O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Participação no EURO 2020: Portugal

Carlos Machado, repórter que acompanhou a selecção portuguesa, encontra motivos para elogios, apesar da eliminação prematura dos detentores do troféu.

Portugal viu o seu reinado como campeão europeu chegar ao fim domingo, frente à Bélgica
Portugal viu o seu reinado como campeão europeu chegar ao fim domingo, frente à Bélgica UEFA via Getty Images

Cinco anos depois de ter conquistado o seu primeiro grande troféu de selecções, Portugal viu o seu reinado como campeão europeu chegar ao fim nos oitavos-de-final do EURO 2020, naquela que foi a sua eliminação mais prematura de sempre em fases finais do EURO.

Já se sabia que Portugal não iria ter vida fácil num grupo do qual também faziam parte Alemanha e França. Nem, depois, ante uma poderosa Bélgica nos oitavos-de-final. Mas, excepção feita ao jogo com a Alemanha, Portugal esteve à altura, embora só quando se viu em desvantagem aquela geração que é vista por muitos como a sua melhor de sempre tenha mostrado as suas reais qualidades.

Quais foram os pontos positivos?

Veja os golos de Ronaldo no EURO 2020
Veja os golos de Ronaldo no EURO 2020

Renato Sanches foi uma boa surpresa, cimentando o seu lugar na equipa e recuperando a sua aura como grande promessa – é bom lembrar que ainda só tem 23 anos. E Cristiano Ronaldo fez o seu melhor EURO de sempre, pelo menos em termos de golos marcados: aos 36 anos, marcou por cinco vezes, igualou o recorde de golos por uma selecção de Ali Daei e foi, como sempre, um exemplo para os colegas, em cada sessão de treino e em cada jogo. O mesmo pode ser dito em relação a Pepe.

O ponto alto no torneio

O jogo contra a França foi um dos melhores momentos de Portugal neste EURO 2020. Nesse encontro a "Equipa das Quinas" mostrou capacidade de reacção, quando se viu em desvantagem, e atingiu um nível bastante elevado. Na segunda parte do encontro com a Bélgica, Portugal também mostrou qualidade e encostou os "Diabos Vermelhos" à sua grande área.

O que reserva o futuro

Bruno Fernandes: "É um privilégio jogar com Ronaldo"
Bruno Fernandes: "É um privilégio jogar com Ronaldo"

Portugal tem uma enorme qualidade de talento ao seu dispôr e não é difícil perceber onde está esse talento quando se olha para a constituição das equipas com que tem entrado em campo. Jogadores como Bruno Fernandes, Bernardo Silva ou João Félix têm de jogar mais, porque têm o que é preciso para tal. Mas há muitos outros, como Renato, Rúben Neves ou André Silva. Portugal tem o que é preciso para se exibir ao mais alto nível e poder bater qualquer adversário.

O que esperar do resto do EURO 2020

Depois da desilusão que foi o adeus de Portugal à prova, acredito que será a Itália a erguer o troféu. A forma como tem jogado, com um tipo de futebol bem diferente daquele que normalmente associamos aos italianos, é a prova de que eles têm talento e que sabem explorar esse talento dentro de campo.

Baixe a app do EURO