O "site" oficial do futebol europeu

Tripla checa afasta Alemanha

Publicado: Quinta-feira, 24 de Junho de 2004, 0.54CET
Alemanha 1-2 República Checa
Pela terceira vez consecutiva, a República Checa deu a volta ao marcador e afastou a Alemanha do EURO 2004.
de Estádio José Alvalade

Estatísticas dos jogos

AlemanhaRepública Checa

Golos marcados1
 
2
Remates à baliza10
 
6
Remates para fora7
 
2
Cantos9
 
1
Faltas cometidas19
 
18
Cartões amarelos3
 
1
Cartões vermelhos0
 
0

Classificação

Última actualização: 27/06/2012 14:15 CET

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Publicado: Quinta-feira, 24 de Junho de 2004, 0.54CET

Tripla checa afasta Alemanha

Alemanha 1-2 República Checa
Pela terceira vez consecutiva, a República Checa deu a volta ao marcador e afastou a Alemanha do EURO 2004.

A República Checa venceu a Alemanha por 2-1, num jogo a contar para o Grupo D do UEFA EURO 2004, disputado no Estádio José Alvalade, e afastou os germânicos do Europeu.

A Alemanha não ganha um jogo em fases finais de Europeus desde a vitória na final do EURO 96, frente à República Checa, que obteve, assim, uma pequena desforra do jogo disputado no Wembley Stadium. Os checos, que vão agora disputar os quartos-de-final frente à Dinamarca, venceram mais um jogo depois de estarem em desvantagem, o que prova, pelo menos, a espectacular capacidade de reacção da equipa de Karel Brückner.

O seleccionador da República Checa fez nove alterações na equipa que assegurou o apuramento com uma vitória por 3-2 sobre a Holanda, sendo Tomas Galasek e Martin Jiránek os únicos "sobreviventes" desse jogo.

Por seu turno, Völler fez duas alterações relativamente à equipa que empatou a zero com a Letónia, tendo regressado ao sistema 4x5x1 que lhe rendeu uma boa exibição com a Holanda. Na defesa, Jens Nowotny rendeu Frank Baumann, enquanto Bastian Schweinsteiger efectuou a sua estreia como titular na "nationalmannschaft".

A Alemanha sabia que tinham de ganhar para se qualificarem para os quartos-de-final, ao passo que os checos tinham já garantido a vitória no grupo. Mesmo assim, e apesar de todas as alterações, os checos tomaram conta do jogo nos momentos iniciais da partida. Aos quatro minutos, um livre da esquerda de Vachousek, marcado para a pequena área, lançou o pânico entre a defesa germânica. Kevin Kuranyi e Jiránek fizeram-se ao lance e a bola sobrou para as mãos de Oliver Kahn, que já estava no chão.

Só aos 16 minutos é que a Alemanha chegou à baliza de Blazek com o poderoso remate de fora da área de Ballack a ser desviado para canto pela defesa checa. Na sequência do lance, o lateral-direito checo, Jiránek, perdeu a bola para Schneider que amorteceu a bola para Schweinsteiger, que entregou a Ballack. Este disparou de pé esquerdo e, desta vez, ninguém conseguiu impedir que a bola entrasse ao ângulo superior direito da baliza checa. Os alemães adiantaram-se no marcador contra a corrente do marcador.

O golo deu confiança à Alemanha que assentou o jogo e controlou as operações nos minutos seguintes. Mas, desta feita, foram os checos a marcar quando estavam em dificuldades. Aos 29 minutos, Marek Heinz sofreu uma falta a mais de vinte metros da baliza de Kahn e na transformação do livre directo, o avançado do Banik Ostrava atirou magistralmente ao ângulo esquerdo da baliza alemã.

Na segunda parte, os checos entraram a todo o gás e podiam ter dado a volta ao marcador na primeira jogada da etapa complementar. O recém-entrado, Tomás Hübschman, desceu pelo flanco esquerdo e cruzou para o coração da área onde apareceu Vratislav Lokvenc a atirar para as mãos de Oliver Kahn. Mais uma vez, os alemães não mostravam soluções para chegar à baliza contrária e optavam pelos remates de longe na tentativa de voltarem ao comando do marcador.

