O "site" oficial do futebol europeu

Romenos surpreendem França

Publicado: Segunda-feira, 9 de Junho de 2008, 23.35CET
Roménia 0-0 França
A selecção de Victor Piţurcă conseguiu um importante nulo ante o vice-campeão mundial no Grupo C.
Romenos surpreendem França
Gabriel Tamas (Roménia) e Florent Malouda (França) lutam pela posse da bola ©Getty Images

Estatísticas dos jogos

RoméniaFrança

Golos marcados0
 
0
Remates à baliza0
1
Remates para fora4
 
8
Cantos3
 
3
Faltas cometidas17
 
22
Cartões amarelos3
 
1
Cartões vermelhos0
 
0

Classificação

Última actualização: 27/06/2012 14:12 CET

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Publicado: Segunda-feira, 9 de Junho de 2008, 23.35CET

Romenos surpreendem França

Roménia 0-0 França
A selecção de Victor Piţurcă conseguiu um importante nulo ante o vice-campeão mundial no Grupo C.

França e Roménia empataram esta segunda-feira a zero no jogo de abertura do Grupo C, disputado no Letzigrund Stadion, em Zurique.

Numa partida em que o capitão da França, Liliam Thuram, tornou-se no jogador que mais partidas disputou em fases finais dos Campeonatos da Europa, 15, ultrapassando o registo de Zinédine Zidane e Karel Poborský, a formação gaulesa tomou as rédeas do encontro desde o início. Colocado como homem mais adiantado dos romenos, Adrian Mutu tentou a sorte aos 11 minutos, mas sem êxito. Rápidos a sair para o contra-ataque, os homens de Victor Piţurcă voltaram a errar o alvo quando Daniel Niculae combinou com Bănel Nicoliţă, mas o pontapé frontal do primeiro, à entrada da área, errou saiu ao lado do poste direito de Grégory Coupet.

A França controlou a posse de bola nos instantes iniciais, mas sentiu algumas dificuldades em criar perigo na primeira meia-hora, excepção feita a uma saída atabalhoada do guarda-redes Bogdan Lobonţ que deixou a bola à mercê de Nikolas Anelka. No entanto, o cruzamento do avançado gaulês saiu directamente pela linha de fundo. Mas pertenceu mesmo ao dianteiro do Chelsea FC a primeira oportunidade de golo da partida, aos 33 minutos, quando cabeceou por cima da barra após canto da esquerda.

Anelka voltou a estar em evidência pouco depois. Ganhou espaço no lado direito da área, mas preferiu rematar de ângulo difícil em vez de tentar o passe atrasado e o lance perdeu pela linha final. Mais perigosa, a França voltou à carga pelo flanco direito e por pouco Karim Benzema não conseguiu a emenda à boca da baliza, após boa incursão pela grande área de Frank Ribéry, valendo o desvio de Răzvan Raţ para Lobonţ.

Com dificuldades em fazer chegar a bola em condições ao ataque, a Roménia animou os seus adeptos antes do intervalo, mas Mutu não conseguiu melhor do que ganhar um pontapé de canto. Após o reatamento, numa jogada de contra-ataque, Florent Malouda correu pelo corredor esquerdo francês, fez um "slalom" que tirou dois adversários do lance à entrada da área e rematou de pronto e forte à baliza, mas o pontapé do esquerdino passou a centímetros da baliza.

Aos 52 minutos, um livre directo de Mutu, em zona perigosa, parou na barreira gaulesa e, pouco depois, após mais uma jogada de Ribéryna direita, Benzema fez o primeiro remate da partida na direcção da baliza, mas Lobonţ negou os intentos do avançado do Olympique Lyonnais. A França pressionou, embora continuasse sem tirar dividendos práticos desse domínio.

Raymond Domenech refrescou o ataque no espaço de seis minutos, substituindo Anelka e Benzema por Bafetimi Gomis e Samir Nasri, e o homólogo romeno não se ficou atrás, dando ordem de entrada a Codrea e Maruis Niculae para os lugares de Răzvan Cociş e Mutu. Na parte final, Ribéry e Claude Makelele erraram o alvo na marcação de livres directos e a Roménia acabou por manter mesmo as suas redes incólumes, conseguindo um resultado moralizador.

Última actualização: 21-01-12 1.25CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2008/matches/round=15093/match=300687/postmatch/report/index.html#romenia+frustra+franca