O "site" oficial do futebol europeu

O regresso do herói Larsson

Publicado: Terça-feira, 15 de Junho de 2004, 0.59CET
Suécia 5-0 Bulgária
Numa grande noite de Henrik Larsson, a Suécia impôs à Bulgária a primeira goleada do EURO 2004 e isolou-se no topo do Grupo C.

Estatísticas dos jogos

SuéciaBulgária

Golos marcados5
 
0
Remates à baliza9
 
3
Remates para fora2
 
7
Cantos5
 
3
Faltas cometidas22
 
20
Cartões amarelos2
 
4
Cartões vermelhos0
 
0

Classificação

Última actualização: 27/06/2012 14:17 CET

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Publicado: Terça-feira, 15 de Junho de 2004, 0.59CET

O regresso do herói Larsson

Suécia 5-0 Bulgária
Numa grande noite de Henrik Larsson, a Suécia impôs à Bulgária a primeira goleada do EURO 2004 e isolou-se no topo do Grupo C.

A Suécia não ganhava o seu jogo de estreia numa fase final de uma grande competição internacional desde o Mundial de 1958, quando venceu o México por 3-0, mas acabou com a tradição ao golear a Bulgária, em Lisboa, por 5-0.

Apesar da boa entrada em campo de ambas as equipas, os primeiros 15 minutos não trouxeram grandes ocasiões de golo. Aos três minutos, Mikael Nilsson cruzou para a entrada da pequena área, mas Henrik Larsson não conseguiu chegar à bola. Na resposta Dimitar Berbatov assistiu o defesa Vladimir Ivanov, que disparou de pronto, mas muito ao lado da baliza. Só aos 15 minutos, e já com a Bulgária a exercer algum domínio, em virtude da melhor técnica individual dos seus jogadores, o perigo rondou uma das balizas. Martin Petrov ultrapassou dois adversários na esquerda e centrou para área onde Zoran Jankovich apareceu a rematar de primeira mas ao lado da baliza de Isakasson.

Cinco minutos depois, o regressado ídolo sueco, Henrik Larsson rematou fortíssimo, de pé direito, mas a bola saiu muito por cima da baliza de Zdravkov. Na resposta, Martin Petrov disparou de longe mas sem direcção. Ainda antes da meia-hora, o guardião sueco foi obrigado a uma boa defesa junto à barra na sequência de um cabeceamento do ponta-de-lança Berbatov.

Mas a Suécia adiantou-se no marcador, aos 32 minutos, através de um rápido contra-ataque pela direita. Zlatan Ibrahimovic fugiu ao fora-de-jogo e correu isolado para a área búlgara. Perante a saída de Zdravkov, o avançado do Ajax ofereceu o golo a Ljungberg que só teve de empurrar para a baliza. A Bulgária sentiu o golo sofrido e a Suécia passou a dominar os acontecimentos a meio-campo criando mesmo algumas ocasiões para ampliar o marcador.

A segunda parte começou com duas oportunidades para cada lado. Primeiro foi a Bulgária a desperdiçar uma grande ocasião, com o “gigante” Jankovich a cabecear ligeiramente ao lado da baliza sueca, na resposta a um cruzamento perfeito de Petkov. Depois foi a vez de Larsson isolar-se perante o guardião búlgaro mas a permitir a defesa a Zdravkov.

Só aos 55 minutos a Bulgária causou perigo, com um remate perigosíssimo de Martin Petrov, mas Henrik Larsson resolveu o jogo nos dois lances seguintes. Primeiro com um cabeceamento em voo, em resposta a um cruzamento da esquerda de Erik Edman, e depois emendando de pé esquerdo um centro da direita de Svensson. Em ambas as ocasiões o ponta-de-lança de 32 anos deu razão aos inúmeros suecos que lhe “imploraram” para reconsiderar a decisão de se afastar da selecção. Em 6 jogos frente à Bulgária, Larsson soma o impressionante registo de 7 golos.

Aos 77 minutos, com a Bulgária completamente desmotivada, a Suécia elevou para 4-0 através de uma grande penalidade convertida por Zlatan Ibrahimovic e, já para lá dos 90 minutos, o avançado Marcus Allback, isolado por Henrik Larsson, estabeleceu o resultado final. A Suécia está agora isolada no comando do Grupo C do EURO 2004 e joga, na próxima sexta-feira, com Itália, ao passo que a Bulgária defronta, no mesmo dia a Dinamarca.

Última actualização: 20-01-12 22.21CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2004/matches/round=1581/match=1059169/postmatch/report/index.html#larsson+ilumina+suecia