O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Chelsea 2-0 LOSC Lille: Campeões em título assumem controlo da eliminatória

Kai Havertz e Christian Pulišić marcaram, um em cada parte, os golos que deixam a turma londrina em excelente posição para seguir em frente.

Veja como os golos de Kai Havertz e Christian Pulišić deram ao Chelsea uma vantagem na primeira mão dos oitavos-de-final.
Resumo: Chelsea 2-0 LOSC

Kai Havertz e Christian Pulišić marcaram e o Chelsea derrotou o LOSC por 2-0 na primeira mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League.

Momentos-chave

8': Havertz, de cabeça, coloca o Chelsea na frente
63': Pulišić encosta para o segundo dos anfitriões

O jogo em poucas palavras: Detentores do troféu em crescendo

 Kai Havertz felicitado pelos colegas
Kai Havertz felicitado pelos colegasChelsea FC via Getty Images

Acabado de conquistar o Campeonato do Mundo de Clubes da FIFA, o Chelsea entrou autoritário no jogo e Kai Havertz poderia ter marcado por três vezes nos primeiros oito minutos. O atacante alemão, contudo, atirou por cima na primeira ocasião, viu Leo Jardim negar-lhe o golo na segunda e só marcou na terceira, ao corresponder da melhor forma, de cabeça, a um canto cobrado por Hakim Ziyech.

O guarda-redes do Lille voltou, depois, a brilhar para impedir que Marcus Alonso dilatasse a vantagem e aos 36 minutos foi Edouard Mendy a ter de se aplicar na outra baliza para evitar que Benjamin André restabelecesse a igualdade.

Os homens de Thomas Tuchel voltaram a mandar no jogo após o intervalo e só uma intercepção de Zeki Çelik a um remate de Alonso adiou o segundo dos anfitriões, que chegou aos 63 minutos, na sequência de uma excelente investida de N'Golo Kanté, que avançou no terreno e assistiu Christian Pulišić para o 2-0.

O LOSC evitou uma derrota mais pesada, mas terá de mostrar muito mais em termos ofensivos para virar os acontecimentos na segunda mão, a 16 de Março.

Melhor em Campo PlayStation®: N'Golo Kanté (Chelsea)

"Esteve em todo o lado desde o início ao fim do jogo, recuperando inúmeras bolas, ganhando duelos no um para um e servindo ainda Pulišić para o segundo golo. Uma grande exibição, plena de intensidade."
Painel de observadores técnicos da UEFA

Como tudo aconteceu: Chelsea 2-0 LOSC Lille

Reacções

Kai Havertz, Chelsea: Sabíamos que era um jogo difícil. Eles praticam um bom futebol e o primeiro tempo foi complicado para nós. Temos muitos atacantes de qualidade, por isso é bom fazer algumas alterações, para não facilitar as coisas para o nosso adversário. Não estivemos ao nosso melhor nível, não mostrámos a agressividade habitual, mas vencemos por 2-0.

Thomas Tuchel, treinador do Chelsea: "Foi mais um jogo sem sofrer golos e merecemos. Foi difícil não permitir oportunidades, pois eles são uma equipa forte. Foi um jogo de altos e baixos, mas nunca demos grande oportunidades e fomos sólidos. Um jogo difícil, mas uma vitória justa".

José Fonte, capitão do LOSC: "A este nível não se pode dar bolas fáceis, porque os adversários não vão desperdiçar esse tipo de oportunidades. Estávamos a discutir o jogo, tivemos algumas ocasiões e a este nível temos que as concretizar. Temos de ser ainda mais eficazes e mais agressivos com a bola. Isso faz a diferença. Eles tiveram duas ocasiões e marcaram ambas. Nós perdemos bolas em zonas proibidas e quando isso acontece fica difícil. Temos que ver o que podemos melhorar. Temos a segunda mão pela frente, diante dos nossos adeptos, e temos qualidade para importunar o Chesea. Vai ser difícil, mas mostrámos esta noite que é possível".

Jonathan David, avançado do LOSC: "Eles são os atuais detentores da Champions League, uma equipa de grande qualidade, e sabíamos que seria difícil. Eles marcaram quando tiveram ocasiões para isso. Faltou-nos um pouco de qualidade na última bola e isso custou-nos caro."


Joe Cole, BT Sport

"O único aspecto negativo para o Chelsea foram as lesões de Kovačić e Ziyech. Na segunda parte a exibição foi muito boa e Tuchel estará certamente satisfeito."

Estatísticas-chave

• O Chelsea venceu os últimos cinco jogos que disputou em casa para a Champions League sempre sem sofrer golos (GM 13, GS 0).

• Os detentores do troféu só perderam dois dos últimos 19 jogos que disputaram na UEFA Champions League (V13 E4)..

• Os resultados dos "blues" no conjunto de todas as competições quando Havertz marcou esta temporada é agora de V8 E4 D0.

• O Chelsea só sofreu um golo nos últimos oito jogos que disputou para a Champions League em Stamford Bridge

• O LOSC perdeu os últimos quatro jogos fora que disputou contra adversários ingleses nas provas de clubes da UEFA.

 Christian Pulisic festeja o segundo golo do Chelsea
Christian Pulisic festeja o segundo golo do ChelseaChelsea FC via Getty Images

Mais pontuados no Fantasy

N'Golo Kanté – 11
Thiago Silva – 10
Antonio Rüdiger – 8
Kai Havertz – 8
Christian Pulišić – 8

Equipas

Chelsea: Mendy; Thiago Silva, Rüdiger, Christensen; Azpilicueta, Kovačić (Loftus-Cheek 51), Kanté, Alonso (Sarr 80); Ziyech (Saúl Ñíguez 60), Havertz, Pulišić (Werner 80)

LOSC: Jardim; Zeki Çelik, Fonte, Botman, Tiago Djaló (Gudmundsson 76); Onana (Burak Yılmaz 65), André, Xeka; Renato Sanches (Ben Arfa 81), David (Zhegrova 81), Bamba