Juventus respeitadora, Bayern cauteloso

Enquanto Pavel Nedvěd aponta o Bayern como "o grande favorito", para Josep Guardiola serão "dois excelentes jogos" com a Juventus, "uma das melhores equipas da Europa".

Paul Pogba (à esquerda), médio da Juventus, e Thomas Müller, do Bayern, em acção em 2013
Paul Pogba (à esquerda), médio da Juventus, e Thomas Müller, do Bayern, em acção em 2013 ©AFP/Getty Images
  • Primeira mão: Juventus - Bayern, terça-feira, 23 de Fevereiro
  • Segunda mão: Bayern - Juventus, quarta-feira, 16 de Março

Reacções

Pavel Nedvěd, vice-presidente da Juventus
É uma eliminatória histórica. Vamos enfrentar um dos grandes favoritos a vencer a Champions League, sabemos disso, mas queremos tirar vantagem da nossa oportunidade, apesar de sabermos que será uma eliminatória muito difícil. Vamos enfrentar um grande clube.

Ainda faltam dois meses até a eliminatória ser disputada. Vamos tentar preparar-nos o melhor possível e nas melhores condições para ter uma oportunidade contra o Bayern.

Josep Guardiola,  treinador do Bayern
Serão dois grandes jogos. A Juventus é uma das melhores equipas da Europa. Não começou de forma brilhante o seu campeonato, mas já recuperou. Têm uma enorme mentalidade. Em Fevereiro poderei dizer em que forma estamos, não agora. Além do Paris, a Juventus era a equipa mais difícil naquele pote. Se quiserem, podem dizer que há 50 por cento de possibilidades para cada lado. Eu não sei.

Thomas Müller, avançado do Bayern
A Juventus tem uma equipa muito inteligente e, claro, no Mario Mandžukić um goleador de classe mundial, que conhecemos bem do tempo que passou em Munique. Na Champions League tivemos sempre boas experiências com a Juventus. Estou particularmente ansioso por jogar no Juventus Stadium, será um acontecimento.

Análise

  • O Bayern derrotou a Juventus por 2-0, em casa e fora, nos quartos-de-final de 2012/13 na caminhada para a conquista do troféu. A Juve venceu três das primeiras partidas entre as duas equipas mas o Bayern não perdeu nas últimas quatro vezes, vencendo as últimas três.
  • Nesses quartos-de-final em 2012/13, a Bayern ganhou graças aos golos na primeira mão de David Alaba (1) e Thomas Müller (63), com Mario Mandžukić (64) e Claudio Pizarro (90+1) a marcarem em Turim. O último desses resultados foi a última derrota europeia da Juve em casa.
  • A Juventus empatou os dois jogos da fase de grupos desta época com o Borussia Mönchengladbach (0-0 em casa, 1-1 fora).
  • A Juve está invicta há quatro partidas com equipas da Bundesliga (2V 2E) desde essa derrota em 2013 com o Bayern.
  • O Bayern venceu os cinco últimos duelos com clubes italianos.
Topo