O "site" oficial do futebol europeu

Itália bate Inglaterra e continua na corrida

Publicado: Sábado, 4 de Outubro de 2003, 10.50CET
Inglaterra 0-1 Itália
Marco Tardelli apontou o único golo da Itália e terminou com as hipóteses inglesas, marcando o encontro decisivo frente à Bélgica.
Itália bate Inglaterra e continua na corrida
Marco Tardelli assinou o único golo do jogo ©Getty Images
Publicado: Sábado, 4 de Outubro de 2003, 10.50CET

Itália bate Inglaterra e continua na corrida

Inglaterra 0-1 Itália
Marco Tardelli apontou o único golo da Itália e terminou com as hipóteses inglesas, marcando o encontro decisivo frente à Bélgica.

Marco Tardelli apontou o único golo no triunfo da Itália sobre a Inglaterra, marcando um decisivo encontro frente à Bélgica.

Fraca ofensivamente no empate inaugural sem golos frente à Espanha, a Itália voltou a demorar a encontrar o rumo da área na partida frente à Inglaterra. A equipa de Ron Greenwood parecia a equipa mais próxima de marcar durante muita da primeira parte, mas, sem Trevor Francis, faltou-lhe o poder de fogo necessário para penetrar numa das mais experientes linhas defensivas do Mundo. Garry Birtles, que somava somente a sua segunda internacionalização, foi presa fácil para a defesa italiana.

Kevin Keegan manteve os ingleses à tona, aplicando muita da energia que o tornou famoso. Trocando passes a alta velocidade com Ray Kennedy, rematou rasteiro, fazendo a bola passar próxima do poste mais distante. Depois, permitiu que um passe de Ray Wilkins chegasse a Kennedy, que acertou no ferro. No derradeiro minuto, Dino Zoff defendeu um pontapé de bicicleta de Keegan, tendo Kenny Sansom ficado muito próximo de marcar na recarga.

Por essa altura, a Itália já havia reencontrado o seu instinto goleador. Giancarlo Antognoni encontrou Claudio Gentile no lado esquerdo, com Phil Neal a falhar a tentativa de desarme em carrinho e a permitir a intervenção de Francesco Graziani, que cruzou rasteiro para Tardelli, que marcou em boa posição.

A Itália protegeu a sua vantagem com a robustez defensiva que sempre a caracterizou, mas sabia que uma vitória por um golo de diferença significaria que teria, depois, de derrotar a Bélgica por forma a poder chegar à final. Quanto à Inglaterra, só podia aspirar ao terceiro lugar.

Última actualização: 22-05-12 17.17CET

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=1980/matches/round=200/match=3581/postmatch/report/index.html#italia+continua+corrida

Equipas

Inglaterra

Inglaterra

Itália

Itália

1
ShiltonPeter Shilton (GR)
1
ZoffDino Zoff (GR) (C)
2
NealPhil Neal
2
GentileClaudio Gentile
3
SansomKenny Sansom
3
OrialiGabriele Oriali
4
ThompsonPhil Thompson
4
BenettiRomeo Benetti
Yellow Card0
5
WatsonDave Watson
5
CollovatiFulvio Collovati
6
WilkinsRay Wilkins
6
ScireaGaetano Scirea
7
KeeganKevin Keegan (C)
7
CausioFranco Causio
Substitution88
8
CoppellSteve Coppell
8
TardelliMarco Tardelli
Yellow Card0
Goal79
9
BirtlesGarry Birtles
Substitution75
9
GrazianiFrancesco Graziani
10
KennedyRay Kennedy
10
AntognoniGiancarlo Antognoni
11
WoodcockTony Woodcock
11
BettegaRoberto Bettega

suplentes

12
MarinerPaul Mariner
Substitution75
12
BaresiGiuseppe Baresi
Substitution88

Treinador

Ron Greenwood (ENG) Vincenzo Bearzot (ITA)

Árbitro

Nicolae Rainea (ROU)

Legenda:

  • GolosGolos
  • Auto-goloAuto-golo
  • Grandes penalidadesGrandes penalidades
  • Penalties falhadosPenalties falhados
  • reds_cardCartões Vermelhos
  • yellow_cardsCartões amarelos
  • yellow_red_cardsDuplo amarelo
  • SubstituiçãoSubstituição