Quão brilhante é o francês Antoine Griezmann?

O UEFA.com presta tributo a Antoine Griezmann depois de este confirmar que vai dizer adeus ao Atlético neste Verão.

©AFP/Getty Images

Vencedor da UEFA Europa League e do Campeonato do Mundo da FIFA em 2018, Antoine Griezmann anunciou que vai colocar fim a uma ligação de cinco anos ao Atlético de madrid neste Verão; o UEFA.com mostra o que o torna tão especial.

O que dizem dele
"O Antoine tem melhorado em todos os departamentos: condição física, consciência táctica, personalidade, intensidade, recuperação de bola, potência ofensiva – e todas essas melhorias devem-se a ele mesmo."
Diego Simeone, treinador do Atlético

"Antoine é um dos melhores futebolistas do mundo. É inteligente, incisivo e muito talentoso. É forte no jogo aéreo, e é preciso estar sempre atento ao que ele faz, pois ele tem a capacidade de fazer a diferença a qualquer momento."
Adil Rami, defesa do Marselha

"Não se limitou a melhorar, tornou-se num jogador fantástico. Houve quem duvidasse, mas foi uma grande compra por parte do Atlético e está a tornar-se num ícone do clube."
Martín Lasarte, antigo treinador da Real Sociedad

Registo actual
Selecção: 69 jogos, 28 golos
Competições de clubes da UEFA: 65 jogos, 28 golos
Competições internas: 392 jogos, 157 golos

Antoine Griezmann festeja um golo pela Real Sociedad
Antoine Griezmann festeja um golo pela Real Sociedad©AFP/Getty Images

Curiosidades
Real Sociedad
• Griezmann recusou vários clubes franceses antes de Éric Olhats, olheiro da Real Sociedad, reparar nele num torneio disputado perto de Paris quando tinha 13 anos. "Vi a forma como ele já controlava e passava a bola e pensei: "Como poderá ser quando se desenvolver?" E levou-o para San Sebastian.

• Celebrou o seu primeiro golo na Liga espanhola, frente ao Deportivo, a 25 de Outubro de 2010, fingindo que entrava para um carro colocado junto ao relvado.

• Em Abril de 2013 tornou-se no quinto jogador mais jovem de sempre a atingir os 100 jogos na Liga espanhola – com 22 anos e 24 dias.

• Marcou o golo da vitória por 1-0 sobre o Deportivo que, a 1 de Junho de 2013, permitiu à Real Sociedad garantir um lugar no "play-off" da UEFA Champions League, ajudando depois a turma basca a chegar à fase de grupos com um fantástico golo de pontapé de bicicleta contra o Lyon (a equipa que apoiava em criança).

Griezmann na primeira semana no Atlético
Griezmann na primeira semana no Atlético©Getty Images

Atlético
• O Atlético contratou Griezmann pelo valor da cláusula de rescisão (30 milhões de euros) no Verão de 2014. Diego Simeone afirmou: "Antoine é um jogador brilhante, que nos vai dar muitas opções no ataque."

• Apontou 22 golos na Liga espanhola na sua primeira época no Atlético, registo que igualou em 2015/16, com Simeone a não lhe poupar elogios no final dessa temporada: "Para mim, ele foi o melhor jogador na Europa esta época."

• Igualou Luis Aragonés como melhor marcador de sempre do Atlético na UEFA Champions League/Taça dos Campeões ao assinar o seu 12º golo pelo clube na competição num triunfo sobre o PSV, em Novembro de 2016.

• Superou Sergio Agüero como melhor marcador de sempre do Atleti nas competições europeias de clubes ao chegar aos 21 golos com um golo frente ao Arsenal, na recente primeira mão das meias-fianis da UEFA Europa League.

• Griezmann marcou depois mais dois golos no triunfo dos Rojiblancos por 3-0 sobre o Marselha na final de 2018 da UEFA Europa League, conquistando assim o seu primeiro troféu europeu.

• Esta época, Griezmann ultrapassou a barreira dos 300 jogos no escalão principal do futebol espanhol e, depois, marcou o golo 200 da sua carreira num triunfo por 1-0 sobre o Espanyol, no derradeiro jogo de 2018.

• Griezmann assinou o seu 130º golo pelo Atlético em Fevereiro, ultrapassando Fernando Torres no quinto lugar dos melhores marcadores de sempre do clube.

