Fase de qualificação (Grupo ) - 17-10-2007 - 16:00CET (20:00 Hora local) - Almaty Ortalyk Stadion - Almaty
1-2
 

Cazaquistão - Portugal 1-2 - 17-10-2007 - Página do jogo - UEFA EURO 2008

O "site" oficial do futebol europeu

Vitória ao cair do pano

Publicado: Quinta-feira, 18 de Outubro de 2007, 0.59CET
Cazaquistão 1-2 Portugal
A selecção lusa venceu no Cazaquistão com golos de Makukula e Cristiano Ronaldo.
Vitória ao cair do pano
Cristiano Ronaldo assinou o segundo golo de Portugal ©Getty Images

Estatísticas dos jogos

CazaquistãoPortugal

Golos marcados1
 
2
Remates à baliza4
 
7
Remates para fora3
 
15
Cantos1
 
10
Faltas cometidas13
 
14
Cartões amarelos3
 
1
Cartões vermelhos0
 
0

Classificação

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Última actualização: 16/10/2015 11:48 CET
Publicado: Quinta-feira, 18 de Outubro de 2007, 0.59CET

Vitória ao cair do pano

Cazaquistão 1-2 Portugal
A selecção lusa venceu no Cazaquistão com golos de Makukula e Cristiano Ronaldo.

Portugal conseguiu somar os três pontos na deslocação ao Cazaquistão, estando cada vez mais perto da fase final do UEFA EURO 2008™. A selecção lusa dominou todo o encontro e venceu por 2-1, com um dos golos a surgir já perto do fim, por intermédio do estreante Makukula. Cristiano Ronaldo fez o 2-0 e Byakov reduziu já nos descontos.

Conteúdos relacionados

Sem mexidas
Depois de ter batido o Azerbaijão no passado sábado (2-0), a formação comandada por Luiz Felipe Scolari não pôde novamente contar com Nuno Gomes, já que o avançado do Benfica se lesionou no aquecimento da partida em Baku e regressou mais cedo a Lisboa. O técnico brasileiro voltou a apostar em Hugo Almeida na frente de ataque, tendo optado uma vez mais por Ricardo Quaresma no lado esquerdo, repetindo o “onze” que derrotou os azeris.

Hugo Almeida ameaça
A formação das quinas apresentou-se em Almaty decidida em carimbar mais três pontos rumo à fase final do Europeu, tendo sido a primeira a criar perigo, logo aos seis minutos. Deco progrediu pela zona central, tendo isolado Hugo Almeida. O atacante do Werder Bremen colocou mesmo a bola no fundo das redes contrárias, mas o lance já tinha sido interrompido, por posição irregular do avançado luso. Dois minutos volvidos, o médio do FC Barcelona voltou a isolar Hugo Almeida, que, em boa posição, não conseguiu dominar o esférico da melhor forma, com a defensiva cazaque a afastar o perigo.

Boas oportunidades
Aos 16 minutos, a selecção das quinas esteve novamente perto do golo, na sequência de uma livre directo de Miguel Veloso. A bola saiu junto ao poste, mas o guarda-redes David Loria efectuou uma defesa providencial, tendo cedido canto. No mesmo minuto, Portugal desperdiçou mais uma ocasião de golo, desta feita após um pontapé de canto. Ricardo Carvalho cabeceou ao segundo poste, com o esférico a falhar por pouco o alvo.

Maniche tenta de longe
Aos 31 minutos, Maniche tentou a sua sorte de longe e esteve perto de inaugurar o marcador. O centrocampista do Club Atlético de Madrid disparou com violência, fora da área, mas a bola saiu ligeiramente por cima do travessão. A primeira parte terminou assim sem golos, apesar de o conjunto português ter dominado os acontecimentos no decorrer dos primeiros 45 minutos.

Makukula em estreia
Os pupilos de Luiz Felipe Scolari continuaram a controlar as operações, se bem que as situações de golo tenham sido uma raridade nos primeiros instantes. Aos 58 minutos, Nani entrou para o lugar de Maniche e pouco depois Ariza Makukula efectuou a estreia absoluta na selecção principal, tendo ocupado o lugar de Hugo Almeida. O atacante do Marítimo esteve mesmo perto do golo aos 71 minutos, primeiro após um livre de Miguel Veloso e depois na sequência de um canto.

Golos ao cair do pano
Dois minutos depois, Deco ameaçou as redes contrárias, com um remate forte e colocado. Contudo, o esférico saiu muito perto do poste. Aos 81 minutos, Makukula assinou o momento do jogo após um cruzamento de Quaresma do lado direito. O atacante nascido no Congo acedeu da melhor forma ao cruzamento do extremo portista e, de cabeça, fez o 1-0, numa estreia que acabaria por ser de sonho. A dois minutos do fim, Cristiano Ronaldo aumentou a vantagem dos visitantes, após cruzamento de Nani e Byakov, já nos descontos, reduziu, de cabeça, estabelecendo o 2-1 final.

Dois jogos em casa
A selecção portuguesa volta a entrar em acção no Grupo A no próximo dia 17 de Novembro, recebendo a Arménia. Quatro dias volvidos, os comandados de Luiz Felipe Scolari fecham a fase de apuramento com novo jogo em casa, desta feita ante a Finlândia, numa partida em que o treinador brasileiro já se poderá sentar no banco de suplentes, depois de cumprido o castigo imposto pela UEFA no seguimento dos acontecimentos ocorridos no último encontro em casa, diante da Sérvia.

Última actualização: 18-10-07 1.09CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2008/matches/round=2241/match=83795/postmatch/report/index.html#vitoria+cair+pano