Portugal e Ucrânia sobem no ranking

Portugal e Ucrânia subiram no ranking de coeficiente interino de selecções da UEFA, enquanto a Bélgica desceu três lugares.

Cristiano Ronaldo, de Portugal, depois de marcar na Arménia
Cristiano Ronaldo, de Portugal, depois de marcar na Arménia ©AFP/Getty Images

Portugal, Bélgica e Ucrânia são os grandes impulsionadores no 'top ten' do mais recente coeficiente interino de selecções da UEFA, na sequência de mais uma ronda de eliminatórias do UEFA Euro 2016.

A vitória (3-2) de sábado na Arménia levou Portugal até ao 5º lugar, uma subida de duas posições em relação ao ranking de Abril, enquanto a Ucrânia subiu cinco posições, para 10º, graças à sua vitória por 3-0 sobre o Luxemburgo, no domingo. A Itália, que empatou 1-1 na Croácia, sobe um lugar, para 7ª, enquanto a Bélgica é a única equipa a cair no 'top ten', descendo três posições, para 8ª, depois de perder por 1-0 no País de Gales.

A campeã mundial Alemanha, que venceu fora Gibraltar por 7-0, permanece no topo com um coeficiente de 40.203, seguida da campeã Europeia Espanha (37.163) e com a Inglaterra (35.903) a fechar o pódio. A Holanda (35.319) segue no 4º lugar, enquanto Portugal (34.208) completa o top cinco.

A Suíça salta três lugares para 11ª, mercê da vitória por 2-1 na Lituânia, enquanto a Suécia (14ª) e a Polónia (15ª) sobem igualmente três posições. A Roménia é agora 16ª, perdendo quarto lugares, e a derrota (2-1) de sexta-feira na Islândia  significou uma queda abrupta para a República Checa – cai de 10ª para 17ª.

Esta é a maior mudança para qualquer selecção, enquanto o País de Gales consegue a maior subida, com o sucesso frente à Bélgica  a garantir um novo coeficiente de 25,515 e a levar a equipa de Chris Coleman para a 25ª posição - um salto de quarto posições. A recompensa das Ilhas Faroé por bater a Grécia é uma subida de três lugares para 47ª e um novo coeficiente de 14.367.

No geral, em comparação com o ranking no momento do sorteio de qualificação para o UEFA EURO 2016, a Eslováquia é agora 12ª depois de ter arrancado como 25ª, enquanto a Áustria subiu da 27ª posição até à 13ª. Polónia (de 27ª a 15ª), Roménia (26ª-16ª) e Islândia (38ª-22ª) estão entre as outras grandes subidas, com o País de Gales a começar na 34ª posição e a ocuparem actualmente a 25ª.

*Os coeficientes das selecções são calculados com base nos resultados recentes de um país. No ranking actual, os resultados no UEFA EURO 2012 (fase de qualificação/fase final) valem 20 por cento, enquanto os do Campeonato do Mundo de 2014 (fase de qualificação/fase final) e do UEFA EURO 2016 (qualificação) representam 40 por cento.

Topo