Astana afasta Maribor; Videoton, Dínamo e Celtic qualificados

A esperança de o Maribor regressar à fase de grupos terminou frente ao Astana, mas Dínamo e Steaua sobreviveram a sustos para seguirem em frente na segunda pré-eliminatória.

Baurzhan Dzholchiyev, do Astana, festeja o primeiro golo com Branko Ilič
Baurzhan Dzholchiyev, do Astana, festeja o primeiro golo com Branko Ilič ©Dinara Baikadamova

Maribor tem o mesmo destino que o Ludogorets, também participante na fase de grupos de 2014/15, após perder com o Astana
Dínamo evita surpresa em casa do Fola Esch e o Steaua também sobrevive a um susto considerável
BATE Borisov, Celtic e Lech Poznań apurados, juntamente com Qarabağ.
TNS obriga o Videoton a prolongamento na Hungria, mas formação irlandesa acaba eliminada
Jogos completam alinhamento da terceira pré-eliminatória; partidas ao longo das duas próximas semanas

Astana 3-1 Maribor (total: 3-2)
• Os cazaques do Astana vão defrontar o HJK Helsinki, após darem a volta a uma derrota na primeira mão frente ao Maribor, participante na fase de grupos em 2014/15.
• Aos 12 minutos, Baurzhan Dzholchiev aproveitou para igualar a eliminatória, mas o Maribor apontou um vital golo fora, através de Aleksander Rajčević na sequência de um canto. Isto aconteceu aos 39 minutos, mas o Astana respondeu antes do intervalo, quando um remate de longe de Roger Cañas sofreu um desvio.
• Foxi Kéthévoama, ídolo dos adeptos da casa, entrou ao intervalo, e apesar da pressão dos visitantes, o Astana colocou-se em vantagem na eliminatória aos 58 minutos, quando Patrick Tvumasi atirou de longe e o guarda-reds Jasmin Handanović foi distraído por Tanat Nusserbayev. Cañas foi expulso devido a cartões vistos aos 66 e 67 minutos mas o Astana aguentou.

Grégory Tadé festeja o seu golo ao serviço do Steaua
Grégory Tadé festeja o seu golo ao serviço do Steaua©Cosmin Iftode

Steaua Bucureşti 2-3 Trenčín (total: 4-3) 
• O Steaua vai defrontar o Partizan mas deve agradecer ao triunfo por 2-0 alcançado na primeira mão, na Eslováquia. De facto, aos 21 minutos a eliminatória estava empatada, já que Wesley e Matúš Bero marcaram para os visitantes.
• Muniru Sulley recolocou o Steaua em vantagem, aos 57 minutos, e três minutos volvidos Grégory Tadé parecia ter sentenciado a eliminatória, na marcação de uma grande penalidade, especialmente após a expulsão de Milan Rundić. Mas a seis minutos do fim Wesley bisou e o Trenčín quase deu a volta aos acontecimentos.

Fola Esch 0-3 Dinamo Zagreb (total: 1-4)
• O Dínamo, com Eduardo e Paulo Machado em campo (Ivo Pinto e Gonçalo Santos ficaram no banco de suplentes) encontrou a boa forma no Luxemburgo e compensou o empate da semana passada, seguindo-se agora um confronto com o Molde.
• Erwan Martin esteve perto de colocar o Fola em vantagem, aos 25 minutos, mas Marko Pjaca rapidamente marcou, na conversão de um livre, e bisou antes do intervalo, no seguimento de uma jogada individual. O suplente Marko Rog selou o resultado final a 15 minutos, após excelente passe a isolar de Pjaca.

O BATE aguentou frente ao Dundalk
O BATE aguentou frente ao Dundalk©Getty Images

Dundalk 0-0 BATE Borisov (total: 1-2)
• A tentativa de o BATE Borisov chegar à fase de grupos pela quinta vez, a partir da segunda pré-eliminatória, prossegue, após um empate a zero na República da Irlanda.
• Os visitantes realizaram uma exibição sólida e estiveram perto de marcar quando Gary Rogers desviou para a barra um remate de Igor Stasevich.

