Antevisão do Roma - Porto: Tudo o que precisa saber

Sem perder desde 7 de Outubro, o Porto visita a Roma, semifinalista na época passada: confira a nossa antevisão.

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto
Sérgio Conceição, treinador do FC Porto ©AFP/Getty Images

Equipas prováveis

Roma: a história até aqui
Roma: a história até aqui

Roma: Mirante; Florenzi, Manolas, Fazio, Kolarov; Pellegrini, De Rossi, Cristante; Zaniolo, Dzeko, El Shaarawy
De fora: Schick (coxa), Karsdorp (coxa)
Em dúvida: Ünder (coxa), Perotti (gémeos), Olsen (gémeos)
Em risco de suspensão: ninguém

Porto: Casillas; Éder Militão, Filipe, Pepe, Alex Telles; Danilo, Herrera, Óliver Torres, Otávio, Brahimi and Soares. 
De fora: Marega (Coxa), Jesús Corona (suspenso)
Em dúvida: ninguém
Em risco de suspensão: Éder Militão, Otávio, Pepe

FAÇA ALTERAÇÕES NO FANTASY FOOTBALL

Onde ver

Os adeptos podem encontrar aqui o(s) parceiro(s) de transmissão da UEFA Champions League.

Guia de forma

Roma
Último jogo: Chievo 0-3 Roma (08/02)
Forma: VEDVVVVDV (todas as competições, o mais recente primeiro) 

Porto
Último jogo: Moreirense 1-1 Porto (08/02)
Forma: EEVEVVVEVV

Eusébio Di Francesco, treinador da Roma

Amanhã temos de ser fortes defensivamente. É fundamental não sofrer golos, mas não podemos deixar que este objectivo comprometa a nossa identidade e a forma como queremos jogar. Este jogo é uma excelente oportunidade para fazer uma grande exibição e criar algum entusiasmo.

Sérgio Conceição está a fazer um excelente trabalho. Trouxe ao Porto uma identidade marcada, a equipa é mais eficaz agora. Apesar das baixas por lesão, é uma equipa compacta e organizada. Vai ser um jogo exigente em termos físicos.

Sérgio Conceição, treinador do Porto

Porto: a história até aqui
Porto: a história até aqui

Estamos numa prova fantástica, onde o Porto está habituado a estar e queremos dar uma resposta positiva. O passado recente não é importante, importante é o que podemos fazer amanhã. Sou pago para encontrar soluções, as lesões fazem parte da época desportiva.

Temos de estar à altura da exigência e estamos prontos para o desafio de amanhã. O objectivo é passar aos quartos-de-final. Foi importante a experiência que tivemos ano passado. Temos 180 minutos pela frente e temos de ser inteligentes, na abordagem ao jogo e na estratégia. Temos de ser fortes e consistentes como equipa. 

Topo