Sorteio da fase de grupos da Champions League: Pote 1

Tudo o que precisa de saber sobre as oito equipas que vão estar no Pote 1 no sorteio da fase de grupos, na quinta-feira.

O Real Madrid vai procurar conquistar o quarto título seguido
O Real Madrid vai procurar conquistar o quarto título seguido ©Getty Images

Real Madrid (ESP)

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 1
Como se qualificou: vencedor da UEFA Champions League
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: vencedor 13 vezes (a última das quais em 2017/18)

Resumo: Vencedor da prova nas últimas três temporadas, surge esta época com uma nova identidade, depois da entrada de Julen Lopetegui para o lugar de Zinédine Zidane no comando técnico da equipa e da saída de Cristiano Ronaldo para Turim. Como alinhará o Real sob as ordens de Lopetegui? E como conseguirá preencher o vazio dos 450 golos marcados por Ronaldo no tempo que esteve no clube? Continuaram os madrilenos a dominar a Europa, ou terá a fonte secado?

Atlético (ESP)

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 2
Como se qualificou: vencedor da UEFA Europa League
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: finalista vencido três vezes (a última das quais em 2015/16)

O Atlético vai procurar chegar à final, jogada no seu estádio
O Atlético vai procurar chegar à final, jogada no seu estádio©Getty Images

Resumo: Diego Simeone e a sua equipa seguem no trilho certo. O Atlético atingiu três finais europeias nas últimas cinco épocas e continua a superar obstáculos com o seu intenso estilo de jogo. E a final da UEFA Champions League desta temporada vai ser jogada no seu Estadio Metropolitano...

Bayern (GER)

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 3
Como se qualificou: campeão da Bundesliga
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: vencedor cinco vezes (a última das quais em 2012/13)

Resumo: Outro colosso europeu a arrancar a época com um novo treinador ao leme. Niko Kovač assume o lugar deixado vago por Jupp Heynckes e precisará de revigorar uma equipa que começa a dar sinais de envelhecimento, ao mesmo tempo que terá de provar estar à altura de um desafio deste calibre.

Barcelona (ESP)

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 4
Como se qualificou: campeão da Liga espanhola
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: vencedor 5 vezes (a última das quais em 2014/15)

Resumo: O Barça foi eliminado nos quartos-de-final nas últimas três épocas, mas o pragmático Ernesto Valverde criou alicerces sólidos na temporada passada e contará agora com o brilho extra de Philippe Coutinho, naquela que será a primeira temporada completa do brasileiro no clube catalão.

Juventus (ITA)

Veja todos os golos de Ronaldo nas provas europeias
Veja todos os golos de Ronaldo nas provas europeias

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 5
Como se qualificou: campeão da Serie A
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: vencedor 2 vezes (a última das quais em 1995/96)

Resumo: Poderá a chegada de Ronaldo ditar o fim da já longa espera da Juve pelo seu terceiro título de campeã europeia de clubes? Trata-se, sem dúvida, de um vincar de posição nesse sentido. Massimiliano Allegri conduziu a Juve a duas finais desde que assumiu as rédeas do clube, em 2014, mas terá agora de despertar os jogadores após a dura eliminação frente ao Real Madrid (e de Ronaldo) na campanha passada. E conta com o homem certo para o fazer.

Paris (FRA)

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 7
Como se qualificou: campeão da Ligue 1
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: meias-finais (em 1994/95)

Resumo: Thomas Tuchel é a nova aposta para trazer, enfim, glória europeia ao clube da capital francesa. Neymar e Kylian Mbappé terão de mostrar capacidade para suportar sobre os seus ombros o peso da responsabilidade que neles é colocada, mas o Paris terá de evidenciar melhorias em todos os aspectos se quiser ser visto como um verdadeiro candidato e não apenas como uma equipa forte.

Manchester City (ENG)

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 8
Como se qualificou: campeão da Premier League inglesa
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: meias-finais (em 2015/16)

Josep Guardiola está a conduzir o City a novos voos
Josep Guardiola está a conduzir o City a novos voos©AFP/Getty Images

Resumo: A revolução introduzida por Josep Guardiola no clube continua a bom ritmo. O City foi simplesmente sensacional a nível interno na época passada, reescrevendo vários capítulos do livro de recordes da Premier League inglesa, mas continua a precisar de dar um passo em frente na Europa. Se há alguém capaz de levar o clube a dar esse passo, porém, esse alguém é mesmo Guardiola.

Lokomotiv Moscovo (RUS)

Posição no ranking de coeficientes da UEFA (no final de 2017/18): 63
Como se qualificou: campeão da Liga russa
Melhor desempenho na Taça dos Campeões/UCL: segunda fase de grupos (em 2002/03)

Resumo: Yuri Semin viu-se debaixo de apertado escrutínio depois de o Lokomotiv ter terminado apenas no oitavo lugar em 2016/17, embora tenha ganho a Taça da Rússia. Contudo, a fé depositada no técnico de 71 anos foi recompensada de forma fantástica na época passada com a conquista daquele que foi apenas o terceiro título de campeão russo da história do clube. Uma conquista baseada na solidez defensiva de uma equipa que sofreu apenas 21 golos em 30 jogos.

Topo