O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Palhinha e o Sporting - Manchester City: "Temos a ambição de surpreender mais uma vez"

Numa conversa em exclusivo ao UEFA.com, o médio português fala do embate com o Manchester City na Champions League, do Sporting e da importância do treinador Rúben Amorim.

João Palhinha é um elemento preponderante no meio-campo do Sporting
João Palhinha é um elemento preponderante no meio-campo do Sporting Getty Images

Formado no Sporting, na Academia Cristiano Ronaldo, em Alcochete, João Palhinha está no pleno das capacidades aos 26 anos e assume-se como uma das peças fundamentais na transformação e afirmação da equipa que conquistou com mérito o direito de disputar a UEFA Champios League de 2021/22 na qualidade de campeã da Liga portuguesa.

Palhinha está na sua equipa do Fantasy?


Numa conversa exclusiva ao UEFA.com, o médio internacional português fala do embate com o Manchester City nos oitavos-de-final da Champions League, do Sporting e da importância do treinador Rúben Amorim.

Confronto com o Manchester City

Sporting - Man. City: O que esperar nos oitavos-de-final

A ambição tem de falar por si. Obviamente, já sabíamos antes do sorteio que estávamos sujeitos a apanhar uma grande equipa, um tubarão europeu. Na minha opinião, o City é actualmente uma das três melhores equipas do Mundo, muito bem orientada, tem jogadores que são muito polivalentes e podem fazer mais do que uma posição - tanto táctica como tecnicamente são dos melhores que há na Europa. Temos a ambição de poder surpreender mais uma vez; é isso que nos move.

Ruben Amorim: personalidade forte e ideias claras

João Palhinha (à esquerda) e Ruben Amorim festejam a conquista do título da Liga portuguesa por parte do Sporting após a vitória sobre o Boavista, em Maio
João Palhinha (à esquerda) e Ruben Amorim festejam a conquista do título da Liga portuguesa por parte do Sporting após a vitória sobre o Boavista, em MaioNurPhoto via Getty Images

O nosso treinador é uma pessoa com ideias claras e firmes. Sempre foi, já tinha trabalhado com o Rúben no Braga [em 2019/20]. Tem uma personalidade forte e ideias muito claras e é isso que tenta transmitir aos jogadores: o que quer que façamos durante o jogo. Ele adapta-nos para que possamos ir ao encontro das suas ideias. Felizmente, as coisas têm corrido bem.

Ajudou-me a integrar da forma melhor no clube onde me formei. Teve um papel fundamental no meu desenvolvimento e não só no meu. Conseguimos ganhar títulos e o Ruben ajudou a desenvolver jogadores que contribuíram para o sucesso [recente] do clube como o Pote [Pedro Gonçalves], o [Gonçalo] Inácio, o Matheus Nunes...

Muito trabalho duro foi feito por este grupo de jogadores; não temos apenas um treinador que nos ajuda a realizar o nosso potencial, ele é também um amigo. Muitos de nós vêem o treinador Ruben como um amigo, e isso ajuda-nos em campo.

Percurso do Sporting na Champions League

Veja todos os golos do Sporting na fase de grupos

Quando ganhámos o campeonato português ninguém dizia que éramos favoritos. Da mesma forma, após o primeiro jogo [da fase de grupos] contra o Ajax [derrota em casa por 5-1], em que as coisas não nos correram bem, muitas pessoas disseram que não conseguiríamos chegar à fase seguinte da Champios League. E, mais uma vez, fomos uma surpresa para todos.

E volto a dizer: foi graças ao nosso mérito, ao nosso esforço e ao nosso talento que provámos novamente que este é um grupo diferente de jogadores. E temos ainda muito para ganhar esta temporada.

Dupla com Matheus Nunes no meio-campo

Os médios João Palhinha e Matheus Nunes (à direita) têm sido fundamentais na afirmação do Sporting
Os médios João Palhinha e Matheus Nunes (à direita) têm sido fundamentais na afirmação do SportingGetty Images

O Matheus tem sido um jogador muito importante. Foi na época passada e tem sido nesta; tem crescido a olhos vistos. É um jogador que quando pega na bola e a leva para a frente é muito difícil de parar. Não vejo hoje, a nível europeu, muitos médios com as características dele. As suas qualidades como jogador não são fáceis de encontrar no futebol actual.

Jogar na Champions League

Está a ser uma experiência muito positiva. Felizmente, já tinha tido a possibilidade de jogar na Champions League no passado, mas para muitos jogadores desta equipa esta foi a primeira vez. É a prova do bom trabalho que temos feito. A Champions League é onde estão as melhores equipas e os melhores jogadores, por isso é muito gratificante estar nesta competição.