Os golos de Griezmann no UEFA EURO 2016
Os golos de Griezmann no UEFA EURO 2016

França
Griezmann conquistou o seu primeiro troféu ao serviço do seu país quando a França venceu o Campeonato da Europa de Sub-19 da UEFA de 2010, apesar de ter saído lesionado ao intervalo na final, frente à Espanha.

• Foi suspenso das selecções francesas de Novembro de 2012 a Dezembro de 2013 na sequência de uma saída nocturna não autorizada com quatro outros colegas – Yann M'Vila, Chris Mavinga, Wissam Ben Yedder e M'Baye Niang – três dias antes de um "play-off" da selecção de sub-21 contra a Noruega.

• Terminada a suspensão, somou a sua primeira internacionalização pela selecção principal  em Fevereiro de 2014, num triunfo sobre a Holanda.

Com seis golos marcados, sagrou-se Bota de Ouro do UEFA EURO 2016, mas teve o sabor amargo de ver a França derrotada, em casa, por Portugal na final.

• Griezmann tornou-se no primeiro jogador a perder uma final do EURO e da UEFA Champions League na mesma época. Pepe e Cristiano Ronaldo derrotaram-no em ambas as finais.

• Redimiu-se do desaire de 2016 no Mundial 2018, marcando quatro golos - um deles na final com a Croácia - na caminhada da França rumo ao segundo título mundial da sua história. Griezmann foi eleito Homem do Jogo da final, disputada em Moscovo, e recebeu ainda a Bola de Bronze, como terceiro melhor jogador do torneio, atrás de Luka Modrić e Eden Hazard.

Veja Griezmann marcar pelos Sub-19 de França em 2010
Veja Griezmann marcar pelos Sub-19 de França em 2010

O que talvez não saiba
• O futebol está-lhe no sangue. O seu avô materno, Amaro Lopes, nascido em Portugal, jogou no Paços de Ferreira antes de ir trabalhar para França. A sua mãe, Isabel, nasceu em França mas manteve sempre a ligação a Portugal, com Griezmann a passar muitas vezes as férias de Verão na terra natal do avô.

• A sua irmã mais velha, Maud, diz que fez muitas vezes de guarda-redes improvisada para Antoine treinar quando era criança. Lembra-se de que o irmão rematava muitas vezes a bola contra a porta da garagem de casa e faz questão de salientar: "Os meus pais não achavam muita piada a isso."

• Em Espanha desde os 13 anos, Griezmann confessa: "Penso em francês, mas zango-me em espanhol."

• Adora futebol e costuma comentar nas redes sociais os jogos a que assiste, mas também é fã de basquetebol, desporto que costuma praticar nos tempos livres, apesar de não ser muito alto.

• Entre as suas tatuagens tem uma tradução em árabe de uma frase do "Principezinho", de Antoine De Saint-Exupéry, e imagens de Jesus, da Virgem Maria e dos seus pais.

• Costuma entender-se bem com os colegas sul-americanos e faz questão de beber com eles uma chávena de 'mate' sempre que pode: "É como chá, ou café. Ajuda-me a acordar antes dos treinos."

Dicurso directo
"Procuro ser um jogador completo – a atacar e a defender – e melhorar a cada ano. Esta época estou a fazer mais assistências, e isso é muito importante. Quando entro em campo tento dar tudo e desfrutar ao máximo."

"Se quero ser o próximo Falcao ou o próximo Agüero no Atlético ainda tenho muito pela frente. Mas o treinador dá-me a confiança de que necessito. Diz-me que sou um jogador importante, mas também me diz no que tenho de melhorar."

"Foram cinco anos incríveis. Obrigado por tudo. Queria dizer aos adeptos, que sempre me deram todo o seu amor, que tomei a decisão de partir, para experimentar coisas novas e abraçar novos desafios!"

O que ainda pode vir a alcançar
• Ultrapassar a barreira dos 22 golos numa Liga nacional numa só época: realizou as suas melhores temporadas a nível interno em 2014/15 e 2015/16, apontando 22 golos em ambas, mas não mais voltou a ultrapassar as duas dezenas de golos.

• Tornar-se no melhor marcador de sempre da selecção de França: ocupa, actualmente, o oitavo lugar na lista, com 28 golos. O recordista, Thierry Henry, está longe, com 51 golos, mas Griezmann agosta de desafios.

• Tornar-se no melhor marcador francês de sempre em provas de clubes da UEFA: Henry também lidera, com 59 golos no total, 51 deles na UEFA Champions League/Taça dos Campeões; Griezmann totaliza 28, 22 deles na UEFA Champions League.

©Getty Images
Topo