O "site" oficial do futebol europeu

Portugal dá a volta à Inglaterra

Publicado: Segunda-feira, 6 de Outubro de 2003, 11.45CET
Portugal 3-2 Inglaterra
Inspirada por Rui Costa, a selecção portuguesa operou uma espectacular reviravolta e venceu em Eindhoven após estar a perder por 2-0.
Portugal dá a volta à Inglaterra
Nuno Gomes festeja o golo da vitória de Portugal frente à Inglaterra ©Getty Images
Publicado: Segunda-feira, 6 de Outubro de 2003, 11.45CET

Portugal dá a volta à Inglaterra

Portugal 3-2 Inglaterra
Inspirada por Rui Costa, a selecção portuguesa operou uma espectacular reviravolta e venceu em Eindhoven após estar a perder por 2-0.

Portugal conseguiu uma fantástica vitória em Eindhoven, ao recuperar de dois golos de desvantagem de dois golos para bater a Inglaterra por 3-2, num jogo memorável a abrir a campanha de ambos os países no Grupo A do UEFA EURO 2000.

Depois de Paul Scholes e Steve McManaman terem marcado após cruzamentos de David Beckham, as estrelas do meio-campo de Portugal, em particular Figo e Rui Costa, passaram a ser o centro das atenções. O guarda-redes e capitão português, Vítor Baia, que jogava o seu jogo 71 pela selecção passando então a ser o jogador português mais internacional, foi posto à prova logo ao primeiro minuto por um cabeceamento de Alan Shearer. Resolveu essa facilmente, mas nada pôde fazer dois minutos depois quando a Inglaterra marcou.

Um centro da esquerda de Phil Neville foi demasiado longo, e chegou ao outro lado, onde o seu colega do Manchester United, David Beckham fez um bem medido cruzamento junto à linha de fundo. A bola passou por uma defesa portuguesa desatenta e Paul Scholes na passada cabeceou para a baliza.

Portugal não demorou muito a encontrar-se. Inspirados por Luís Figo e Rui Costa, começaram a comandar o jogo e João Pinto deveria ter feito melhor após um cruzamento de Rui Costa da direita, mas o seu cabeceamento mal medido foi inofensivo para a baliza inglesa. O próprio Rui Costa obrigou David Seaman a aplicar-se num voo para a esquerda, negando o empate após um potente disparo de longe. Contra a corrente do jogo, a Inglaterra fez o segundo. Michael Owen combinou bem com Beckham e após outro preciso cruzamento da direita, a bola chegou a Steve McManaman que vindo de trás rematou sem oposição.

Nuno Gomes, sempre perigoso, viu o golo negado por duas vezes, primeiro por fora-de-jogo e depois por Seaman que mergulhou aos seus pés, mas a seguir Figo recolheu uma bola morta no meio-campo. Levou-a até cerca de 35 metros da baliza onde rematou, com a bola ainda a ser desviada na perna de Tony Adams, antes de entrar no canto superior direito na baliza com Seaman pregado ao chão. Sete minutos antes do do intervalo, o quarto grande golo do jogo, deu o empate merecido a Portugal. Após outro cruzamento da direita de Rui Costa, João Pinto foge a Sol Campbell e em voo remata de cabeça, batendo Seaman novamente. Estava feito o empate.

A Inglaterra tirou Michael Owen e colocou Emile Heskey no início da segunda parte, mas a substituição de McManaman, que se lesionou no joelho, provou ser mais significativa. Dennis Wise entrou para o seu lugar aos 58 minutos. No minuto seguinte Portugal consuma o volte-face. Outro fantástico passe de Rui Costa rasgou toda a defesa inglesa. Nuno Gomes recebeu muito bem a bola, e quando Tony Adams deslizava para o desarme, o avançado do Benfica rematou cruzado entrando a bola na parte de cima da baliza. Scholes e Shearer estiveram perto do empate, mas a noite foi de Portugal.

Última actualização: 06-02-12 15.33CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=2000/matches/round=1458/match=64846/postmatch/report/index.html#portugal+vence+inglaterra

Equipas

Portugal

Portugal

Inglaterra

Inglaterra

1
Vítor BaíaVítor Baía (GR) (C)
Yellow Card89
1
SeamanDavid Seaman (GR)
2
Jorge CostaJorge Costa
2
G. NevilleGary Neville
4
VidigalVidigal
3
P. NevillePhil Neville
5
CoutoFernando Couto
4
CampbellSol Campbell
7
Luís FigoLuís Figo
Goal22
5
AdamsTony Adams
Substitution82
8
João PintoJoão Pinto
Goal37
Substitution75
7
BeckhamDavid Beckham
10
Rui CostaRui Costa
Substitution85
8
ScholesPaul Scholes
Goal3
13
DimasDimas
9
ShearerAlan Shearer (C)
14
Abel XavierAbel Xavier
10
OwenMichael Owen
Substitution46
17
Paulo BentoPaulo Bento
11
McManamanSteve McManaman
Goal18
Substitution58
21
Nuno GomesNuno Gomes
Goal59
Substitution89
14
IncePaul Ince
Yellow Card44

suplentes

12
Pedro EspinhaPedro Espinha (GR)
13
MartynNigel Martyn (GR)
22
QuimQuim (GR)
22
WrightRichard Wright (GR)
3
Rui JorgeRui Jorge
6
KeownMartin Keown
Substitution82
6
Paulo SousaPaulo Sousa
12
SouthgateGareth Southgate
9
Sá PintoSá Pinto
15
BarryGareth Barry
11
ConceiçãoSérgio Conceição
Substitution75
16
GerrardSteven Gerrard
15
CostinhaCostinha
17
WiseDennis Wise
Substitution58
16
BetoBeto
Substitution85
18
BarmbyNick Barmby
19
CapuchoCapucho
Substitution89
19
HeskeyEmile Heskey
Substitution46
20
SecretárioSecretário
20
PhillipsKevin Phillips
21
FowlerRobbie Fowler

Treinador

Humberto Coelho (POR) Kevin Keegan (ENG)

Árbitro

Anders Frisk (SWE)

Árbitros assistentes

Leif Lindberg (SWE), Emanuel Zammit (MLT)

Quarto árbitro

Urs Meier (SUI)

Legenda:

  • GolosGolos
  • Auto-goloAuto-golo
  • Grandes penalidadesGrandes penalidades
  • Penalties falhadosPenalties falhados
  • reds_cardCartões Vermelhos
  • yellow_cardsCartões amarelos
  • yellow_red_cardsDuplo amarelo
  • SubstituiçãoSubstituição