Atlético bate PSV e sela primeiro lugar

Golos de Kevin Gameiro e Antoine Griezmann, na segunda parte, ajudaram o Atlético a vencer por 2-0 e a garantir o primeiro lugar do Grupo D.

See the goals by Kevin Gameiro and Antoine Griezmann which gave Atlético a 2-0 win against PSV and assured top spot in Group D.

O Club Atlético de Madrid garantiu o primeiro lugar do Grupo D depois de Kevin Gameiro marcar o seu primeiro golo na UEFA Champions League e de Antoine Griezmann selar o triunfo sobre o PSV Eindhoven.

A turma de Diego Simeone, que contou com o português Tiago no “onze” inicial, entrou em campo decidida a resolver cedo a partida e Gameiro, Griezmann e Diego Godín tiveram boas oportunidades para marcar logo a abrir. Contudo, o PSV foi-se encontrando aos poucos e só Jan Oblak impediu que Gastón Pereiro desse vantagem aos visitantes.

Acabou, contudo, por ser mesmo Gameiro a abrir o active, já depois do intervalo, com uma finalização precisa após passe de Griezmann. Griezmann que fez, de seguida, o sgundo golo, ao colocar a bola no fundo das redes de Jeroen Zoet depois de o guarda-redes forasteiro ter escorregado.

Com este resultado, o Atlético mantém o seu registo 100 por cento vitorioso na presente edição da prova, enquanto o PSV fica obrigado a bater o Rostov na sexta jornada se quiser seguir para a UEFA Europa League.

Figura: Antoine Griezmann (Atlético)
Irrepreensível, o francês foi determinante no desenrolar dos eventos em ambas as áreas. No primeiro tempo, com um desarme providencial, impediu que Pereiro visasse com êxito a baliza da casa. Depois, na segunda parte, fez a sua magina no ataque, assistindo Gameiro para o primeiro golo e fazendo, ele mesmo, o segundo golo, com uma finalização à sua imagem.

Simeone volta ao passado
Esta época o Atlético tem apresentado uma nova cara, num 4-3-3 mais ofensivo. Embora tal possa ser recompensado no ataque, a defesa fica, inevitavelmente, mais vulnerável e três desaires nos últimos quatro jogos no conjunto de todas as competições colocaram pressão sobre os “rojiblancos”. Simeone respondeu regressando ao seu fiel 4-4-2 e o resultado está à vista. A decisão de colocar Tiago no meio-campo rendeu frutos, com o português a mostrar-se imperial. Ofereceu solidez defensiva - o Atlético não sofreu golos pela primeira vez em seis jogos – e assistiu de forma brilhante Griezmann para o segundo golo.

De Jong no banco
Foi uma decisão arriscada de Phillip Cocu deixar o capitão e melhor marcador Luuk de Jong no banco. Mas os avançados mais móveis que colocou em campo, Steven Bergwijn e Gastón Pereiro, até começaram por impedir que o Atlético construísse as suas jogadas a partir de trás. Ao mesmo tempo, contudo, o poderio ofensivo do PSV diminuiu e nenhum dos dois avançados foi capaz de mostrar a eficácia de Gameiro ou Griezmann.

©AFP/Getty Images
©AFP/Getty Images
©Getty Images
©AFP/Getty Images
©Getty Images
©Getty Images
Topo