A situação de Portugal no ranking de clubes após a fase de grupos

Uma ligeira recuperação na sexta e última jornada face à Rússia não impediu os clubes portugueses de verem a distância alargar-se ainda mais para os clubes russos no conjunto de toda a fase de grupos. Fazemos o balanço.

O apuramento do Porto para os oitavos-de-final da UEFA Champions League permitiu a Portugal atenuar ligeiramente a desvantagem para a Rússia no ranking de clubes por país da UEFA
O apuramento do Porto para os oitavos-de-final da UEFA Champions League permitiu a Portugal atenuar ligeiramente a desvantagem para a Rússia no ranking de clubes por país da UEFA ©AFP/Getty Images

Portugal recuperou ligeiramente em relação à Rússia na sexta e última jornada da fases de grupos da UEFA Champions League e UEFA Europa League (graças, sobretudo, ao apuramento do FC Porto para os oitavos-de-final da primeira e aos pontos bónus que tal acarreta). Porém, nesta luta particular pelo importante sexto lugar no Ranking de coeficiente de clubes da UEFA por país, o balanço dos clubes portugueses não é positivo.

Olhamos para a situação actual, concluída que está a fase de grupos das duas principais competições europeias de clubes, e apresentamos os principais destaques.

  • Portugal iniciou a temporada no sétimo posto, com menos 3,200 pontos do que a Rússia, sexta classificada.
  • Com os resultados registados verificados nas provas europeias desta época até ao final da fase de grupos, Portugal somou um total de 7,833 pontos (já contando com o bónus de 5 pontos conquistado pelo FC Porto por ultrapassar o seu grupo e passar aos oitavos-de-final).
  • O pecúlio da Rússia em 2017/18 é já de 9,400 pontos, pelo que a vantagem dos clubes russos (sextos do ranking) sobre os clubes portugueses (sétimos) cifra-se agora nos 4,767 pontos (ainda assim, chegou já esta época a ser superior a 5,2 pontos).
  • A Rússia iniciou a época europeia com cinco clubes, enquanto Portugal começou com seis, pelo que os pontos somados pelas equipas russas ainda em competição são divididos por cinco, enquanto os pontos somados pelas equipas portuguesas ainda em competição são divididos por seis. E, para complicar ainda mais a situação portuguesa, a Rússia segue ainda quatro equipas nas competições europeias (Lokomotiv, Zenit, CSKA e Spartak, todas elas na UEFA Europa League), enquanto Portugal conta agora apenas com três (duas na UEFA Europa League - Sporting e Braga - e uma na UEFA Champions League - FC Porto).
  • Para ultrapassar a Rússia e recuperar dessa forma o sexto lugar do ranking já esta temporada, o que permitiria a presença de três equipas na UEFA Champions League 2019/20 (visto que, em função da descida ao sétimo lugar do ranking na temporada passada, haverá apenas uma equipa portuguesa com entrada directa na fase de grupos da Champions League e outra na 3ª pré-eliminatória em 2017/18), Portugal precisa então de recuperar esses 4,767 pontos à Rússia pontos até ao final da presente época. Algo que, realisticamente, se adivinha extremamente complicado (seria necessária uma prestação fenomenal dos clubes portugueses ainda em prova na Europa a partir da primavera).
  • A situação neste duelo particular com a Rússia poderá, contudo, melhorar um pouco para as cores portuguesas no arranque da próxima época, visto que os clubes russos descartarão nessa época os 10,416 pontos somados em 2013/14, enquanto os clubes portugueses descartarão 9,916, mas a verdade é que desde 2012/13 que Portugal não consegue um pecúlio superior à Rússia numa temporada europeia.
  • A boa notícia para Portugal é que o sétimo posto está mais seguro do que estava no início da temporada: os clubes portugueses entraram para a presente época com pouco mais de 1,600 pontos sobre os clubes belgas, mas as formações belgas estão, esta temporada, longe do desempenho da temporada passada e viram-se mesmo já ultrapassados pelos clubes ucranianos no oitavo posto. A vantagem de Portugal sobre a agora oitava classificada do ranking Ucrânia (que começou a época com cinco equipas na Europa e tem ainda três em acção) cifra-se, neste momento, nos 5,282 pontos.

Confira aqui a classificação actual do Ranking do coeficiente de clubes da UEFA por país, bem com a explicação da forma como esse mesmo ranking é calculado

Topo