O "site" oficial do futebol europeu

Real Sociedad "batalhadora" saboreia testes no Grupo A

Publicado: Quinta-feira, 29 de Agosto de 2013, 21.47CET
O treinador da Real Sociedad, Jagoba Arrasate, destacou o "atractivo e aberto" grupo em que a sua equipa vai defrontar Manchester United, Leverkusen e Shakhtar.
Real Sociedad "batalhadora" saboreia testes no Grupo A
A Real Sociedad eliminou o Lyon para regressar à fase de grupos pela primeira vez desde 2003 ©Getty Images
 
 
Publicado: Quinta-feira, 29 de Agosto de 2013, 21.47CET

Real Sociedad "batalhadora" saboreia testes no Grupo A

O treinador da Real Sociedad, Jagoba Arrasate, destacou o "atractivo e aberto" grupo em que a sua equipa vai defrontar Manchester United, Leverkusen e Shakhtar.

John Alexander, secretário técnico do Manchester United
É um bom começo para David [Moyes] na sua nova carreira no Manchester United. É um grupo entusiasmante. O Shakhtar Donetsk tem um histórico fantástico nas competições europeias e ter ainda equipas alemãs e espanholas faz com que seja fantástico.

Nunca jogámos com o [Shakhtar ou com a Real] nas competições europeias, por isso além da meia-final [2002] contra o Leverkusen e o empate, no ano seguinte, é tudo novidade para nós. Quando se joga com equipas alemãs e espanholas - e, claro, o Shakhtar com a sua história, novo estádio, atmosfera e um registo caseiro fantásticos – percebemos que realmente vai ser um desafio.

Darijo Srna, capitão do Shakhtar
Será um grupo complicado. Vamos defrontar equipas fortes de Inglaterra, Alemanha e Espanha. Mesmo saído do quarto pote, temos um dos clubes mais difíceis, a Real Sociedad. Por outro lado, será muito excitante e existem sempre possibilidades. Em Old Trafford, diante de 75 mil pessoas, vai ser uma verdadeira festa. Também sei que o Leverkusen ainda não perdeu na Bundesliga.

Serhiy Palkin, director-executivo do Shakhtar
O Manchester United é o favorito. As outras três equipas estão num nível semelhante, pelo que é arriscado dizer quem vai conseguir qualificar-se. Todas as equipas são ambiciosas pelo que, no geral, é um grupo equilibrado. A batalha [pelo acesso aos oitavos-de-final] vai estender-se até aos últimos jogos. O Shakthar só pode pensar em vencer. Vendemos alguns dos melhores jogadores e agora temos de construir uma nova equipa, que deverá ser ainda mais forte do que a da temporada passada. O nosso principal objectivo é chegar às eliminatórias. No primeiro ou segundo lugar, vamos ver como corre.

Rudi Völler, director-desportivo do Leverkusen
Não poderia ter sido muito pior para nós, realmente, mas estamos obviamente felizes por ter o Manchester United no nosso grupo e que será um dos destaques para os nossos adeptos. Vamos ser corajosos e dar tudo para agradar aos adeptos e avançar para a próxima fase. Não temos nada a temer. Sabemos que somos a novidade, mas não temos nada a perder.

Stefan Kiessling, avançado do Leverkusen
É um grande sorteio, mas ao mesmo tempo muito difícil para nós. Vai ser difícil seguir em prova mas estamos à altura do desafio e vai fazê-lo cheio de motivação e de optimismo.

Simon Rolfes, capitão do Leverkusen
Os nossos adeptos vão poder ver equipas fortes e atraentes. O Manchester United é um clube de topo europeu. Admiro a Real Sociedad e o Donetsk tem dominado tanto na Ucrânia que muito do seu foco está nas competições europeias. Passámos um ano a trabalhar para jogar estes jogos. É uma justa recompensa para nós e para os nossos adeptos.

Jagoba Arrasate, treinador da Real Sociedad
É um grupo atraente e aberto, mas, ao mesmo tempo, uma tarefa difícil. Vamos ver se podemos usar o nosso espírito batalhador. O Manchester United é um dos clubes mais famosos e vamos todos estar ansiosos para jogar em Old Trafford. Se jogarmos bem, podemos vencê-los. Do Shakhtar sabe-se pouco, especialmente se não seguirmos o campeonato ucraniano, mas eles têm investido em bons jogadores brasileiros e são muito bons tecnicamente.

Em casa são especialmente fortes. O Bayer Leverkusen é o clássico clube alemão, que joga um futebol alegre e, contra eles, os jogos vão ser abertos e de desfecho imprevisível. Vamos ver quantos pontos conseguimos na fase de grupos para tentar a qualificação para os oitavos. O nosso objectivo é competir no máximo e tentar alcançar o segundo lugar.

Última actualização: 06-09-13 4.07CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/news/newsid=1987811.html#real+sociedad+batalhadora+saboreia+testes+grupo+a