O "site" oficial do futebol europeu

Skënderbeu quer fazer história frente ao Debrecen

Publicado: Segunda-feira, 23 de Julho de 2012, 16.00CET
O treinador do Skënderbeu, Stanislav Levý, acredita que a sua equipa pode afastar o campeão húngaro e tornar-se na primeira formação albanesa a atingir a terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League.
por Fatjon Pandovski
Skënderbeu quer fazer história frente ao Debrecen
O defesa Ivan Gvozdenović, do Skënderbeu (à esquerda), em acção na partida da primeira mão, frente ao Debrecen ©www.albaniasoccer.com
 
 
Publicado: Segunda-feira, 23 de Julho de 2012, 16.00CET

Skënderbeu quer fazer história frente ao Debrecen

O treinador do Skënderbeu, Stanislav Levý, acredita que a sua equipa pode afastar o campeão húngaro e tornar-se na primeira formação albanesa a atingir a terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League.

O KS Skënderbeu pode fazer história, tornando-se na primeira formação da Albânia a atingir a terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League, se conseguir defender com êxito, terça-feira, frente ao Debreceni VSC, na Hungria, a vantagem de 1-0 alcançada no encontro da primeira mão.

Os campeões albaneses rumam a solo húngaro com uma vantagem mínima na bagagem, graças a um golo solitário de Sebino Plaku à passagem do minuto 65 da partida da primeira mão, mas poderão muito bem ficar a lamentar as várias oportunidades de golo que desperdiçaram ao longo da partida. "Estou muito feliz por ter apontado o tento do triunfo, pois assim posso redimi-me da ocasião que desperdicei nos minutos iniciais", explicou Plaku, que enviou uma bola à trave da baliza contrária no decorrer da primeira parte.

Ainda assim, o treinador Stanislav Levý fez questão de realçar que, para deixar pelo caminho os actuais campeões a Hungria, que em 2009/10 estiveram na fase de grupos da UEFA Champions League, será fundamental uma boa exibição colectiva e não de apenas boas actuações no capítulo individual. "Temos de jogar como equipa", frisou Levý. "Teremos de apresentar uma grande coesão e, se o fizermos, creio que teremos excelentes possibilidades de atingir a próxima eliminatória. Preferia que tivéssemos aproveitado mais algumas das oportunidades de golo que criámos no primeiro jogo, mas isso faz parte do passado e agora há que pensar apenas na partida da segunda mão."

Contudo, para seguir em frente para a próxima ronda, onde à sua espera estará o vencedor do embate entre FC BATE Borisov e FK Vardar, o  Skënderbeu terá de conseguir superar a ausência do seu habitual capitão, Blendi Shkembi, que se encontra lesionado. O avançado de 32 anos foi recentemente submetido a uma cirurgia a um músculo da perna, mas ainda assim vai viajar com os colegas, apesar de não poder dar o seu contributo à equipa. "É muito duro ter de assistir ao jogo do lado de fora, sem poder jogar", reconheceu.

A garantir experiência à equipa estará, porém, o internacional albanês Gjergj Muzaka, que representou já KF Tirana e FK Partizani nos palcos europeus e que também acredita no apuramento da sua equipa para a eliminatória seguinte, tendo acrescentado: "Vai ser agradável." O KS Flamurtari é o único clube da Albânia a ter disputado, até à data, a terceira ronda de uma competição da UEFA. Tal feito teve lugar na Taça UEFA de 1987/88, quando acabou afastado pelo FC Barcelona, sendo derrotado por 4-2 no conjunto das duas mãos.

Última actualização: 23-07-12 18.56CET

Informação relacionada

Perfis das equipas
Jogo relacionado
  • SSI Err

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/news/newsid=1842915.html#skenderbeu+quer+fazer+historia+frente+debrecen