O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

UEFA Champions League: A fase de grupos 2022/23 em números

O UEFA.com analisa os factos e as estatísticas de mais uma época de estreias e marcos na fase de grupos da UEFA Champions League.

Mohamed Salah, Kylian Mbappé, Thiago Silva e Erling Haaland
Mohamed Salah, Kylian Mbappé, Thiago Silva e Erling Haaland

3 O Club Brugge venceu três jogos seguidos na Champions League pela primeira vez e tornou-se no primeiro clube da Bélgica a ganhar as três partidas iniciais da fase de grupos. De resto, Robert Lewandowski tornou-se no primeiro jogador a marcar um hat-trick por três equipas diferentes na competição – uma no Dortmund, quatro no Bayern e uma no Barcelona.

3 Diogo Costa, do Porto, foi o primeiro guarda-redes a defender três penáltis sucessivos na competição. Três (golos fora) foi também o que separou o Benfica do Paris no critério para terminar no topo do Grupo H, uma vez ambas as equipas empataram em tudo: 14 pontos, quatro vitórias e dois empates (1-1 nos confrontos) em seis jogos, 16-7 em golos, mas nove tentos fora para as Águias e seis para os franceses.

4 O Leipzig venceu pela primeira vez na sua história quatro jogos seguidos na Champions League – os últimos, por sinal. Por outro lado, na Jornada 2, o Porto perdeu pela primeira vez quatro jogos seguidos na Champions League, mas respondeu em grande estilo com quatro vitórias consecutivas e terminou no topo do grupo.

5 O Atlético não venceu os últimos cinco jogos na Champions League. É o período mais longo dos Rojiblancos sem vitórias desde a série de nove partidas sem triunfos entre Dezembro de 2008 e Dezembro de 2009.

Resumo: Porto 2-1 Atlético

6 O Bayern venceu os seis jogos da fase de grupos da Champions League pela terceira vez – todas nas últimas quatro temporadas. Os alemães tornaram-se no primeiro clube a conseguir o feito em três ocasiões.

7 Mohamed Salah marcou o hat-trick mais rápido da história da Champions League na Jornada 4, tendo apontado três golos em menos de sete minutos na vitória do Liverpool sobre o Rangers, por 7-1. Em Glasgow, o Celtic voltou a não marcar golos na Jornada 1 pela sétima campanha seguida na Champions League.

10 Na Jornada 3, Erling Haaland marcou dois ou mais golos num jogo da Champions League pela décima vez – e apenas à 22ª presença.

14 O Benfica terminou no topo do Grupo H com 14 pontos, o máximo conseguido pelo clube de Lisboa na fase de grupos da Champions League, superando os 12 alcançados em 2011/12.

Resumo: Frankfurt 0-3 Sporting

15 O Sporting venceu pela primeira vez na 15ª visita à Alemanha, após um empate e 13 derrotas, quando bateu o Frankfurt, por 3-0, na Jornada 1. Os três golos foram todos marcados no espaço de 17 minutos da segunda parte, o que também aconteceu pela primeira vez num jogo fora dos Leões na Champions League.

16 Sadio Mané terminou na equipa vitoriosa nos últimos 16 jogos da Champions League em que marcou. A última vez que fez golo e a sua equipa não marcou foi na final de 2018 entre Liverpool e Real Madrid.

Resumo: Barcelona 0-3 Bayern

17 Rico Lewis, do Manchester City (17 anos e 346 dias), tornou-se no jogador mais jovem a marcar na Champions League no seu primeiro jogo a titular na competição, batendo por seis dias o recorde de Karim Benzema pelo Lyon, contra o Rosenborg, em 2005, enquanto Antonio Nusa, do Club Brugge (17 anos e 149 dias), tornou-se no segundo marcador mais jovem da Champions League, atrás de Ansu Fati, do Barcelona.

18 Lionel Messi tornou-se no primeiro jogador a marcar golos em 18 épocas seguidas na Champions League, descolando das 17 de Karim Benzema.

