Antoine Griezmann: "Sei que tenho um papel importante"

"Não o iríamos mudar por nada": Antoine Griezmann aprendeu a adorar o estilo exigente de Diego Simeone no Atlético.

©Getty Images

Como foi a adaptação ao estilo de jogo de Diego Simeone quando ingressou no clube?

Foi algo de diferente do que estava habituado na Real Sociedad – mais trabalho defensivo do ponto de vista táctico. Tive de aprender, olhar ara os meus companheiros e ouvir. Passado uns meses, já fazia parte da equipa inicial.

É um estilo de jogo que gosto e que eu tenho ensinar aos novos jogadores. Foi ele que nos fez ter sucesso e não o iríamos mudar por nada deste mundo.

É também um estilo de jogo que requer muito trabalho e sacrifício dos atacantes – como é ser um avançado neste sistema?

Veja cinco grandes golos de Griemann
Veja cinco grandes golos de Griemann

É difícil no começo porque não estamos habituados a ele, pois por norma estamos lá na frente à espera da bola, mas aqui isso não é possível. Todos têm de trabalhar, ajudar toda a gente defensivamente; há que recuperar a bola.

Aprendemos a gostar e depois gostamos de recuperar a bola, fazer desarmes e disputar bolas divididas. É o que nos dá confiança quando temos a bola.

Explicou que é um jogador mais completo nos últimos anos - isso ajudou na sua ligação ao Atlético?

Vejo-me como uma parte importante deste projecto nesta altura e isso ajudou-me a decidir. Isso e, claro, o apoio dos adeptos, do clube, dos meus companheiros. Sei que tenho um papel importante aqui e vou dar tudo para ajudar este clube a ir o mais longe possível.

Acha que ganhar em 2017/18 a Europa League pode ajudar os jogadores a irem longe esta época na Champions League?

Veja o golo da vitória do Atlético sobre a Juventus em 2014
Veja o golo da vitória do Atlético sobre a Juventus em 2014

Temos jogadores que já jogaram em finais da Champions League, Europa League e de Campeonatos do Mundo. Estamos cada vez mais confiantes nos jogos importantes e acho que é nessas alturas que o nosso rendimento aumenta e isso ajuda-nos a jogar melhor.

Temos novos elementos na equipa, mas penso que a importante base continua a mesma e é isso que nos ajudar a ir longe.

Muito se tem falado sobre a final deste ano, que vai ter lugar no Estádio Metropolitano – isso dá-vos uma motivação ainda maior?

Dá-nos a nós e aos jogadores ainda mais motivação. O ambiente é sempre fantástico e é isso que queremos, é isso que os jogadores querem. [A final em casa] seria uma festa para todos ligados ao Atlético. O caminho será muito difícil, mas vamos dar o nosso melhor; vamos fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para chegarmos lá e depois veremos.

Topo