O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Mellberg intransponível brilha na despedida

Olof Mellberg, pilar defensivo da Suécia, esteve intransponível e ajudou a sua equipa a não sofrer golos e a bater a França, terminando a campanha no UEFA EURO 2012 em alta.

O sueco Olof Mellberg luta pela posse da bola com vários jogadores franceses
O sueco Olof Mellberg luta pela posse da bola com vários jogadores franceses ©AFP/Getty Images

O pilar defensivo da Suécia, Olof Mellberg, esteve intransponível no eixo da defesa, com a sua equipa a não sofrer golos e a bater a França, terminando a sua campanha no UEFA EURO 2012 em alta.

Uma exibição determinada do defesa-central Olof Mellberg foi fundamental para o desempenho defensivo sem falhas da Suécia, impedindo a França de criar perigo e ganhando por 2-0, triunfo que permitiu terminar a sua campanha no UEFA EURO 2012 em alta.

No rescaldo da conquista de uma "dobradinha" pelo seu clube, o Olympiacos FC, o defesa manteve a boa forma na Polónia e na Ucrânia ao serviço do seu país. Foi um dos jogadores com melhor pontuação na derrota por 3-2 frente à Inglaterra, na segunda jornada, e os 9.64 pontos na despedida da Suécia, em Kiev, permitiram-lhe vencer o Índice Castrol EDGE frente à França.

O veterano de 34 anos, a cumprir a sua 117ª internacionalização, fez uso de toda a sua experiência para frustrar os irrequietos avançados franceses, dominando no ar e efectuando uma série de cortes importantes. O mais crucial aconteceu aos 77 minutos; deslizou no relvado para negar a Philippe Mexès um golo certo, quando o francês recebeu o passe bem-medido de Samir Nasri na área.

Mellberg também podia ter marcado, não fossem os reflexos impressionantes do No1 francês, Hugo Lloris, que conseguiu desviar o remate do defesa na sequência de um canto e após a bola ter sofrido um ressalto estranho na relva.

A exibição enérgica do colega de equipa Sebastian Larsson, culminada com o segundo golo sueco, valeram-lhe o segundo lugar do Índice, enquanto o defesa francês Mexès foi recompensado pelos seus esforços, a defender e a atacar, com o terceiro lugar.

Índice Castrol EDGE: Suécia - França
1. Olof Mellberg (SWE) 9.64
2. Sebastian Larsson (SWE) 9.51
3. Philippe Mexès (FRA) 8.97
4. Andreas Isaksson (SWE) 8.82
5. Franck Ribéry (FRA) 8.69

Factos importantes
4 – Sebastian Larsson tornou-se no quarto jogador a marcar e assistir para golo no mesmo jogo no UEFA EURO 2012 (depois de David Silva, Roman Pavlyuchenko e Theo Walcott).

23 – A incrível série de 23 jogos sem perder da França terminou frente à Suécia.

6 – Zlatan Ibrahimovic já marcou seis golos numa fase final do EURO, e apenas o francês Michel Platini (9) e o inglês Alan Shearer (7) têm mais.

1969 – Antes deste jogo, a França não perdia há 11 jogos frente à Suécia, com a última derrota a acontecer em Outubro de 1969.

24 – A França rematou 24 vezes à baliza neste jogo – exactamente o dobro do adversário. No entanto, apenas dez foram enquadrados com a baliza, contra os sete da Suécia.

Conteúdos relacionados