O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Factos e números de todas as 16 finais do EURO

Seleccionamos as estatísticas de jogadores e equipas de todas as 16 anteriores finais do EURO.

A França celebrate a conquista do EURO 2000
A França celebrate a conquista do EURO 2000 ©Getty Images

A Itália é a actual campeã da Europa após ter conquistado a 16ª edição do Campeonato da Europa no desempate por penáltis, derrotando uma selecção da Inglaterra que se tornou a 13ª nação diferente a tomar parte na grande decisão.

Desde as equipas que mais brilharam na prova até aos jogadores que marcaram a sua história no EURO, o EURO2020.com analisa as principais estatísticas das 16 finais já realizadas.

Recordes em finais

Final de 2012: Espanha marca quatro
Final de 2012: Espanha marca quatro

Maior vitória: Espanha 4-0 Itália (2012)

Mais golos: Checoslováquia 2-2 República Federal da Alemanha (1976), Espanha 4-0 Itália (2012)

Mais espectadores: Espanha 2-1 União Soviética (1964) - 79.115

Mais vitórias: República Federal da Alemanha/Alemanha, Espanha - 3

Mais derrotas: República Federal da Alemanha/Alemanha, União Soviética - 3

Mais jogos: Um total de 40 jogadores disputaram duas finais. Cristiano Ronaldo detém o recorde de ter marcado presença em duas finais separadas por 12 anos (2004 e 2016). Leonardo Bonucci e Giorgio Chiellini juntaram-se a essa lista após terem jogado contra a Inglaterra, isto depois de terem alinhado pela Itália ante a Espanha, em 2012.

Melhores marcadores: Olivier Bierhoff (Alemanha), Horst Hrubesch (RFA), Gerd Müller (RFA), Fernando Torres (Espanha) - 2

Dois golos numa final: Gerd Müller (RFA 1972), Horst Hrubesch (RFAl 1980), Olivier Bierhoff (Alemanha, 1996)

Golos em duas finais: Fernando Torres (Espanha 2008 e 2012)

Vitória como jogador e treinador: Berti Vogts (RFA 1972, Alemanha 1996) - Vogts não jogou na final de 1972.

Presenças na final (incluindo 2020)

Resumo da final do EURO 2004: Grécia 1-0 Portugal
Resumo da final do EURO 2004: Grécia 1-0 Portugal

Alemanha/RFA 6 (V3 D3)

Espanha 4 (V3 D1)
Itália 4 (V2 D2)
União Soviética 4 (V1 D3)

França 3 (V2, D1)

Checoslováquia/República Checa 2 (V1 D1)
Portugal 2 (V1, D1)
Jugoslávia 2 (D2)

Dinamarca 1 (V1)
Grécia 1 (V1)
Países Baixos 1 (V1)
Inglaterra 1 (D1)
Bélgica 1 (D1)

• Depois do alargamento para 16 equipas na fase final, em 1996, apenas um campeão – Espanha, em 2012 – atingiu a final. Antes disso, União Soviética (1964) e República Federal da Alemanha (1976) jogaram a final como detentores do troféu, mas ao contrário da Espanha perderam.

Atingiram finais consecutivas
RFA/Alemanha 3 (1972, 1976, 1980), 2 (1992, 1996)
União Soviética 2 (1960, 1964)
Espanha 2 (2008, 2012)

Estreantes na final (não contando com 1960)

1972: RFA V3-0 - União Soviética
1968: Itália V2-0 - Jugoslávia (jogo de repetição)
1964: Espanha V2-1 - União Soviética

• A República Checa disputou a final de 1996 na primeira vez que participou na prova como país independente, mas o seu registo inclui a da Checoslováquia.

Deram a volta ao marcador para ganhar a final

2020: Itália 1-1ap Inglaterra (a perder desde os 2 minutos, venceu por 3.2 nos penáltis)
2000: França 2-1ap Itália (a perder no minuto 55, ganhou graças ao golo de ouro)
1996: Alemanha 2-1ap República Checa (a perder no minuto 59, ganhou graças ao golo de ouro)
1968: Itália 1-1ap, 2-0 Jugoslávia (a perder aos 39 minutos, venceu após um jogo de repetição)
1960: União Soviética 2-1ap Jugoslávia (a perder por 1-0 ao intervalo)

 Prolongamento

Veja o inesquecível golo de Éder na final do EURO 2016
Veja o inesquecível golo de Éder na final do EURO 2016

• Sete das 15 finais não se resolveram nos 90 minutos

Resolvidas no prolongamento: 2 (União Soviética 2-1 Jugoslávia, 1960), (Portugal 1-0 França , 2016)
Resolvidas com golo de ouro: 2 (Alemanha 2-1 República Checa 1996, França 2-1 Itália 2000)
Resolvidas no desempate por grandes penalidades: 2 (República Checa 2-2, 5-3p República Federal da Alemanha 1976); Itália 1-1, 3-2p Inglaterra, 2020)
Resolvida com jogo de repetição: 1 (Itália 2-0 Jugoslávia 1968)

Anfitriões na final

2020: Inglaterra D1-1, 2-3P - Itália*
2016: França D0-1 - Portugal
2004: Portugal D0-1 - Grécia
1984: France V2-0 - Espanha
1968: Itália V2-0 (jogo de repetição) - Jugoslávia
1964: Espanha V2-1 - União Soviética

*Torneio disputado em várias cidades da Europa, mas com a final em Londres

Descarregue a app do EURO