Grupo E: ao pormenor

Qual é o passado de cada clube na competição? Quem são os jogadores-chave, as novas contratações e os nomes a seguir? O UEFA.com tem todas as respostas.

©UEFA.com

Liverpool

Ranking do coeficiente da UEFA (final de 2018/19): 11º
Como se apurou: vencedor da UEFA Champions League
Melhor desempenho na prova: vencedor por seis vezes (1977, 1978, 1981, 1984, 2005, 2019)

Última temporada: vencedor (bateu o Tottenham, por 2-0, na final)

Fase de grupos na última temporada: segundo do Grupo C – 3V 0E 3D GM9 GS7 (contra o Paris Saint-Germain, Nápoles e Estrela Vermelha)

See how Liverpool won last season's final
See how Liverpool won last season's final

Transferências mais relevantes
Entradas: Harvey Elliott (Fulham), Sepp van den Berg (Zwolle), Adrián (West Ham)
Saídas: Daniel Sturridge (final de contrato), Alberto Moreno (final de contrato), Danny Ings (Southampton)

Treinador: Jürgen Klopp
Passou a sua carreira de jogador como um defesa-central nas divisões inferiores da Alemanha, antes de ser nomeado treinador do Mainz em 2001. O Dortmund avançou para a sua contratação em 2008, com Klopp a levar o BVB à conquista de dois campeonatos consecutivos e à final da UEFA Champions League em 2013. Dois anos mais tarde, assumiu o comando do Liverpool, liderando os "reds" até à final da UEFA Europa League em 2016 e à vitória na UEFA Champions League na última temporada (após ter perdido na final de 2018).

Jogador-chave: Virgil van Dijk
O central, de 28 anos, somou mais jogos sem sofrer golos do que qualquer outro defesa dos cinco principais campeonatos da Europa, coroando uma excelente época com o estatuto de melhor em campo na final da UEFA Champions League. Como se isso já não fosse suficiente, ainda foi eleito Jogador do Ano da UEFA.

Jogador a seguir: Rhian Brewster
Vencedor da Bota de Ouro do Campeonato do Mundo de Sub-17 de 2017 e presente no banco de suplentes durante a final da última época da UEFA Champions League, Brewster tentará aproveitar a saída de Daniel Sturridge para somar minutos. Jürgen Klopp diz: "Brewster é um ponta-de-lança de topo; é um grande talento e eu já lhe disse que ele tem um importante papel a desempenhar nesta temporada."

Nápoles

Ranking do coeficiente da UEFA (final de 2018/19): 15º
Como se apurou: segundo na Serie A
Melhor desempenho na prova: oitavos-de-final por duas vezes (2012 e 2017)

Última temporada: fase de grupos (terceiro classificado), quartos-de-final da #UEL

Fase de grupos na última temporada: terceiro no Grupo C – V2 E3 D1 GM7 GS5 (contra o Paris Saint-Germain, Liverpool e Estrela Vermelha)

Transferências mais relevantes
Entradas: Kostas Manolas (Roma), Eljif Elmas (Fenerbahçe), Hirving Lozano (PSV), Fernando Llorente (Tottenham)
Saídas: Amadou Diawara (Roma), Raúl Albiol (Villarreal), Carlos Vinícius (Benfica)

Relive Napoli's win against Liverpool last season
Relive Napoli's win against Liverpool last season

Treinador: Carlo Ancelotti
Duas vezes campeão europeu pelo Milan enquanto médio e campeão da Serie A por três vezes com a camisola dos "rossoneri" e da Roma, o italiano teve ainda mais sucesso como treinador. As duas vitórias na UEFA Champions League com o Milan e uma outra ao serviço do Real Madrid juntaram-se às conquistas dos títulos de campeão em Itália, Inglaterra, França e Alemanha.

Jogador-chave: Arkadiusz Milik
Tendo sofrido duas roturas de ligamentos desde que ingressou no clube no Verão de 2016, o avançado polaco marcou 20 golos na última temporada, todas as competições incluídas. O versátil dianteiro tem formado um prolífico tridente ofensivo com Lorenzo Insigne e Dries Mertens, tornando o Nápoles numa das equipas que melhor futebol pratica.

Jogador a seguir: Eljif Elmas
Internacional pela Macedónia do Norte pela primeira vez aos 17 anos de idade, o médio assinou pelo Nápoles em Julho, depois de ter impressionado com a camisola do Fenerbahçe. Agora com 19 anos, Elmas tem o potencial para brilhar no futuro, algo bem expresso no facto de o clube italiano ter renovao o seu contrato até 2024.

