Noite de decisões

A primeira pré-aliminatória da Liga dos Campeões conclui-se esta noite, com 20 equipas a procurar assegurar um lugar na ronda seguinte.

A primeira pré-eliminatória da UEFA Champions League conclui-se esta noite, com 20 clubes a lutar por dez lugares na ronda seguinte.

Mais vitórias dos visitantes
Surpreendentemente, cinco dos dez jogos da semana passada foram ganhos pelas equipas visitantes e apenas um terminou empatado. Isto parece indiciar que as partidas da segunda mão poderão oferecer algumas reviravoltas inesperadas.

Os favoritos
Apenas o FC WIT Georgia, que venceu por 5-0 o HB Tórshavn, e o Skonto FC, que venceu por 4-0 o Rhyl FC, podem estar mais descansados nos jogos desta noite, apesar de o KF Tirana, FC Pyunik, NK Gorica e o FBK Kaunas também se poderem considerar favoritos nos seus compromissos.

Vitórias fora de casa
O campeão da Albânia, o Tirana, venceu na Bielorrússia o FC Gomel, por 2-0, ao passo que os arménios do Pyunik vão receber o FK Pobeda, da Macedónia, com uma vantagem de 3-1. Por seu lado, o campeão lituano, o Kaunas, venceu em Malta, por 2-0, o Sliema Wanderers FC. Apesar deste resultado positivo, o seu treinador, Šenderis Giršovičius, apela à calma: "Não podemos pensar que já estamos na ronda seguinte. É no campo que se vence".

Žutautas de fora
Giršovičius não vai poder contar, devido a lesão, com Darius Žutautas, marcador do primeiro golo da edição 2004/05 da Liga dos Campeões. O defesa Darius Regelskis também não poderá jogar, enquanto o médio Giedrius Barevičius está em dúvida.

Poucas opções
O Sliema apenas tem 15 jogadores à sua disposição, com o capitão  Noel Turner, Carlo Mamo e Joseph Farrugia impossibilitados de dar o seu contributo. "É uma grande decepção para mim não jogar", disse Turner. "Não jogámos bem na primeira mão". Esta partida poderá ser a última do avançado Michael Mifsud ao serviço do Sliema, pois tudo indica que estará a caminho da Noruega, onde irá vestir a camisola do Lillestrøm SK.

Eliminatória disputada
Um dos jogos mais renhidos da noite terá lugar no Azerbaijão, onde o PFC Neftchi vai receber o NK Široki Brijeg, clube da Bósnia-Herzegovina, que venceu em casa por 2-1. O treinador do Široki Brijeg, Ivo Istuk, acredita que está tudo ainda em aberto. "O nosso adversário é forte", disse. "Há 50 por cento de hipóteses para cada lado".

Receio finlandês
Outro encontro equilibrado vai colocar frente-a-frente o HJK Helsinki, da Finlândia, e o Linfield FC, da Irlanda do Norte. O HJK venceu fora por 1-0, mas o seu treinador, Keith Armstrong, está preocupado. "Se o Linfield marcar primeiro, estaremos pior do que quando começámos o jogo lá. Temos de estar bem preparados, física e mentalmente".

Tudo em aberto
Na República da Irlanda, o Shelbourne FC vai receber o KR Reykjavík, após o 2-2 registado na semana passada na Islândia, estando assim tudo em aberto, enquanto o FC Sheriff, da República Moldova, tem de defender o 2-0 conseguido em casa, quando defrontar, no Luxemburgo, o AS Jeunesse Esch.

Tragédia ensombra Flora
O encontro em Nova Gorica entre os eslovenos do Gorica e o FC Flora, da Estónia, ficou ensombrado pela tragédia. O Flora, que perdeu o primeiro jogo por 4-2, anunciou que o seu treinador de guarda-redes, Valdemaras Martinkenas, faleceu. O antigo internacional lituano morreu afogado num rio esloveno durante a preparação do clube para o jogo.

Topo