O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

O orgulho de Maggio no EURO

Confortável com o novo esquema táctico de Itália, o lateral Christian Maggio está a desfrutar a experiência no UEFA EURO 2012, admitindo ao UEFA.com que fica "arrepiado" quando está em campo.

O italiano Christian Maggio fala ao UEFA.com
O italiano Christian Maggio fala ao UEFA.com ©UEFA

A época de 2011/12 tem sido memorável para Christian Maggio. Após ter ajudado o SSC Napoli a chegar aos oitavos-de-final da UEFA Champions League e ter terminado a época a nível interno com um triunfo na Coppa Italia, Maggio está concentrado em conquistar títulos a nível internacional.

Uma excelente exibição frente à Espanha, no jogo inaugural da Itália no Grupo C, ajudou-o a cimentar o seu lugar como titular na equipa de Cesare Prandelli e é um privilégio que enche o jogador de 30 anos de orgulho.
"Sou uma pessoa emotiva e entusiasmo-me muito facilmente, pelo que entrar no relvado e ouvir o hino nacional deixa-me arrepiado, porque, nesse momento, estamos a representar o nosso país e isso, para mim, é uma grande honra", disse Maggio ao UEFA.com. "Portanto, tenho sempre dificuldades em conter-me da melhor forma possível. Espero poder contribuir mais para a selecção e para o país".

Após a derrota com a Rússia uma semana antes do primeiro jogo da Itália no Campeonato da Europa, Prandelli optou por mudar de um 4-3-1-2 para um 3-5-2. Trata-se de um sistema que requer exibições particularmente dinâmicas dos laterais, que têm que ser capazes defender, mas, igualmente, de atacar pelos flancos.

"De um ponto de vista defensivo, o 3-5-2 dá-nos mais um jogador na defesa e, depois, no contra-ataque. Com as minhas incursões, temos a hipótese de atacar bem e de criar problemas aos nossos adversários. Assim, do meu ponto de vista, é um sistema táctico que me serve muito bem e estou contente com ele. O que é importante é dar o meu melhor contributo defensiva e ofensivamente".

Foi isso certamente que Maggio fez no domingo passado, ajudando a conter as investidas da miríade de médios espanhóis e ajudando a transportar jogo até ao meio-campo dos campeões espanhóis e mundiais". "Começámos bem o EURO. Conseguimos um bom empate frente a uma grande equipa. Antes do jogo, parecia que não tínhamos hipóteses, mas, afinal de contas, emergiu uma grande Itália. Discutimos o encontro desde o primeiro minuto e estamos contentes pela forma como jogámos, pelo que esperamos aproveitar positivamente essa experiência".

"No primeiro jogo com a Espanha, o sistema táctico funcionou muito bem e rendeu benefícios, mas veremos se o voltaremos a utilizar ou não. O jogo com a Croácia é determinante - olhando para a classificação, um triunfo é muito importante para continuarmos no caminho certo. Sabemos que teremos pela frente uma equipa muito sólida. Vimos algumas imagens deles e são uma equipa capaz de colocar problemas em qualquer altura, especialmente à frente, mas estou convencido que, se jogarmos como o fizemos com a Espanha, eles ficarão em apuros", asseverou Maggio.