leonidas Vokolos, actualmente adjunto de Fernando Santos na selecção da Grécia.

• Tomáš Pekhart marcou para a República Checa em ambas as mãos do “play-off” do Campeonato da Europa de Sub-21 de 2011, cujo resultado global terminou favorável aos checos por 5-0. Kyriakos Papadopoulos foi titular na primeira mão pela Grécia.

Última actualização: 05-12-13 19.21CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2012/matches/round=15172/match=2003328/prematch/background/index.html#checos+querem+marcar+grecia