Isco quer Real a completar a missão em Dortmund

Vencedor do Player Rater e marcador na vitória por 3-0 do Real Madrid contra o Dortmund, Isco disse ter ficado muito satisfeito com o seu desempenho.

Isco, do Real Madrid, ganhou com a ausência de Ángel Di Maria contra o Dortmund
Isco, do Real Madrid, ganhou com a ausência de Ángel Di Maria contra o Dortmund ©AFP/Getty Images

Eliminado na época passada, nos quartos-de-final, ao serviço do Málaga CF, o médio do Real Madrid CF, Isco, disse ao UEFA.com que estar em vantagem sobre o Borussia Dortmund – a equipa que acabou com as expectativas dos "boquerones", bem como do Real Madrid, na UEFA Champions League 2012/13 – sabe bem. Entretanto, o defesa internacional português Pepe apelou à equipa de Carlo Ancelotti para que vá à procura de mais golos para adicionar à vantagem de 3-0, na segunda mão, na próxima terça-feira.

Isco, médio do Real Madrid
Foi um bom resultado para nós. Em eliminatórias como esta é muito importante não sofrer golos, pelo que, partindo dessa base, conseguimos um resultado positivo contra o Dortmund para a segunda mão. Penso que fiz um bom jogo; estou contente com a minha exibição e com o meu golo. Acima de tudo, estou contente com a vitória da equipa, o que é o mais importante para todos.

Estamos muito perto de chegar às meias-finais. Demos um passo importante em casa na direcção desse objectivo. Mas os jogos e as eliminatórias devem ser disputados até ao fim e nunca se sabe o que pode acontecer. Vamos para lá com todas as cautelas tentando vencer a partida, tal como fazemos sempre.

O meu golo teve um sabor doce por ser contra o Dortmund, que eliminou [a minha antiga equipa] o Málaga e também o Real Madrid, na época passada. Uma desforra desportiva é uma coisa bonita. Esperamos agora eliminá-los.

Pepe, defesa do Real Madrid
Penso que demonstrámos a qualidade que temos. Começámos o jogo com intensidade alta, pressionando o nosso adversário. Pudemos contar com os nossos adeptos e temos de agradecer-lhes por isso, pois foram um factor importante.

Sabemos o quão importante é ter uma vantagem de 3-0, mas temos de marcar na segunda mão. Temos de jogar para vencer e não para defender o nosso resultado. Ainda há 90 minutos para jogar. O Robert Lewandowski já vai poder jogar e ele é um futebolista fantástico, mas acredito que a força do Dortmund reside no seu colectivo.    

Topo