Em mais uma dessas ocasiões, aos 66 minutos, o inevitável Ballack atirou fortíssimo e rasteiro ao poste direito da baliza de Blazek. Na recarga, Bernd Schneider atirou para as mãos do guarda-redes checo. A partir desse momento, a equipa de Völler animou e subiu no terreno em busca do golo que lhe valeria a qualificação. Aos 70 minutos, Schneider cabeceou por cima, quando estava sozinho na área, e logo a seguir, na sequência de uma série de pontapés-de-canto, foi Hübschman a salvar em cima da linha de golo um cabeceamento de Nowotny.

A pressão alemã intensificava-se e Kevin Kuranyi falhou de forma incrível um cabeceamento à entrada da pequena área, quando estava completamente livres de marcação. Na resposta, a República Checa lançou um rápido contra-ataque que confirmaria a terceira vitória consecutiva da equipa de Brückner e a eliminação dos alemães. Milan Baroš escapou à defesa germânica e atirou para a defesa de Kahn, mas a bola sobrou para o avançado do Liverpool, que só teve que empurrar para o fundo das redes.

Última actualização: 22-05-12 22.47CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2004/matches/round=1581/match=1059187/postmatch/report/index.html#chegos+eliminam+alemaes

Equipas

Alemanha

Alemanha

Rep. Checa

República Checa

1
KahnOliver Kahn (GR) (C)
16
BlažekJaromír Blažek (GR)
3
FriedrichArne Friedrich
3
MarešPavel Mareš
4
WörnsChristian Wörns
Yellow Card83
4
GalásekTomáš Galásek (C)
Substitution46
5
NowotnyJens Nowotny
Yellow Card38
5
BolfRené Bolf
7
SchweinsteigerBastian Schweinsteiger
Substitution86
12
LokvencVratislav Lokvenc
Substitution59
8
HamannDietmar Hamann
Substitution79
13
JiránekMartin Jiránek
10
KuranyiKevin Kuranyi
14
VachoušekŠtěpán Vachoušek
13
BallackMichael Ballack
Goal21
18
HeinzMarek Heinz
Goal30
19
SchneiderBernd Schneider
19
TýceRoman Týce
Yellow Card48
21
LahmPhilipp Lahm
Yellow Card74
20
PlašilJaroslav Plašil
Substitution70
22
FringsTorsten Frings
Substitution46
22
RozehnalDavid Rozehnal

suplentes

12
LehmannJens Lehmann (GR)
1
ČechPetr Čech (GR)
23
HildebrandTimo Hildebrand (GR)
23
KinskýAntonín Kinský (GR)
11
KloseMiroslav Klose
Substitution79
8
PoborskýKarel Poborský
Substitution70
16
JeremiesJens Jeremies
Substitution86
15
BarošMilan Baroš
Substitution59
Goal77
20
PodolskiLukas Podolski
Substitution46
17
HübschmanTomáš Hübschman
Substitution46
2
HinkelAndreas Hinkel
2
GrygeraZdeněk Grygera
6
BaumannFrank Baumann
6
JankulovskiMarek Jankulovski
9
BobicFredi Bobic
7
ŠmicerVladimír Šmicer
14
BrdaricThomas Brdaric
9
KollerJan Koller
15
KehlSebastian Kehl
10
RosickýTomáš Rosický
17
ZiegeChristian Ziege
11
NedvědPavel Nedvěd
18
ErnstFabian Ernst
21
UjfalušiTomáš Ujfaluši

Treinador

Rudolf Völler (GER) Karel Brückner (CZE)

Árbitro

Terje Hauge (NOR)

Árbitros assistentes

Steinar Holvik (NOR), Ole Hermann Borgan (NOR)

Quarto árbitro

Stuart Dougal (SCO)

Legenda:

  • GolosGolos
  • Auto-goloAuto-golo
  • Grandes penalidadesGrandes penalidades
  • Penalties falhadosPenalties falhados
  • reds_cardCartões Vermelhos
  • yellow_cardsCartões amarelos
  • yellow_red_cardsDuplo amarelo
  • SubstituiçãoSubstituição