Trio vence com avançados em destaque

Num dia com os "três grandes" em acção, o Porto deu a volta a uma desvantagem com quatro golos em 26 minutos, Bas Dost apontou um "hat-trick" na goleada do Sporting e Jonas esteve nos dois golos do Benfica.

• Num dia com os "três grandes" em acção, o FC Porto deu a volta a uma desvantagem com quatro golos em 26 minutos, Bas Dost apontou um "hat-trick" na goleada do Sporting Clube de Portugal e Jonas esteve nos dois golos do SL Benfica.

• Porto recebe Vitória SC e volta a golear, à semelhança do que tinha acontecido na Taça de Portugal. Vimarenenses marcam primeiro, através de Raphinha (21), mas resposta "azul" e branca é arrassadora na etapa complementar.

• Após duas grandes defesas de Douglas num curto espaço de tempo, reviravolta acontece graças a um remate de primeira de Vincent Aboubakar (57) e um lance de génio de Yacine Brahimi (62). Moussa Marega bisa à beira do fim (78 e 83) e Heldon sela o resultado final, numa bela jogada individual (87). 

• No rescaldo do empate no derby, Sporting goleia CS Marítimo por 5-0. Os insulares foram os primeiros a criar perigo, num cabeceamento de Dinei a centímetros da barra (17), mas quase de seguida os "leões" marcam, com Gelson Martins a servir Bas Dost no coração da área (19).

• Goleada é construída na segunda parte, com golos de Bryan Ruiz (50) e Dost (74), ambos a passe de Bruno Fernandes. Após remates do médio defendidos de forma incompleta por Charles, o avançado holandês completou o "hat-trick" (78) e Marcos Acuña também marcou (90+1).

• Benfica desloca-se ao reduto do Moreirense FC e vence por 2-0, com Jonas em destaque. Na primeira parte, o avançado brasileiro assiste Pizzi para um remate de primeira que inaugura o marcador (23).

• No segundo período, após Bruno Varela negar o empate a Arsénio (54) e o No10 falhar na cara de Jhonatan (70), o melhor marcador do campeonato deixa a sua marca, fintando um adversário na área e rematando rasteiro para o seu 20º golo.

• O único jogo de sábado terminou com a vitória do SC Braga sobre o Rio Ave FC, por 2-1. Jogada de irmãos termina no primeiro golo dos "arsenalistas", com André Horta a assistir Ricardo Horta aos 18 minutos.

• Após Marcão acertar no poste (35), o médio João Novais empata à beira do intervalo (41). Na segunda parte, já perto do fim, grande jogada de Fábio Martins, ultrapassando dois adversários, termina com a bola no fundo das redes (83).

• No jogo madrugador do dia, empate entre GD Chaves e CD Aves. Derley adianta os forasteiros no marcador nos descontos da primeira parte (45+1), mas a 11 minutos do fim William, entrado no início da segunda parte, faz o empate final.

Jornada prosseguiu na segunda-feira, primeiro com o empate a um golo entre FC Paços de Ferreira e Portimonense SC. Após a expulsão do visitante Tabata (34), o recém-entrado Luiz Phellype marcou para os anfitriões (54). Apesar da desvantagem numérica, os forasteiros empataram por Shoya Nakajima (73).

• A fechar o dia, o CD Feirense foi a casa do Estoril Praia vencer por 2-0, num jogo de muito azar para a formação lisboeta, que concedeu dois autogolos, por  Pedro Monteiro (20) e Charis Kyriakou (56), e ainda falhou uma grande penalidade à beira do fim, por Eduardo (89).

• Ronda termina na terça-feira com dois empates a um golo. CD Tondela recebe Vitória FC e marca cedo, por Tomané (10), mas sadinos respondem por intermédio de Costinha (33). Já Os Belenenses fica perto da vitória frente ao Boavista FC, por culpa do golo de Beny (14), só que mesmo a terminar, aos 89, Mateus faz o empate.

Topo