Aduriz, Turquia e Ucrânia felizes, Islândia perde

Adversária de Portugal no Grupo F do EURO 2016, a Islândia perdeu na Dinamarca, enquanto Aduriz marcou no empate da Espanha em Itália; confira como correram os amigáveis desta quinta-feira.

Aritz Aduriz (à direita) festeja depois de marcar o seu primeiro golo por Espanha
©AFP/Getty Images

Itália 1-1 Espanha (Insigne 68; Aduriz 70)
Itália: Buffon; Darmian, Bonucci, Astori; Florenzi (De Silvestri 89), Parolo (Jorginho 89), Thiago Motta, Giaccherini (Antonelli 79); Candreva (Bernardeschi 61), Pellè (Zaza 61), Éder (Insigne 52).
Espanha: De Gea; Juanfran (Alba 79), Piqué, Ramos (Nacho 46), Azpilicueta; Fàbregas, San José, Alcántara (Isco 61); Mata (Koke 46), Aduriz (David Silva 71), Morata (Alcácer 86)

David de Gea aumentou as suas hipóteses de roubar a titularidade a Iker Casillas na baliza de Espanha no EURO com uma série de grandes defesas no empate 1-1 dos campeões europeus em título diante da Itália, que marcou primeiro, por Lorenzo Insigne, aos 68 minutos. Aritz Aduriz, porém, não tardou a restabelecer a igualdade na recarga a um primeiro cabeceamento de Álvaro Morata. Foi o primeiro golo do avançado de 35 anos com a camisola da selecção principal do seu país.

Turquia 2-1 Suécia (Cenk Tosun 32 81; Granqvist 74)
Turquia: Volkan Babacan; Gökhan Gönül, Mehmet Topal, Hakan Balta (Ahmet Çalık 39), Caner Erkin; Ozan Tufan (Çağlar Söyüncü 90+4), Selçuk İnan; Arda Turan (Olcay Şahan 90+2), Oğuzhan Özyakup (Alper Potuk 63), Volkan Şen (Frei 65); Cenk Tosun (Yunus Mallı 82).
Suécia: Olsen; Lustig, Granqvist, Lindelöf, Augustinsson; Durmaz (Larsson 46), Ekdal (Hiljemark 81), Kallström (Wernbloom 71), Zengin (Forsberg 62); Guidetti (Kujovic 62), Berg.

A festa da Turquia na vitória sobre a Suécia
A festa da Turquia na vitória sobre a Suécia©AFP/Getty Images

O primeiro jogo de selecções no Estádio Antalya terminou com um triunfo dos anfitriões. Cenk Tosun marcou ainda no primeiro tempo, Andreas Granqvist restabeleceu, de livre, a igualdade à entrada para o quarto-de-hora final, mas houve ainda tempo para Cenk, de cabeça, dar a vitória aos turcos no seguimento de um livre cobrado por Selçuk İnan.

Dinamarca 2-1 Islândia (N Jørgensen 51 54; Traustason 90)
Islândia: Kristinsson; Hauksson, Árnason, R Sigurdsson, Magnússon; Hallfredsson (Gudmundsson 46), Gunnarsson, G Sigurdsson (T Bjarnason 82), B Bjarnason (Traustason 72); Finnbogason, Sigthórsson (Bödvarsson 72).

Heimir Hallgrímsson viu a sua Islândia derrotada
Heimir Hallgrímsson viu a sua Islândia derrotada©Getty Images

Adversária de Portugal no Grupo F, a Islândia viu-se derrotada naquele que foi o primeiro jogo do norueguês Åge Hareide ao leme da Dinamarca. Os islandeses mostraram dificuldade em lidar com o sistema táctico em 3-5-2 apresentado pelos anfitriões e acabaram por sofrer dois golos no espaço de poucos minutos no arranque do segundo tempo, ambos assinados por Nicolai Jørgensen. O golo de consolação de Arnor Ingvi Traustason, já ao cair do pano, não chegou para disfarçar os problemas defensivos evidenciados pela Islândia.

República Checa 0-1 Escócia (Anya 10)
República Checa: Koubek; Kadeřábek, Sivok, Kadlec, Limberský; Darida (Rada 87), Vacek (Mareček ; Dočkal (Kolář 65), Frýdek (Skalák 46), Šural (Puidil 78); Necid (Vydra 65).

Kenny McLean disputa um lance com Kamil Vacek
Kenny McLean disputa um lance com Kamil Vacek©AFP/Getty Images

Ikechi Anya finalizou da melhor forma um contra-ataque para os visitantes ainda nos primeiros minutos, batendo o estreante Tomáš Koubek – titular na baliza checa face em virtude da lesão de Petr Čech. A reacção da selecção da casa, que também não contou com Tomáš Rosický, Jaroslav Plašil e David Pavelka, esbarrou, depois, no guarda-redes escocês, Allan McGregor.

País de Gales 1-1 Irlanda do Norte (Church 89p; Cathcart 60)
País de Gales: Hennessey (Ward 46); Gunter, Matthews, Chester, A Williams; Vaughan (Allen 71), G Williams (Isgrove 62); Ledley (Crofts 46), Cotterill, Lawrence (J Williams 63); Vokes (Church 76).
Irlanda do Norte: McGovern; McAuley, Evans (D Lafferty 73), Cathcart; McNair (Paton 74); Davies, Dallas (Ferguson 90), Norwood, MacLaughlin (Hughes 81); K Lafferty (McKay 81), Washington (Ward 46).

Festa da Irlanda do Norte após o golo inaugural de Craig Cathcart
Festa da Irlanda do Norte após o golo inaugural de Craig Cathcart©Getty Images

Numa partida disputada num terreno bastante escorregadio, Craig Cathcart abriu o activo para os visitantes com um remate à meia volta já no segundo tempo mas, no derradeiro minuto, Simon Church, que havia saltado do banco pouco antes, foi derrubado no interior da grande área norte-irlandesa e converteu ele mesmo a consequente grande penalidade, ditando o empate.

Ucrânia 1-0 Chipre (Stepanenko 40)
Ucrânia: Boyko; Fedetskiy, Kucher, Putivtsev, Shevchuk (Kamenyuka 81); Stepanenko (Tymoshchuk 72), Rotan (Malyshev 46), Gusev (Petriak 46), Yarmolenko, Garmash (Kovalenko 46); Zozulya (Kravets 63).

Taras Stepanenko depois de marcar a Chipre
Taras Stepanenko depois de marcar a Chipre©AFP

Taras Stepanenko, isolado na cara do guarda-redes de Chipre, não perdoou e assinou o único golo da partida, oferecendo a vitória à Ucrânia, que apresentou cinco estreias em Odesa. Um dos estreantes, Viktor Kovalenko, esteve perto de aumentar a vantagem, mas cabeceou para fora após centro de Andriy Yarmolenko e, à beira do fim, só o poste evitou que Chipre chegasse ao empate.

Topo