Salzburgo

Ranking do coeficiente da UEFA (final de 2018/19): 29º
Como se apurou: campeão austríaco
Melhor desempenho na prova: fase de grupos (1994/95)

Última temporada: "play-off" (perdeu devido aos golos marcados fora, após o 2-2 registado no còmputo geral do embate ante o Estrela Vermelha), oitavos-de-final da #UEL

Transferências mais relevantes
Entradas: Rasmus Kristensen (Ajax), Maximilian Wöber (Sevilha)
Saídas: Hannes Wolf (RB Leipzig), Stefan Lainer (Mönchengladbach), Xaver Schlager (Wolfsburgo), Diadie Samassékou (Hoffenheim)

O Salzburgo é o actual campeão austríaco
O Salzburgo é o actual campeão austríaco©Getty Images

Treinador: Jesse Marsch
Como jogador, foi um médio que representou o DC United, o Chicago e o Chivas, tendo somado duas internacionalizações pelos EUA e conquistado duas Taças da MLS. Treinou o Montreal e o New York Red Bulls no campeonato norte-americano antes de assumir o cargo de treinador-adjunto no Leipzig, na época passada. Rendeu Marco Rose como técnico principal do Salzburgo, em Junho.

Jogador-chave: Andreas Ulmer
O Salzburgo evidenciou-se nas últimas épocas pela sua aposta em recrutar vários talentos para o seu ataque e por praticar um futebol vistoso, mas o capitão de equipa Ulmer tem sido o maior destaque no lado oposto do campo. Agora com 33 anos de idade, o lateral conquistou dez títulos de campeão austríaco e disputou mais de 350 jogos pelo clube.

Jogador a seguir: Erling Braut Håland
Filho do antigo médio internacional da Noruega, Alf Inge Håland, o alto ponta-de-lança marcou nove golos num jogo da fase final do Mundial de Sub-20, frente às Honduras, em Maio de 2019, tendo posteriormente assinado dois "hat-tricks" nos seus quatro encontros seguintes pelo Salzburgo.

Genk

Ranking do coeficiente da UEFA (final de 2018/19): 60º
Como se apurou: campeão belga
Melhor desempenho na prova: fase de grupos por duas vezes (2003 e 2012)

Última temporada: 16 avos-de-final da #UEL (perdeu por um total de 4-1 frente ao Slavia Praga)

Transferências mais relevantes
Entradas: Theo Bongonda (Zulte Waregem), Ianis Hagi (Viitorul), Patrik Hrošovský (Viktoria Plzeň)
Saídas: Leandro Trossard (Brighton), Ruslan Malinovskyi (Atalanta), Joseph Aidoo (Celta Vigo)

Treinador: Felice Mazzù
Um professor de educação física que não teve uma carreira de jogador digna de registo, Mazzù começou a treinar nas divisões inferiores, antes de assumir o comando do Tubize em 2009. Passou, posteriormente, três anos no RWS Bruxelles e mais seis no clube da sua cidade-natal, o Charleroi. Foi nomeado este Verão treinador do Genk.

Ianis Hagi brilhou este Verão pela Roménia na fase final dos Sub-21
Ianis Hagi brilhou este Verão pela Roménia na fase final dos Sub-21©Getty Images

Jogador-chave: Sander Berge
O imponente centrocampista recebeu os mais rasgados elogios nas duas épocas e meia que leva no clube, proveniente do Vålerenga. Apesar de ter apenas 21 anos de idade, Berge já soma 14 internacionalizações pela Noruega, tendo-se estreado há mais de dois anos.

Jogador a seguir: Ianis Hagi
Filho do "Maradona dos Cárpatos", Gheorghe Hagi, Ianis mostrou toda a sua classe na fase final do EURO de Sub-21 de 2019, desempenhando um papel-chave na caminhada da Roménia até às meias-finais. Deixou o Viitorul para ingressar no Genk pouco depois desse torneio, tendo marcado 14 golos na sua última temporada passada no seu país.

Sabia que?

  • O detentor do troféu, o Liverpool, disputou as últimas duas finais da prova e está na fase de grupos pela 12ª vez.

  • O Liverpool atingiu a fase a eliminar da época passada mercê de um triunfo em casa sobre o Nápoles, por 1-0, na sexta jornada

  • O Salzburgo está presente pela segunda vez na fase de grupos, isto depois de se ter estreado na temporada 1994/95.

  • O Nápoles bateu o Salzburgo nos oitavos-de-final da edição transacta da UEFA Europa League, vencendo em casa por 3-0 e perdendo fora por 3-1.

  • O Genk nunca defrontou qualquer um dos seus adversários no Grupo E.
Topo