Entrevista exclusiva com Salvio

Recuperamos uma entrevista recente com Eduardo Salvio, onde o argentino tece rasgados elogios a Lionel Messi.

©AFP/Getty Images

Balanço do percurso do Benfica até à fase de grupos da Champions League

O balanço é muito positivo, preparámo-nos muito bem desde o primeiro dia. Treinamos muito para chegar a estes jogos em boa forma. Sabíamos que iam ser jogos muito difíceis, muito competitivos, mas preparamo-nos muito bem, construímos uma grande equipa e as coisas saíram como desejávamos.


O significado de disputar uma prova como a Champions League

A Champions League é, para mim, a competição máxima, onde todos os jogadores querem participar. Estar em campo e escutar o hino da Champions League é uma sensação única. Felizmente, todos os anos, podemos desfrutar disso. Há que desfrutar, competir com os melhores e estar preparados para tentar chegar cada vez mais longe.

Os outros jogadores argentinos do Benfica. Qual é a importância de partilhar o balneário com compatriotas

É sempre bom, é muito bom estar jogadores do nosso país. Quando temos jogadores do nosso país sentimos uma maior proximidade, isso é bom, por isso fico contente por estarem aqui.

As qualidades do compatriota Franco Cervi

O Franco é um grande jogador, gosto muito dele. É um jogador que trabalha muito para a equipa, mas também é muito forte individualmente, no um contra um. Estou muito feliz que nos possa ajudar, com as suas fintas, golos e e assistências, além de ser um grande jogador, também é uma pessoa fantástica.

Principais qualidades de Salvio como jogador; ídolos da juventude

O meu grande ídolo sempre foi o Juan Román Riquelme, embora o meu estilo de jogo não seja parecido com o dele, mas sempre foi um jogador que admirei, era o meu ídolo.

Sou um jogador vertical, um jogador que gosta de subir ao ataque e marcar golos. Antigamente, quando alinhava na Argentina e nas selecções jovens joguei a avançado, por isso gosto muito de estar no ataque e tentar fazer golos, mas o mais importante é ajudar a equipa.

Privar com Lionel Messi na selecção argentina

São momentos, oportunidades que temos de desfrutar. Estar como ele e aprender todos os dias. Tive oportunidade de estar muito tempo com ele no Campeonato do Mundo. É uma experiência única, um momento de aprendizagem, com ele estamos sempre a aprender, vemos coisas que mais nenhum jogador consegue fazer. Para mim é o melhor do mundo. Gostei muito e espero poder continuar a desfrutar de momentos com ele. 

Topo