Combata a COVID-19 seguindo as indicações da Organização Mundial de Saúde e os cinco passos da FIFA para travar a propagação da doença.

1. Lavar as mãos 2. Tossir para o antebraço 3. Não tocar no rosto 4. Manter a distância física 5. Ficar em casa.
Mais informação >
 

Clássicos do EURO: Portugal 2-3 Alemanha

Veja este emocionante jogo dos quartos-de-final do EURO 2008 na UEFA.tv, tal como ele aconteceu.

Portugal tinha passeado a sua classe rumo aos quartos-de-final do UEFA EURO 2008, ao passo que a Alemanha teve de batalhar muito para reservar o seu lugar na partida de Basileia: os condimentos ideais para uma espectacular partida.

VEJA O JOGO NA ÍNTEGRA, TAL COMO ACONTECEU

Contexto

Veja alguns grandes golos da Alemanha
Veja alguns grandes golos da Alemanha

Ambos semi-finalistas do Campeonato do Mundo da FIFA de 2006, Portugal e Alemanha entravam com expectativas elevadas para o EURO, jogado na Áustria e Suíça. Orientada por Luiz Felipe Scolari, a selecção portuguesa garantiu um lugar nos quartos-de-final logo ao fim de dois jogos na fase de grupos, enquanto a Alemanha teve de suar um pouco mais para lá chegar, após ver-se derrotada pela Croácia na segunda jornada e a ganhar depois com dificuldades por 1-0 sobre a Áustria – num jogo em que o seleccionador alemão, Joachim Löw, acabou mesmo expulso na sequência de um desentendimento com o seleccionador austríaco.

O que aconteceu?

Com Löw, castigado, a assistir da bancada e a ser substituído no banco pelo adjunto Hans-Dieter Flick, a Alemanha cedeu a iniciativa de jogo a Portugal nos minutos iniciais, mas foi crescendo e acabou por ser a primeira a marcar, com dois golos quase de seguida a meio da primeira parte, assinados por Schweinsteiger e Miroslav Klose. Portugal, ainda assim, soube reagir e reduziu ainda antes do intervalo, pelo capitão Nuno Gomes, na recarga a um primeiro remate de Cristiano Ronaldo.

Deco viu, depois, um golo anulado por fora-de-jogo na segunda parte e Pepe ficou a milímetros de restabelecer o empate, mas foi a Alemanha a dilatar a vantagem, por Ballack, após assistência de Schweinsteiger, a segunda no jogo. Portugal partiu para o tudo por tudo, Hélder Postiga, vindo do banco, ainda marcou a cruzamento de outro suplente, Nani, mas foi o melhor que a turma portuguesa conseguiu.

O que aconteceu depois

Meias-finais do EURO 2008: Alemanha 3-2 Turquia
Meias-finais do EURO 2008: Alemanha 3-2 Turquia

A Alemanha regressou a Basileia para, em mais um grande espectáculo de futebol, bater a Turquia pelos mesmos 3-2, graças a um golo de Philipp Lahm ao cair do pano, mas não conseguiu depois travar a Espanha na final, em Viena, perdendo por 1-0, num resultado que até foi escasso para tanto domínio espanhol. Löw manteve-se, contudo, ao leme da selecção germânica por muitis mais anos e acabaria por conduzi-la ao título mundial em 2014 (batendo uma vez mais - e de forma clara - Scolari, então ao leme do anfitrião Brasil).

Scolari que, como programado, deixou o comando de Portugal após a eliminação do EURO 2008 para assumir o leme do Chelsea. Depois de derrotado na final, em casa, no UEFA EURO 2004, a selecção portuguesa viria, anos mais tarde, sob o comando de Fernando Santos, a erguer enfim o troféu no UEFA EURO 2016 – com Cristiano Ronaldo entre os poucos resistentes entre os jogadores que tinham estado na fase final de 2008.

Conteúdos relacionados

Topo