Videoton 1-1 The New Saints (ap, total: 2-1)
• O Videoton precisou de prolongamento frente ao visitante galês para garantir o apuramento e um desafio com o BATE. Bernard Casoni efectuou cinco alterações em relação à equipa que venceu fora na semana passada, e o Videoton teve ascendente na partida, com Mirko Ivanovski a falhar duas oportunidades antes do intervalo.
• Mesmo sob um calor abrasador, o TNS respondeu no contra-ataque e aos 61 minuto Michael Wilde, melhor marcador da competição, viu o seu cabeceamento ser afastado em cima da linha por Roland Szolnoki. Mas quando faltavam 12 minutos, o suplente Matthew Williams facturou a cruzamento de Simon Spender.
• O Videoton passou praticamente todo o prolongamento no meio-campo do TNS, e aos 107 minutos Ádám Gyurcsó acorreu a um passe longo de Filipe Oliveira para ditar o vencedor do embate, frente a uma equipa que ficou sem Sam Finley, expulso à beira do fim.

Stjarnan 1-4 Celtic (total: 1-6)
• O Stjarnan voltou a acreditar no apuramento quando Ólafur Karl Finsen concluiu um passe de Jeppe Hansen aos sete minutos, mas à passagem dos 30 minutos Nir Biton cabeceou o canto de Stefan Johansen e conseguiu um golo fora que deu ao campeão escocês uma vantagem confortável.
• Charlie Mulgrew fez o 2-1 no início da segunda parte e nos dois últimos minutos Leigh Griffiths foi assistido por Gary Mackay-Steven para novo golo, antes de Johansen atirar a contar à entrada da área.

Acção da vitória do Qarabağ
Acção da vitória do Qarabağ©Vijesti

Rudar Pljevlja 0-1 Qarabağ (total: 0-1)
• O Qarabağ vai ser o adversário do Celtic, após o campeão azeri prevalecer no Montenegro.
• O avançado brasileiro Reynaldo foi fundamental, e após ter sido bem marcado na primeira mão, esteve perto de facturar no início do jogo, antes de marcar o golo decisivo aos 57 minutos, na resposta a cruzamento de Ansi Agolli na esquerda.

Lech Poznań 1-0 FK Sarajevo (total: 3-0)
• O Lech vai medir forças com o Basileia e o seu apuramento nunca pareceu em risco.
• O defesa escocês Barry Douglas apontou o tento solitário da noite, na cobrança de um livre aos seis minutos.

Repórteres: Yegor Sozinov, Giovanni de Paola, Andy Clark, Ari Erlingsson, Danilo Mitrović e Kacper Zieliński

O Milsami frustrou o Ludogorets
O Milsami frustrou o Ludogorets©Boris Kharchenko

Resultados de terça-feira
Milsami Orhei 2-1 Ludogorets Razgrad (total: 3-1)

Crusaders 3-2 Skënderbeu (total: 4-6)
Dila Gori 0-2 Partizan (total: 0-3)
Žalgiris Vilnius 0-1 Malmö FF (total: 0-1)
Lincoln 0-2 Midtjylland (total: 0-3)
Vardar 1-1 APOEL (total: 1-1, APOEL vence devido aos golos fora)
Maccabi Tel-Aviv 5-1 Hibernians (total: 6-3)
Pyunik 1-0 Molde (total: 1-5)
HJK Helsinki 1-0 Ventspils (total: 4-1)

Sorteio confirmado da terceira pré-eliminatória
(jogos a 28/29 de Julho e 4/5 de Agosto)
Caminho dos Campeões

KKS Lech Poznań (POL) - FC Basel 1893 (SUI)
FC Milsami Orhei (MDA) - KF Skënderbeu (ALB)
HJK Helsinki (FIN) - FC Astana (KAZ)
Celtic FC (SCO) - Qarabağ FK (AZE)
FC Steaua Bucureşti (ROU) - FK Partizan (SRB)
FC Midtjylland (DEN) - APOEL FC (CYP)
Maccabi Tel-Aviv FC (ISR) - FC Viktoria Plzeň (CZE)
GNK Dinamo Zagreb (CRO) - Molde FK (NOR)
Videoton FC (HUN) - FC BATE Borisov (BLR)
FC Salzburg (AUT) - Malmö FF (SWE)

Caminho das Ligas
Panathinaikos FC (GRE) - Club Brugge KV (BEL)
BSC Young Boys (SUI) - AS Monaco FC (FRA)
PFC CSKA Moskva (RUS) - AC Sparta Praha (CZE)
SK Rapid Wien (AUT) - AFC Ajax (NED)
Fenerbahçe SK (TUR) - FC Shakhtar Donetsk (UKR)

• Apurados para o "play-off": Manchester United FC (ENG), Valencia CF (ESP), Bayer 04 Leverkusen (GER), Sporting Clube de Portugal (POR), SS Lazio (ITA)

Topo