O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Vitória da união incentiva Portugal

Num triunfo que demonstrou o espírito de grupo existente, Silvestre Varela revelou "grande orgulho" após marcar o golo da vitória de Portugal sobre a Dinamarca.

Silvestre Varela e João Moutinho festejam o golo da vitória marcado pelo primeiro
Silvestre Varela e João Moutinho festejam o golo da vitória marcado pelo primeiro ©Getty Images

Autor do golo do triunfo de 3-2 sobre a Dinamarca, apontado perto do fim e depois de ter entrado pouco antes, Silvestre Varela revelou "grande orgulho por ter ajudado Portugal a conseguir esta vitória", enquanto Cristiano Ronaldo confessou que "estava zangado, porque com as oportunidades que tive podia ter feito melhor."

Silvestre Varela, avançado de Portugal
Sinto-me feliz, é um grande orgulho por ter ajudado Portugal a conseguir a vitória e agora vamos descansar e pensar no próximo jogo. A bola veio para trás e o Cristiano [Ronaldo] ainda ameaçou tocar. Falei com ele, acabou por sobrar, voltei-me e fiz o golo. Fizemos um excelente trabalho, estamos todos de parabéns porque fizemos um resultado importante para os nossos objectivos. O Cristiano é o melhor do Mundo e vai fazer golos. Vamos estudar a Holanda e esperamos fazer um bom jogo.

Cristiano Ronaldo, avançado de Portugal
A ganhar 2-0 pensávamos que o resultado estava praticamente feito, mas tínhamos de fazer o 3-0 para matar o jogo e não o conseguimos. Passávamos por algumas dificuldades, mas no final tivemos a sorte que nos faltou no jogo com a Alemanha e conseguimos ganhar. Mostrei que estava zangado, porque com as oportunidades que tive podia ter feito melhor, mas o importante é que Portugal ganhou e estamos na luta. Agora é ganhar o próximo jogo e estamos qualificados. Portugal quer passar a primeira fase, depois vemos.

Pepe, defesa de Portugal
O mais importante foi a exibição da equipa. Fizemos um grande jogo e conseguimos um resultado positivo para poder encararmos o nosso jogo com a Holanda com um pouco de mais tranquilidade. Tive a sorte de poder marcar contra a Turquia no EURO anterior, mas devo-o também aos meus colegas, sem eles não sou nada. Hoje o grupo demonstrou um espírito de sacrifício muito grande para conseguir esta vitória. Fomos premiados no final. Cristiano Ronaldo para mim é melhor jogador do Mundo, mas os melhores também falham. Não tem de ter tanta responsabilidade. Todos temos o direito de falhar. Anteriormente deu-nos a oportunidade de estarmos aqui hoje.

João Moutinho, médio de Portugal
Tem um grande sabor, é a vitória da união e do espírito de grupo, de todo o grupo, pois não foram apenas aqueles que estiveram em campo que ganharam, os que estiveram a apoiar no banco ou que entraram também foram importantes. Os portugueses podem contar com aquilo que fizemos hoje, dar o máximo até ao último minuto, com todo este espírito que temos demonstrado deste início. Depois deste jogo queremos mais, ganhar o jogo com a Holanda e passar à fase seguinte.

Nélson Oliveira, avançado de Portugal
Foi uma boa vitória, sabíamos que ia ser um jogo complicado, pois a Dinamarca tem uma boa equipa. Estamos todos de parabéns porque fizemos um grande jogo. Somámos três pontos muito importantes. Vai ser mais um jogo complicado [diante da Holanda], contra uma grande selecção, uma das favoritas, mas vamos fazer um grande jogo e passar aos quartos-de-final. Não pensámos muito na pressão, só estávamos focados em conseguir a vitória, que era muito importante para nós. Conseguimos fazer um grande jogo e ganhar, é isso que temos de destacar. Foi um grande golo do Varela, a bola vinha difícil e falhou o primeiro remate, mas depois fez um grande golo que valeu a vitória.