Regresso ao Jogo: a UEFA está a preparar-se para o regresso seguro das suas competições de elite.
Saiba mais >
 

Vitória da Inglaterra sobre a Escócia no EURO '96: Shearer e Seaman recordam jogo

Alan Shearer e David Seaman falam sobre o duelo de 15 de Junho de 1996, em que a Inglaterra bateu a Escócia, levando o país a acreditar que o título era possível.

Alan Shearer durante a conversa que manteve com o UEFA.com
Alan Shearer durante a conversa que manteve com o UEFA.com

A anfitriã Inglaterra não tinha começado da melhor forma o EURO '96, devido a um empate com a Suíça. Na jornada seguinte defrontava a vizinha Escócia, num duelo recheado de história e significado.

Alan Shearer e Paul Gascoigne valeram à equipa de Terry Venables uma vitória por 2-0. Shearer e o guarda-redes David Seaman falaram com o UEFA.com sobre esse jogo em Wembley.

Recorde o jogo na íntegra em UEFA.tv


Shearer tinha quebrado um longo jejum pela selecção na primeira jornada e inaugurou o marcador.

Alan, quão importante foi o primeiro golo?

Resumo do EURO '96: Inglaterra 2-0 Escócia
Resumo do EURO '96: Inglaterra 2-0 Escócia

Alan Shearer: A vida de um avançado é assim. Pode estar 13 jogos sem marcar, mas depois volta a facturar e a partir daí entra numa sequência goleadora. É apenas confiança, crença e estar no sítio certo à hora certa.

E agora que a confiança estava em alta, não deixei que ninguém se intrometesse e ataquei aquela bola de forma determinada.

Seaman com defesas decisivas a remates de Gordon Durie e Gary McAllister.

O David teve um papel igualmente importante no resultado final. Recorde-nos esses lances.

David Seaman: A defesa ao remate do Durie foi complicada, não só porque tive de me esforçar ao máximo, mas também porque depois embati no poste e fiquei com um inchaço enorme no dia seguinte.

Os melhores golos do EURO '96
Os melhores golos do EURO '96

O penalty defendido foi crucial, pois na segunda parte a Escócia estava a ganhar ascendente. Eu já tinha enfrentado o Gary e não fazia muito ideia para onde ele pudesse rematar. Tentei escolher um lado, mas fui apanhado em contra-pé e só tive tempo para travar um pouco o movimento. Felizmente a bola bateu no ombro e foi à barra.

Paul Gascoigne dilatou a vantagem inglesa após um belo lance individual.

Como viram o golo de Gascoigne? Esperavam que ele fizesse aquilo?

Resumo do EURO '96: Paul Gascoigne em destaque
Resumo do EURO '96: Paul Gascoigne em destaque

Seaman: O Gascoigne era perfeitamente capaz de fazer aquilo, e nós melhor do que ninguém sabíamos pois víamos a sua qualidade nos treinos. Por isso é que a sua presença, nas convocatórias e depois no "onze", deixava-nos mais confiantes.

Shearer: Foi um golo fantástico, por causa da forma como ele pica a bola por cima do [Colin] Hendry e depois, com uma frieza notável, remata de primeira. Tal como eu, também o Gascoigne estava sob pressão, e ao coroar uma grande exibição com um golo destes, imagino que tenha sentido um alívio tão grande quanto eu senti.

O memorável festejo de Gascoigne
O memorável festejo de GascoignePopperfoto via Getty Images

A celebração efusiva do golo de Gascoigne, recriando uma cena polémica de uma festa pré-torneio divulgada por um tablóide.

Alan, fale-nos do seu papel nesta comemoração original e como tudo surgiu.

Shearer: Ele tinha planeado isso, e foi uma coisa tipicamente ao estilo dele. Nem sei como é que se lembrou disso e que tinha de ser eu a dar-lhe de beber. Quando se marca um golo, a euforia é tanta que por vezes nem nos lembramos de coisas planeadas antes.

Descarregue a app do EURO

Conteúdos relacionados

Topo