Combata a COVID-19 seguindo as indicações da Organização Mundial de Saúde e os cinco passos da FIFA para travar a propagação da doença.

1. Lavar as mãos 2. Tossir para o antebraço 3. Não tocar no rosto 4. Manter a distância física 5. Ficar em casa.
Mais informação >
 

Hamit Altıntop em destaque no EURO 2008

O UEFA.com celebra a carreira de Hamit Altıntop, que brilhou na campanha da Turquia no UEFA EURO 2008.

Hamit Altıntop no UEFA EURO 2008
Hamit Altıntop no UEFA EURO 2008 PAUL ELLIS/AFP via Getty Images

Impressionou primeiro como lateral-direito, mas a sua capacidade incansável de Hamit Altıntop para liderar o meio-campo fez com que tivesse um papel inspirador no centro do terreno. Especialista em lances de bola parada, fez parte da fantástica campanha que quase levou a Turquia à final do UEFA EURO 2008.

EURO 2008

• A Turquia chegou ao torneio sem qualquer favoritismo e após ter vencido apenas um jogo nos dois torneios anteriores. Na segunda passagem de Fatih Terim pelo comando da selecção - esteve à frente dos turcos nas três derrotas no EURO '96 no seu início no cargo -, as equipas e formações imprevisíveis do reverenciado treinador produziram resultados inconsistentes, e a ausência do avançado Hakan Şükür, melhor marcador de sempre da Turquia, deixou o plantel criativo privado do seu principal talismã.

Resumo do EURO 2008: Turquia elimina Croácia nos penalties
Resumo do EURO 2008: Turquia elimina Croácia nos penalties

• Tendo perdido as últimas seis semanas da temporada devido a uma fractura de um metatarso, a exibição de Altıntop na derrota de abertura por 2-0 frente a Portugal, apesar de ter sido substituído, deixou boas indicações. "Estou muito optimista", insistiu. "O nosso verdadeiro torneio começa na quarta-feira [contra a Suíça]."

• Dois jogadores de ascendência turca participaram na jogada que colocou a Suíça em vantagem, após meia-hora em Basileia debaixo de chuva, quando Hakan Yakin deu a melhor sequência, por entre as poças, a uma assistência de Eren Derdiyok. Na segunda parte felizmente mais seca, Semih Şentürk empatou antes de Arda Turan concluir a reviravolta dos turcos nos derradeiros instantes. "É uma sensação maravilhosa", disse Terim, aliviado (e um pouco encharcado), dando eco aos sentimentos de Altıntop. "Hoje é o início do EURO para nós."

• Uma mudança táctica envolvendo Altıntop no fecho da fase de grupos mudou o rumo dos acontecimentos nesse encontro. A perder por dois golos contra a República Checa, que começou empatada na classificação, a Turquia colocou o seu talismã naquilo que parecia ser um meio-campo com seis jogadores, a meio da segunda metade. Altıntop fez então a assistência para o tento de Arda Turan, aos 75 minutos, antes de cruzar para o empate de Nihat Kahveci, aos 87, perante a impotência do guarda-redes checo Petr Čech. Dois minutos depois, os dois jogadores combinaram novamente e permitiram a Nihat concluir uma reviravolta notável que apurou a Turquia.

Veja Hamit Altıntop em acção no EURO 2008
Veja Hamit Altıntop em acção no EURO 2008

• Altıntop esteve novamente em destaque nos quartos-de-final numa equipa da Turquia fragilizada com jogadores suspensos e lesionados. A Croácia pensou que o golo de Ivan Klasnić aos 119 minutos do prolongamento a tinha apurado, mas a Turquia não desistiu e Şentürk marcou no último pontapé do encontro. Altintop marcou a terceira conversão da Turquia num triunfo por 3-1 no desempate por grandes penalidades e foi nomeado Melhor em Campo. "Se acreditarmos em nós próprios, podemos vencer o torneio", afirmou.

• A boa exibição dos turcos na meia-final não foi suficiente para chegar ao encontro decisivo, já que a Alemanha escapou ao domínio de Altıntop e dos seus companheiros de equipa. O golo tardio de Şentürk - em resposta ao cabeceamento de Miroslav Klose - levou a partida para prolongamento, antes de Philipp Lahm marcar e destroçar os corações dos turcos em cima do minuto 90. Acabou por ser o primeiro e o último grande torneio de Altıntop, mas o seu desempenho inspirador conquistou admiradores e um lugar merecido na Equipa do Torneio.

O que ele disse

"Paixão e emoção eram os nossos atributos e demonstrámos isso em campo. Corremos até à exaustão frente aos croatas."

Veja a Alemanha vencer a meia-final do EURO 2008
Veja a Alemanha vencer a meia-final do EURO 2008

"Depois de terminar em terceiro no Campeonato do Mundo de 2002, era importante para a Turquia, como nação, mostrar que continuávamos em crescimento, especialmente em termos tácticos e a nível disciplinar, dentro e fora do campo."

"Tenho orgulho de dizer que dei o meu melhor em todas as sessões de treinamento e em todos os jogos. Quatro títulos da [Bundesliga], vários sucessos nas Copas e a final da Liga dos Campeões em 2010 - são experiências que olho para trás com muito carinho e que me fazem feliz."

O que os outros disseram

"Durante o tempo em que passamos juntos, era como uma pessoa muito leal que dava tudo pelos seus companheiros de equipa."
Dirk Schuster, treinador no Darmstadt

"A sua mudança de ritmo lembrava um pouco Lothar Matthäus. Também me identificava com a sua personalidade impecável."
Jupp Heynckes, treinador no Schalke

Hamit Altıntop comemora a vitória nos quartos-de-final do UEFA EURO 2008, em Viena
Hamit Altıntop comemora a vitória nos quartos-de-final do UEFA EURO 2008, em VienaFABRICE COFFRINI/AFP via Getty Images

"Hamit era um jogador e um elemento importante. Era um dos jogadores em quem eu confiava e acreditava."
Fatih Terim, treinador no Galatasaray e na Turquia

Principais números

Selecção da Turquia: 82 jogos, 7 golos
Competições de clubes da UEFA: 53 jogos, 6 golos
Competições nacionais: 350 jogos, 30 golos

Topo