O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Pepsi Changemakers: Momentos marcantes da primeira mão das meias-finais

Thiago Alcántara e Karim Benzema fazem parte da nossa colecção do Changemakers, da primeira mão das meias-finais da UEFA Champions League.

Thiago Alcántara é uma das figuras do Liverpool
Thiago Alcántara é uma das figuras do Liverpool Getty Images

O Changemakers da UEFA Champions League, trazido até si pela Pepsi, escolhe os momentos cruciais que se mostraram decisivos para mudar o rumo dos jogos da primeira mão das meias-finais.

Changemakers: Primeira mão das meias-finais

Thiago coloca Villarreal em sentido (Liverpool 2-0 Villarreal)
Benzema faz a diferença (Man. City 4-3 Real Madrid)

Thiago coloca Villarreal em sentido

"Durante 90 minutos, o relvado foi a sua praia", salientou o painel de Observadores Técnicos da UEFA. As estatísticas comprovam isso: frente ao Villarreal, o médio completou 99 dos 103 passes que tentou, completou nove passes longos, ganhou 100% dos duelos e fez cinco intercepções. Teve ainda tempo para acertar na trave com e iniciou o movimento que originou o primeiro golo da sua equipa, com um movimento de anca que o próprio Elvis se teria orgulhado!

Resumo: Liverpool 2-0 Villarreal
Resumo: Liverpool 2-0 Villarreal

Benzema inspira Real Madrid

O Real Madrid esteve à beira do precipício durante algum tempo no jogo na casa do Manchester City. A equipa inglesa marcou dois golos de rajada e poderia até ter marcado mais mas, em vez disso, Karim Benzema colocou o Real novamente na discussão da eliminatória.

Resumo: Man. City 4-3 Real Madrid
Resumo: Man. City 4-3 Real Madrid

"Não há palavras para dizer o que ele está a fazer", comentou o companheiro Vinícius Júnior, que marcou no segundo tempo. Ainda assim, o Real Madrid perdia por 4-2 nos minutos finais, quando beneficiou de uma grande penalidade. Muitos terão duvidado quando viram Benzema a preparar-se para bater o penálti, ele que tinha falhado dois apenas uma semana antes. Será que o avançado lidaria bem com a pressão? Um "Panenka" depois e tivemos a nossa resposta.