Leicester volta a ganhar, portugueses com sortes distintas

O Sporting perdeu em casa e o Porto deu a volta ao Brugge na Bélgica, numa noite em que o Leicester City manteve o registo 100 por cento vitorioso e os principais favoritos deram novo passo em frente.

André Silva remata para o tento vitorioso do Porto
André Silva remata para o tento vitorioso do Porto ©Getty Images

Grupo E
Bayer Leverkusen 0-0 Tottenham Hotspur

O Leverkusen dominou mas não conseguiu bater Hugo Lloris, somando assim o terceiro empate em três jogos no grupo. Os visitantes ainda enviaram uma bola à trave, por Janssen e seguem no segundo posto, um ponto à frente do Leverkusen, terceiro classificado.

CSKA 1-1 Mónaco
Igor Akinfeev ficou a três minutos do seu primeiro jogo na UEFA Champions League sem sofrer golos desde 1 de Novembro de 2006, numa série que dura há 40 jogos, mas Bernardo Silva acabou por ditar que essa série ultrapassará a década de duração. Emprestado pelo Mónaco ao CSKA, Lacina Traoré abriu o marcador para os moscovitas, mas a formação orientada por Leonardo Jardim conseguiu manter o primeiro lugar no grupo, com o CSKA a seguir em quarto, apesar de apenas três pontos separarem as duas equipas.

©AFP/Getty Images

Grupo F
Real Madrid 5-1 Légia Varsóvia
O Légia até começou bem, mas continua sem qualquer ponto somado, enquanto o Real Madrid chegou aos sete. O resultado passou de 0-0 para 2-1 em apenas sete minutos a meio da primeira parte, com um grande golo de Gareth Bale e um autogolo a darem vantagem de dois golos aos anfitriões e Miroslav Radović a reduzir, de penalty, para o Légia. Marco Asensio fez o 3-1 ainda antes do intervalo e Lucas Vázquez e Álvaro Morata fecharam o resultado no segundo tempo.

Sporting CP 1-2 Borussia Dortmund
O Dortmund segue a par do Real Madrid no topo do grupo, com sete pontos, mais quatro do que o Sporting, depois de golos de Pierre-Emerick Aubameyang e Julian Weigl na primeira parte terem chegado para garantir uma vitória em Lisboa, apesar de os "leões" ainda terem reduzido por intermédio de Bruno César, na sequência de um livre directo a castigar um atraso para o guarda-redes. Nova vitória do Dortmund sobre o Sporting na próxima jornada selará o apuramento dos germânicos.

Grupo G
Leicester City 1-0 Copenhaga

Um desvio oportuno de Riyad Mahrez perto do fim da primeira parte permitiu aos campeões ingleses somarem a terceira vitória no grupo e abrirem uma vantagem de cinco pontos para o Copenhaga. Novo triunfo dentro de 15 dias, agora em solo dinamarquês, carimba o passaporte do estreante Leicester para os oitavos-de-final.

©AFP/Getty Images

Club Brugge 1-2 Porto
André Silva converteu um penalty nos descontos para garantir uma vitória que deixa o Porto em igualdade pontual com o Copenhaga no segundo lugar e o Brugge sem qualquer ponto somado. Os campeões belgas tinham marcado primeiro, com Jelle Vossen a assinar o primeiro golo da equipa nesta fase de grupos, mas Miguel Layún marcou a 22 minutos do fim o golo que deu início à reviravolta dos "dragões".

Grupo H
Lyon 0-1 Juventus

Juan Cuadrado saltou do banco para, com um excelente remate ao ângulo a 14 minutos do fim dar a uma Juventus já reduzida a dez jogadores a vitória e quatro pontos de vantagem sobre o terceiro classificado do grupo, o Lyon. Gianluigi Buffon defendeu um penalty de Alexandre Lacazette na primeira parte e, já depois de Mario Lemina ter sido expulso, aos 54 minutos, o veterano guardião da Juve negou o golo a Nabil Fekir em grande estilo.

Dinamo Zagreb 0-1 Sevilha
Samir Nasri marcou, aos 38 minutos, o golo que manteve o Sevilha a par da Juve com sete pontos e que condenou o Dínamo à sua terceira derrota sem marcar qualquer golo. Uma vitória na recepção ao Dínamo na próxima jornada selará o apuramento do Sevilha e colocará ponto final na possibilidade de a equipa espanhola vencer pela quarta vez consecutiva a UEFA Europa League.

Topo