"Hat-tricks" de Messi e Özil num dia cheio de golos

O Barcelona, muito graças a um "hat-trick" de Lionel Messi, e o Atlético Madrid atingiram os nove pontos após três jornadas, enquanto Mesut Özil também marcou três golos no triunfo do Arsenal por 6-0.

©AFP/Getty Images
  • Lionel Messi faz um "hat-trick" e o Barcelona soma a terceira vitória no grupo frente ao Manchester City 
  • Atlético Madrid também soma o terceiro triunfo em três jogos ao bater o Rostov
  • Arsenal e Paris têm vantagens de seis pontos no Grupo A depois de baterem Ludogorets e Basileia, respectivamente
  • Mesut Özil faz três golos na segunda parte no triunfo por 6-0 do Arsenal
  • Beşiktaş termina com o arranque perfeito do Nápoles na fase de grupos da UEFA Champions League

Grupo A
Arsenal 6-0 Ludogorets Razgrad
Mesut Özil fez um "hat-trick" na segunda parte do triunfo demolidor do Arsenal sobre o Ludogorets. O internacional alemão assumiu todo o protagonismo depois de Alexis Sánchez, com um belo chapéu, Theo Walcott e Alex Oxlade-Chamberlain terem deixado os londrinos a vencer por 3-0 aos 46 minutos.

Paris Saint-Germain 3-0 Basileia
Ángel Di María, Lucas e Edinson Cavani, com um penalty ao cair do pano, tornaram o resultado demasiado pesado para uma equipa do Basileia que acertou por três vezes no ferro.

Vincent Aboubakar (à direita) apontou dois golos pelo Beşiktaş
Vincent Aboubakar (à direita) apontou dois golos pelo Beşiktaş©AFP/Getty Images

Grupo B
Nápoles 2-3 Beşiktaş
O Beşiktaş somou o primeiro triunfo nos 12 jogos disputados com clubes italianos graças a um golo de Vincent Aboubakar, o segundo do camaronês no encontro, a quatro minutos do final. Fabri defendeu uma grande penalidade de Lorenzo Insigne quando o marcador estava em 2-1, mas acabou por ser batido de castigo máximo por Manolo Gabbiadini. 

Dínamo Kiev 0-2 Benfica
Eduardo Salvio abriu a contagem de grande penalidade nos primeiros minutos, depois de Antunes derrubar Gonçalo Guedes, e Franco Cervi confirmou o primeiro triunfo dos portugueses no grupo.

Grupo C
Celtic 0-2 Borussia Mönchengladbach
Um remate de Lars Stindl que passou por entre as pernas do guarda-redes Craig Gordon, depois de Kolo Touré não ter conseguido afastar a bola, deixou a equipa da Bundesliga em vantagem aos 57 minutos. André Hahn aproveitou depois mais um erro do defesa para confirmar a conquista dos primeiros pontos dos alemães. 

André Hahn, autor do golo do Mönchengladbach, perante um desolado Kolo Touré
André Hahn, autor do golo do Mönchengladbach, perante um desolado Kolo Touré©Getty Images

Barcelona 4-0 Manchester City
O sétimo "hat-trick" de Lionel Messi na UEFA Champions League levou a que Josep Guardiola tivesse um regresso para esquecer a Camp Nou. O segundo golo de Messi surgiu oito minutos depois de Claudio Bravo, antigo guarda-redes do Barcelona, ter sido expulso por defender um remate de Luis Suárez com as mãos fora da área. Momentos depois de Neymar ter permitido que Willy Caballero defendesse uma grande penalidade, Messi assistiu o brasileiro para o quarto golo do jogo.

Grupo D
Bayern Munique 4-1 PSV Eindhoven
O Bayern somou a primeira vitória em quatro jogos e recuperou do revés na segunda jornada em Madrid. Robert Lewandowski e Arjen Robben confirmaram o triunfo, depois de Luciano Narsingh ter respondido aos golos de Thomas Müller e Joshua Kimmich.

Rostov 0-1 Atlético Madrid
O Atlético teve de lutar muito até inaugurar o marcador pouco depois de ultrapassada a hora de jogo. Um forte disparo de Yannick Carrasco ao segundo poste garantiu a terceira vitória consecutiva dos "colchoneros" e infligiu a primeira derrota ao Rostov em casa em 27 jogos.

Topo