Fantasy Football: Equipa luso-brasileira ideal da fase de grupos

Concluída a fase de grupos e realizado que está o sorteio dos oitavos-de-final, apresentamos a equipa ideal formada pelos jogadores portugueses e brasileiros mais pontuados no Fantasy Football ao longo das seis jornadas.

Cristiano Ronaldo foi o segundo jogador que mais pontos Fantasy somou na fase de grupos e o mais pontuado entre os avançados
Cristiano Ronaldo foi o segundo jogador que mais pontos Fantasy somou na fase de grupos e o mais pontuado entre os avançados ©AFP/Getty Images

Ao longo da fase de grupos da UEFA Champions League 2017/18 a redacção portuguesa do UEFA.com participou no Fantasy Football com uma equipa 100 por cento luso-brasileira. Agora apresentamos a equipa ideal do Fantasy - tendo em conta os pontos aí somados - composta apenas por jogadores portugueses e brasileiros.

Merece destaque o facto de entre os dez jogadores mais pontuados no Fantasy Football da UEFA Champions League 2017/18 até ao momento figurarem quatro brasileiros e um português. Além disso, há dois guarda-redes brasileiros entre os cinco guardiões mais pontuados, um defesa brasileiro entre os três mais pontuados, o médio mais pontuado é brasileiro e, entre o pódio dos avançados mais pontuados é composto por um português e dois avançados brasileiros. Dados mostram que futebolistas do Brasil e de Portugal parecem ser boas apostas no que toca ao Fantasy Football da UEFA Champions League.

Guarda-redes

Ederson (30 pontos): O guarda-redes do Manchester City não tardou a afirmar-se em Inglaterra. Totalista na fase de grupos, defendeu uma grande penalidade, não sofreu golos em três dos seis jogos e totalizou 16 defesas.

Ederson
Ederson©AFP/Getty Images

Suplente: Alisson (28 pontos)

Defesas

Dani Alves (39 pontos): O veterano lateral-direito brasileiro alinhou os 90 minutos nos seis jogos da fase de grupos e, para além de ter ajudado o Paris Saint-Germain a não sofrer golos em quatro partidas, ainda teve tempo para marcar dois golos. É o terceiro mais pontuado entre todos os defesas.

Marquinhos (29 pontos): O defesa-central de 23 anos é cada vez mais um dos esteios da defesa do Paris. Também ele totalista no sector defensivo de um Paris que não sofreu golos nas quatro primeiras jornadas, fez ainda uma assistência para golo.

Nelson Semedo (27 pontos): O lateral-direito internacional português esteve em cinco dos seis jogos do Barça e a turma catalã não sofreu golos em nenhum dos jogos em que ele alinhou. O único senão foram os três cartões amarelos que viu e que o impediram de somar um ainda maior número de pontos no Fantasy.

Alex Telles (25 pontos): Totalista na caminhada do FC Porto rumo aos oitavos-de-final, o lateral-esquerdo mostrou as suas qualidades ofensivas com um grande golo e, graças à sua qualidade nas bolas paradas, duas assistências.

Suplente: Alex Sandro (23 pontos)

Médios

Philippe Coutinho
Philippe Coutinho©AFP/Getty Images

Coutinho (42 pontos): Mais pontuado entre os todos os médios em prova, o brasileiro brilhou a grande altura, sobretudo, nas duas goleadas conseguidas pelo Liverpool na fase de grupos, somando cinco golos e duas assistências.

Talisca (30 pontos): Uma das surpresas da fase de grupos. A jogar mais adiantado no terreno num Besiktas que fez história, terminou a fase de grupos com quatro golos marcados e apenas dois cartões amarelos o impediram de somar ainda mais pontos Fantasy.

Marlos (29 pontos): Outra das surpresas da fase de grupos no que a jogadores brasileiros diz respeito, revelando-se decisivo no apuramento do Shakhtar Donetsk de Paulo Fonseca. Esteve especialmente bem nas quarta e sexta jornadas, com dois golos e duas assistências.

Suplentes: Willian (27 pontos), Bernard (27 pontos)

Avançados

Cristiano Ronaldo (50 pontos): O avançado que mais pontos Fantasy somou na fase de grupos (e o segundo jogador mais pontuado, apenas superado pelo defesa Layvin Kurzawa, do Paris). Alinhou os 90 minutos em todos os seis jogos e marcou pelo menos um golo em cada um deles. Terminou na frente dos melhores marcadores, com nove golos, e fez ainda uma assistência.

Neymar
Neymar©AFP/Getty Images

Neymar (47 pontos):  Igualmente totalista na fase de grupos, mostrou todo o seu talento num Paris que encantou até à quinta jornada, quebrando recordes ofensivos. Totalizou seis golos e quatro assistências.

Roberto Firmino (44 pontos): Seis golos e três assistências em seis jogos por um Liverpool que mostrou uma enorme capacidade ofensiva ao longo da fase de grupos. Não fosse um penalty falhado, a sua pontuação seria ainda mais elevada. Um jogador a ter em conta para os oitavos-de-final, à atenção do FC Porto.

Topo