O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

"Vamos falar neste dia durante o resto das nossas vidas"

Os seleccionadores Lars Lagerbäck e Heimir Hallgrímsson, com a ajuda do defesa Ragnar Sigurdsson, falaram do triunfo histórico da Islândia que motivou a eliminação da Inglaterra e a demissão de Roy Hodgson.

EURO 2016 highlights: England 1-2 Iceland
EURO 2016 highlights: England 1-2 Iceland

Lars Lagerbäck, seleccionador da Islândia
É uma grande vitória mas, como sabem, ser treinador não é fácil. Uma das razões porque estou aqui sentado é devido a Roy Hodgson e a Bob Houghton. Gostaria de expressar o meu respeito por eles.

Foi uma exibição colectiva. Estamos a jogar muito bem defensivamente, todos estão bem organizados, a fazer o seu trabalho e a ler o jogo. Também estivemos muito bem a atacar. O objectivo no futebol é ganhar e marcar o maior número de golos possível. Esta equipa tem conseguido mostrar aquilo que é capaz.

Este resultado pode influenciar as suas carreiras no futebol, porque alguns jogadores merecem contratos melhores do que os que têm actualmente

Heimir Hallgrímsson, co-seleccionador da Islândia
Os rapazes estiveram fantásticos em campo, mas os adeptos foram incríveis. Cantaram mais alto que os ingleses.

Se nos prepararmos bem e se os jogadores apresentarem a mesma atitude que tiveram hoje podemos vencer qualquer adversário. Esta vitória vai faze-los acreditar nas suas capacidades.

Os rapazes estavam preparados para este desafio, para esta oportunidade que ns caiu nas mãos. Vamos falar neste dia durante o resto das nossas vidas.

Ragnar Sigurdsson, defesa da Islândia e Melhor em Campo
Não sentimos que eles tenham criado muitas oportunidades. Afastámos muitos passe de longa de distância para a área e eles também fizeram muitos remates de longe. Estive bastante tranquilo na segunda parte, excluindo os últimos minutos.

É o segundo ou terceiro golo que marcámos na sequência de um lançamento longo. É uma das nossas armas, não é nenhuma surpresa. Eles pensaram que ia ser um passeio. Eles começaram muito bem, com muita força, mas ficaram chocados com o empate e quando fizemos o 2-1. Entraram em pânico, embora sejam uma boa equipa. Como sabem, é difícil marcar golos à Islândia

Roy Hodgson, seleccionador demissionário de Inglaterra
Estou extremamente desiludido com este resultado e com a nossa eliminação. Não chegámos tão longe quanto era possível e isso é inaceitável. 

Estou orgulhoso do trabalho que eu e a minha equipa técnica fizemos enquanto fomos responsáveis pela selecção de Inglaterra. A transição de uma equipa que tinha uma média de 30 anos para uma outra que foi a mais jovem deste EURO é notável e animadora para o futuro do futebol Inglês.

Gostaria de ficar mais dois anos. No entanto, sou pragmático e sei que o que conta são os resultados. O meu contrato termina no final do EURO, chegou o momento de outra pessoa assumir a responsabilidade de fazer evoluir esta equipa jovem, ambiciosa e extremamente talentosa.