Méritos adicionais: outras ambições dos finalistas

Keylor Navas tornou-se o primeiro jogador da Costa Rica a sagrar-se campeão da Europa e Gareth Bale juntou-se a um lote exclusivo no País de Gales. O UEFA.com destaca-lhe algumas proezas individuais.

©AFP/Getty Images

O UEFA.com escolhe alguns jogadores para quem a conquista da UEFA Champions League significa algo mais.

Real Madrid

Zinédine Zidane
Venceu a prova como jogador e treinador, ambos ao serviço do Real Madrid sendo também o primeiro técnico francês a fazê-lo (apesar do argentino, nascido em França Helenio Herrera ter ganho o troféu duas vezes pelo Inter em 1964 e 1965).

Keylor Navas
Tornou-se o primeiro costa-riquenho a participar e a ganhar uma final das competições da UEFA.

Gareth Bale
Sendo o quinto galês a jogar uma final da Taça dos Campeões, Bale é agora também o terceiro jogador galês a vencer duas vezes a competição, depois de Joey Jones (Liverpool, 1977 e 1978) e Ryan Giggs (Manchester United, 1999 e 2008).

Cristiano Ronaldo

Quantas Champions Leagues já ganhei?
Quantas Champions Leagues já ganhei?©Getty Images

 Venceu o terceiro troféu na UEFA Champions League, após os triunfos com Manchester United, em 2008, e Real Madrid, em 2014, mas não se tornou o primeiro jogador a marcar em três finais da UEFA Champions League (apesar de ter marcado um penalty no desempate). Partilha o recorde de golos em duas finais da UEFA Champions League com Lionel Messi (Barcelona, 2009 e 2011), Raúl González (Real Madrid, 2000 e 2002), Samuel Eto'o (Barcelona, 2006 e 2009) e agora também com Sergio Ramos (Real Madrid 2014 e 2016).

Atlético

Jan Oblak

Jan Oblak
Jan Oblak©AFP/Getty Images

 Em vez de se tornar no primeiro jogador esloveno a vencer a competição Oblak é terceiro jogador do seu país a perder a final, após Srečko Katanec (Sampdória, 1992) e Zlatko Zahovič (Valência, 2001). Derrotado na final da UEFA Europa League de 2014, com o Benfica, tem agora o recorde indesejado de derrotas nas duas principais competições europeias da UEFA.

Stefan Savić
O primeiro jogador montenegrino a disputar uma final da UEFA Champions League desde a independência do país. Dejan Savićević (Estrela Vermelha, em 1991, e Milan, em 1994), Slobodan Marović (Estrela Vermelha, 1991), Refik Šabanadžović (Estrela Vermelha, 1991) e Predrag Mijatović (Real Madrid 1998) foram os vencedores montenegrino anteriores, sendo que Mijatović foi o único a marcar na final.

Topo