19 O Bayern venceu o jogo de estreia nas últimas 19 campanhas na Champions League, desde a derrota em casa frente ao Deportivo, por 3-2, em Setembro de 2002. Os alemães não sofreram golos em 17 desses 19 jogos.

20 O Nápoles a equipa que marcou mais golos na fase de grupos, com 20, tornando-se também na primeira equipa italiana a marcar por 20 vezes num grupo da Champions League.

Resumo: Ajax 1-6 Nápoles

24 Nenhum dos últimos 24 jogos do Marselha na Champions League terminou empatado. A mais recente igualdade na competição aconteceu num 0-0 com o Arsenal em Novembro de 2011. O Leipzig, por sua vez, disputou 36 partidas na Champions League e nenhuma terminou num empate sem golos.

25 Erling Haaland (22 anos e 47 dias) tornou-se no jogador mais jovem a marcar 25 golos na Champions League, batendo o recorde anterior de Kylian Mbappé por 33 dias. Demorou apenas 20 partidas para atingir este número, superando o recorde anterior estabelecido por Ruud van Nistelrooy e Filippo Inzaghi (30 jogos).

34 O Bayern aumentou o seu máximo sem perder na fase de grupos para 34 jogos (V31 E3) – e marcou em todos eles. A equipa germânica venceu os últimos 13, o que também é um recorde.

36 O Manchester City marcou nos 36 jogos que disputou em casa na fase de grupos da Champions League. O Bayern, no entanto, marca há 40 partidas consecutivas em casa na fase de grupos, uma sequência que remonta a Novembro de 2009.

Resumo: Man. City 2-1 Dortmund

37 Luka Modrić (37 anos e 54 dias) tornou-se no quinto goleador mais velho da história da Champions League quando marcou pelo Real Madrid frente ao Celtic na Jornada 6.

40 O avançado Kylian Mbappé (23 anos e 317 dias), do Paris, tornou-se no jogador mais jovem a marcar 40 golos na Champions League, batendo o recorde anterior estabelecido por Lionel Messi (24 anos e 130 dias).

44 O Paris marcou nos últimos 44 jogos da fase de grupos da Champions League; a última vez que não o conseguiu foi na derrota contra o Real Madrid, por 1-0, em Novembro de 2015.

47 O defesa-central Thiago Silva, do Chelsea, tornou-se no 47º jogador a chegar aos 100 jogos na Champions League, atingindo o marco no confronto da Jornada 4 contra o Milan, precisamente a equipa pela qual se estreou na competição em Setembro de 2009.

62 Na Jornada 5, Olivier Giroud tornou-se no 62º jogador a atingir 20 golos na Champions League. Com 36 anos e 25 dias é o jogador mais velho a atingir esse número.

Resumo: Dínamo Zagreb 0-4 Milan

74 Djibril Sow, do Frankfurt, percorreu 74 quilómetros em seis jogos – mais do que qualquer jogador na fase de grupos.

83 Toni Kroos, do Real Madrid, fez 83 passes para o último terço do campo em seis jogos – mais 23 do que qualquer outro jogador na fase de grupos.

100 A vitória do Chelsea sobre o Dínamo Zagreb, na Jornada 6, foi a 100ª do clube na era da Champions League. Os Blues tornara-se na sexta equipa a atingir esse feito.

114 O Real Madrid fez mais remates do que qualquer outra equipa na fase de grupos, acumulando 114 em seis jogos. O Bayern (106) ficou em quarto lugar nessa lista, mas teve o maior número de remates na direcção da baliza, com 51.

296 O Frankfurt recuperou a posse de bola em 296 ocasiões durante a fase de grupos – pelo menos mais 18 do que qualquer outra equipa.

304 Foram 304 os golos marcados durante toda a fase de grupos (mais sete do que na época passada), o que perfaz uma média de 3,17 golos por jogo.

As estatísticas não incluem a qualificação, excepto se indicado.